quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Gustavo Tanaka - "Quem disse que a gente precisa concordar?"



Eu vejo o mundo de um jeito. E você de outro. E tudo bem assim. Quem disse que a gente precisa concordar?

Eu vejo cada vez mais pessoas discutindo como se existisse uma única verdade. Como se apenas um ponto de vista fizesse sentido. E se os dois fizerem sentido?

De onde surgiu essa ideia de que precisamos todos chegar a um ponto de vista único que fosse consensual. Acho que nunca vai ser. E essa é a graça da vida. Se fôssemos todos iguais, tudo isso até meio chato.

Eu tenho compartilhado a minha visão do mundo. Tenho compartilhado as minhas ideias e muita gente tem me escrito, dizendo que enxerga o mundo do mesmo jeito.

Isso é legal. Eu fico feliz e me dá força para seguir compartilhando o que acredito. Mas quanto mais pessoas me apoiam, mais pessoas me criticam. E eu acho isso perfeitamente normal.

Eu confesso que ainda fico um pouco chateado quando recebo alguma crítica de gente querendo provar que eu estou errado. Mas é só na hora. Logo passa. Eu entendo que não precisamos todos concordar um com o outro.

Mas para quem não concorda comigo, eu peço uma coisa. Não tente provar que eu estou errado. Não tente encontrar falhas nos meus argumentos para desconstruir a minha opinião.

Certamente existem falhas. E talvez eu esteja de fato errado. Mas me deixe viver tranquilamente com o que eu acredito. Não estou fazendo mal a ninguém vendo o mundo do meu jeito. E sei que você também não está. No final, todos queremos a mesma coisa. Todos queremos viver uma vida boa e viver num mundo justo, livre e abundante.

Então, me deixe tentar implementar as ideias que acredito. Não precisa ficar dizendo que vai dar errado antes de eu tentar. Afinal de contas, o que é dar errado? O que é estar errado? Não existe A VERDADE. Existe apenas o que você acredita.

O ser humano é muito complexo. Eu já escrevi isso antes. Cada ser é um universo inteiro com milhões de variáveis.

E nossa compreensão é extremamente limitada para sabermos o que se passa na cabeça e no coração do outro.

Se eu usar um óculos com lentes amarelas, e você com lentes vermelhas, é certo que eu veja o mundo amarelo e você o mundo vermelho. E não há nada que eu possa fazer para você enxergar o mundo amarelo. Na real, quem disse que o mundo tem que ser amarelo?

Eu gosto do mundo assim. Diferente. Com pessoas diferentes. Com pontos de vista diferentes.

Se todo mundo pensasse igual, o mundo seria muito chato.

Quem disse que a gente precisa concordar?


Autor: Gustavo Tanaka 

Autor do Livro "11 Dias de Despertar"
Veja mais Gustavo Tanaka Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...