terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Jennifer Hoffman - "Administre as expectativas para dominar os resultados" - 08.12.2015



Segure o seu chapéu, pois será uma semana movimentada. Com uma série de aspectos fortes da energia e uma lua nova na sexta-feira, dia 11 de Dezembro, veremos muita ação nos próximos sete dias. Como sempre, se você estiver preparado, saberá como lidar com isto. Caso contrário, será muito perturbador e confuso. Certifique-se de não gastar muito tempo olhando o que está ocorrendo fora da porta, para que você não perca o que está chegando. É o momento da porta giratória novamente, quando liberamos a velha energia para dar espaço para o novo.

A reciclagem, transmissões e integrações da energia constante são cansativas, assim descansem bastante e lembre-se de fazer o seu trabalho de ancoragem e de respiração. Se nos esforçarmos muito ou pensarmos muito no processo, nós o complicamos. É um processo de constante alinhamento, uma porta giratória de energia entrando e saindo. Tudo com o que estamos alinhados é bom e tem um espaço em nossas vidas, e com o que não estamos alinhados, não. Mas, quando temos expectativas, criamos um falso alinhamento que distorce o processo. Este é o tema da mensagem desta semana.

Quantas vezes nós definimos uma intenção e então, desapontamo-nos com o resultado? O problema é, em parte, a nossa intenção, dependendo de para quem estamos fazendo e as nossas expectativas, as coisas que esperamos que não aconteçam. Estas criam o que eu chamo de “falso alinhamento”, porque embora estejamos convencidos de nossa intenção, nosso alinhamento interno está ausente e nós alcançamos os resultados que queremos. Nossas expectativas são um reflexo de nossos medos e esperanças, especialmente aquelas que não queremos admitir. Mas, se nós pudermos manter as nossas intenções pessoais e administrarmos as nossas expectativas, então, poderemos dominar o nosso alinhamento e controlarmos os nossos resultados.

Há dois tipos de intenções, aquelas que fazemos para nós mesmos e aquelas que fazemos para os outros. E embora seja possível estabelecer intenções para os outros, não é uma boa idéia, porque não podemos fazê-las acontecer. Não podemos administrar a energia de outras pessoas ou os seus resultados, não importa o quanto queiramos ou como sentimos que são as nossas intenções com eles.

Há três tipos de expectativas, que representam o que realmente queremos ou acreditamos que seja possível. Há as expectativas de sucesso, de fracasso e de outros. A expectativa mais poderosa é a do sucesso, mas pode, também, ser a mais decepcionante quando ela não funciona. E a razão pela qual ela não funciona como esperamos ou pretendemos, depende do que estamos esperando.

Queremos ser bem sucedidos, mas estamos realmente apenas tentando evitar o fracasso. Isto é como você avançar enquanto olha para trás: você acabará por correr para algo e se magoará.

Será que realmente esperamos fracassar? Talvez não exteriormente, mas se não acreditarmos que podemos ser bem sucedidos, então, estamos esperando falhar. E isto resultará em fracasso, o tempo todo. Mas, às vezes, este fracasso nos protege de nosso medo do sucesso, garantindo que não teremos que enfrentar o medo do que acontece quando somos bem sucedidos, realizamos os nossos sonhos, tornamo-nos o nosso eu mais poderoso, etc.

Por exemplo, se você definir uma intenção para um emprego fabuloso com muita responsabilidade, um ótimo salário, ascensão no trabalho e prestígio, mas não acreditar que  isto irá lhe acontecer um dia, você tem uma expectativa de fracasso, ainda que tenha estabelecido uma intenção para o sucesso.

Ou, você tem uma expectativa de que algo maravilhoso irá lhe acontecer, e você coloca uma intenção para isto, e, então, senta e espera que isto aconteça por acaso, ou apenas funcione por si mesmo. Neste caso, sua expectativa reflete os seus sentimentos de impotência e a sua falta de confiança. Você não preencheu a lacuna da intenção para o resultado com fortes crenças e energia positiva, e não está realmente alinhado com o seu resultado. Você não pensa que pode criá-lo, assim fica esperando que o Universo ou alguma força sobrenatural entre e preencha estas lacunas para você. Na verdade, esta é a única maneira que você acha que o seu resultado é possível.

Expectativas que temos em relação a outras pessoas podem ser complicadas, porque elas representam as nossas agendas pessoais para validação, apreciação e defesa, bem como as nossas lições cármicas. Você pode querer que alguém seja feliz e faz algo maravilhoso para ele, esperando ser reconhecido pelos seus esforços. Esta é a sua agenda pessoal. E se ele ignora os seus esforços ou não os valida, você pode sentir que ele está se aproveitando de você. Mas o problema é com a sua agenda e as suas expectativas. Você quer que alguém o considere valioso, que lhe mostre que ele pensa que você é uma pessoa maravilhosa e você é, mas você tem que criar isto como uma base interna, para que ele possa refletir a sua grandeza, não preencher este vazio.

Expectativas são uma maneira de escondermos a nossa falta de confiança, insegurança, ansiedade e medos. Esperamos algo que simplesmente não acreditamos que irá acontecer, embora esperemos que isto ocorra e é isto o que cria falsos alinhamentos. Estamos alinhados com um resultado que simplesmente não é verdade para nós, porque não acreditamos nisto. Embora possamos criar qualquer resultado que queremos, contanto que seja parte de nosso campo de potencial, nós controlamos o resultado através de nossas crenças. E sem crença e ação, os resultados seguirão a energia de nosso alinhamento, real ou falso.

Intenções são declarações de consentimento energético que criam um caminho focado em que fluir. Expectativas são crenças ou opiniões quanto a como as coisas irão ocorrer. Se uma expectativa está presa ao éter, sem qualquer apoio energético por trás dela, então, é uma falsa intenção e pode acontecer, mas os resultados podem ser decepcionantes. Intenções devem ser pessoais, sobre nós e o que queremos, e as expectativas devem ser baseadas na autoconfiança fiel para que trabalhem juntos da melhor maneira, para criarem os nossos resultados mais desejados.

Podemos usar as nossas expectativas em conjunto com as intenções para criarmos resultados muito poderosos, contanto que saibamos que a ação é uma parte necessária da intenção para o processo do resultado. Isto não significa que temos que trabalhar arduamente, mas temos que nos apoiarmos e o que estamos manifestando.

O que seria possível se déssemos todo o apoio energético, amor, crença e compromisso que damos aos outros, a nós mesmos?

O quanto poderíamos manifestar se estivéssemos torcendo por nós mesmos, apoiando as nossas intenções com fortes crenças e ação?

Podemos criar qualquer coisa que queremos e podemos, quando usamos as intenções da melhor maneira e esperamos o melhor de nós mesmos e para nós mesmos.


Autor: Jennifer Hoffman 
Fonte: http://enlighteninglife.com/
Tradução: 
Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Veja mais Jennifer Hoffman Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...