domingo, 6 de dezembro de 2015

Mestra Rowena - "Os diferentes caminhos do coração" - 02.12.2015



Amados irmãos!

Temos constantemente vindo os lembrar da importância de se manterem em seus sagrados corações, no centro dos seus seres. Nossos irmãos fraternos têm vindo até vocês, trazendo cada um, a seu modo, essa doce lembrança. Cada um têm vindo à sua maneira a os alertar sobre a necessidade de se interiorizarem, buscarem a chama que se encontra acesa em seus sagrados corações. Sim, porque nessa chama está o amor do Pai Celestial, está o amor de toda criação, está a doçura de seus seres, está toda força interior que possuem e está a sabedoria universal. Tudo isso está aí, dentro de vocês, em seus corações.

Quanta magia, quanta benevolência carregam em seus corações, na chama sagrada que sustentam em razão do amor que o pai possui por vocês. Por isso lhes pedimos que olhem dentro de si, que sigam a orientação de seus corações, pois aí está tudo que necessitam. Absolutamente tudo!

Assim, vimos os chamar porque é chegado o momento, filhos amados, de não mais buscarem referências exteriores, bem como de compreenderem aquele irmão que busca um diferente caminho do seu. Nosso pedido é para que busquem seus sagrados corações, mas que também entendam que aquele seu irmão que trilha um caminho diferente, completa-vos dentro do plano universal.

Para ouvirem os sagrados corações, devem parar de buscar por referências externas aprendendo a ouvir e sentir o sagrado querer interno, que os levará à felicidade. Por muito tempo, buscaram referências exteriores sobre o modo de entender, de sentir, de ser, sobre a forma de se comportar do outro. Mas para que se compreendam em completude, precisam aprender a sentir as suas próprias vontades, aquilo que seus corpos lhes pedem, que seu sentir profundo lhes orientam. Esse é um primeiro e importante passo para que possam escutar os sagrados corações.

Outro importante passo, para que não se distraíam em seu caminho, é entender que seu irmão poderá querer trilhar um caminho diferente, porque assim lhe pede seu coração. Quanto sofrimento seria evitado se carregassem esse simples ensinamento! Entendam aquele irmão que está trilhando seu próprio caminho, ainda que diferente do seu. Não há qualquer necessidade que o carreguem ao seu, ou que sejam levados pelo dele. Enquanto assim agirem, estarão a se afastar de seus sagrados corações. Da mesma forma, não há necessidade de expor o seu caminho, mas apenas de trilhá-lo, bem como não há motivo para que entendam o caminhar de seu irmão, por isso apenas o permitam. Esse é um importante passo para que aprendam a ouvir seus sagrados corações, respeitarem-se enquanto seres divinos e reconhecerem também a divindade em seu irmão. Assim o fazendo, estarão dando prevalência ao amor que o Pai sente por vocês, seguindo seu exemplo maior.

Nosso Pai Celestial sempre permitiu que fizessem suas próprias escolhas, porque Ele reconhece sua divindade e sabe que a única forma de serem felizes é respeitando aquilo que se encontra em seus sagrados corações.

Filhos da unidade, respeitem-se, pois assim aprenderão a respeitar seus irmãos. Respeitando-se, estarão progressivamente buscando suas referências interiores, não mais permitindo que o mundo exterior dite seus comportamentos, seu modo de ser. O dia em que assim se virem e aos seus irmãos, em unidade com seu querer, compreenderão que a diferença de corações os completam na unidade.

Assim o fazem nos reinos ascensos nossos irmãos, que já se colocaram em unidade de intenções e agem como UM, cada qual com seu quinhão de colaboração à criação, em perfeição divina.

Mas, vocês, para que cheguem a esse ponto de perfeição, devem dar o primeiro passo, que é pararem de tentar encontrar referências exteriores. Passem a sentir em seus interiores, aquilo que seus corações lhes pedem. Eles sempre o levarão ao melhor e mais fácil trajeto.

Não julguem seu irmão que optou por um caminho diferente, pois aquilo é o que o coração dele o pediu. Nenhum irmão precisa ter o mesmo caminho que o de vocês e, mesmo assim, ele continuará a amá-los porque vocês o deram liberdade, assim como ele os dará. Esse é o caminho da felicidade e do respeito de intenções, o qual deseja o pai celestial que encontrem.

Não busquem o caminho de seu irmão. Busquem pelo seu, aquele que está em seu coração e, ao mesmo tempo, não exija que seu irmão siga o seu. Dê liberdade de escolha a ele, que ele o amará e o respeitará em amor, como um ser soberano. Esse é o primeiro passo da maestria espiritual, para que aprendam a ouvir o sagrado coração, buscando aquilo que ele os indica e também reconhecendo o sagrado coração mantido por seu irmão de caminho. Assim o fazendo estarão tangenciando o amor incondicional que desenvolvemos nos reinos superiores, onde nós amamos e somos amados, porque nos respeitamos mutuamente.

Atente-se a isso, filhos! Sigam o exemplo do pai celestial que lhes concedeu o livre arbítrio, em amor e benevolência ao que são. Ele assim o faz porque os ama profundamente. Assim o fazendo estarão aprendendo a se amar e a se respeitar, dando prevalência ao seu querer, ao invés daquilo que o mundo externo os exige. Assim o fazendo, estarão ajudando a criar um mundo de respeito mútuo, em que impera a confluência de intenções e a paz soberana em todos os corações.

Eu sou a Mestra Rowena, portadora do raio do amor, e lhes trago hoje esse pedido, para que se amem mutuamente e assim sejam amados. Encontrem o pai celestial armazenado em seu coração sagrado, em sinal do amor a seu ser soberano e permitam que aqueles ao seu redor assim o façam.

Com muito amor a tudo que representam, eu me despeço com muito carinho.

Estejam no amor e na paz do Pai Celestial.

Rowena  


Canal: Thiago Strapasson
Veja mais mensagens do Mestra Rowena Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...