quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Benjamin Fulford - "Está se aproximando hora da verdade entre escolha do colapso, caos e derramamento de sangue ou de um reinicio do sistema e um renascimento" - 15.02.2016



Eventos continuam a transcorrer num um ritmo alucinante, na medida em que a ordem mundial do pós-guerra continua ruir e a luta por sua substituição continua a rugir. 

O maior acontecimento foi o primeiro encontro entre um papa e um patriarca ortodoxo russo, em 962 anos. A coisa mais estranha neste evento pode ser vista nesta fotografia da reunião, publicada pelo Vaticano, que mostra uma caveira e ossos entre os dois líderes religiosos.


Fontes da Loja Maçônica P2, as pessoas que mandam no Vaticano, dizem que a caveira com os ossos é apenas um símbolo do renascimento. Neste caso, isso significaria que, tanto o Patriarca como o Papa, acreditam que o Messias regressou, dizem as fontes. No entanto, fontes da CIA dizem que a verdadeira razão do Papa estar ansioso para conhecer o Patriarca, é porque o Vaticano deseja proteção militar russa para garantir sua sobrevivência. Por sua vez, fontes russas dizem que os dois homens assinaram um “Memorando Secreto Internacional, sobre a criação de uma nova religião planetária e da NOVA ORDEM MUNDIAL", que entraria em vigor, em 01 de Maio de 2016.

O Vaticano pode estar sentindo uma urgência de anunciar algo novo, porque a dívida com base no sistema financeiro de que tem sido o controlador secreto, está visivelmente em colapso. Três fontes norte-americanas separadamente, uma do Pentágono e duas da CIA, dizem que o porta-voz do governo corporativo, Barack Obama, na semana passada, frente ao colapso do sistema bancário dos EUA, reuniu-se na Califórnia com representantes da Família Rothschild e com anciões chineses, para pedir permissão para desvalorizar o dólar norte-americano. Foi-lhe informado que não, porque a maior parte dos dólares norte-americanos não são propriedades dos norte-americanos e sim, do restante do mundo que não quer ver seu dinheiro arduamente ganho perder seu valor. Obama, também teve negado acesso a qualquer novo financiamento para seu governo corporativo.

Esta recusa iniciou uma serie de graves lutas internas dentro da estrutura de poder norte-americana, entre uma facção que quer restaurar a República dos Estados Unidos da América e outra que quer preservar o status quo. Como parte deste esforço, o Magistrado do Supremo Tribunal de Justiça, Antonin Scalia, foi assassinado, por meio de um ataque cardíaco induzido por um dardo, dizem fontes da CIA. Comunicados oficiais de imprensa confirmam que nenhuma autópsia foi realizada e que seu corpo já foi cremado.

Fontes do Pentágono dizem que Scalia foi assassinado porque era contra o imposto que o Acordo de Paris "aquecimento global" impôs sobre o carbono e porque apoiava o retorno à República e da lealdade à Constituição dos Estados Unidos. A substituição de Scalia por um juiz mais maleável, embalaria a Corte Suprema com uma maioria de 5-4, para apoiar os impostos sobre o carbono e coisas como a imigração desenfreada, controle de armas etc.

Católico de etnia italiana, Scalia morreu no Texas, terra natal do clã de Bush, enquanto o Papa Francisco estava no México, tentando garantir um corte do dinheiro das drogas da facção khazariana nazista de Bush. Várias fontes também afirmam que o Chefe de Justiça John Roberts, também católico, escapou por pouco de uma tentativa de assassinato, na semana passada.

Em retaliação a isso, fontes da CIA dizem que a cabeça da máfia khazariana Bush/Clinton, Hillary Clinton, já foi secretamente indiciada e que Bill Clinton "tem apenas alguns meses de vida, por causa de um transtorno cerebral".

Também, na semana passada, houve um ataque contra a máfia khazariana, controladora do Departamento de Segurança Interna, quando informações particulares detalhadas de 10.000 de seus funcionários foram hackeadas e fornecidas ao Aos Chapéus Brancos do Pentágono e a agências. Este ataque é parte dos preparativos para uma guerra civil que poderia se seguir à declaração de falência do governo corporativo dos EUA, dizem fontes do Pentágono.

Como parte disto, o Banco Wells Fargo está treinando seu pessoal para uma "situação de emergência", em que fecharia filiais e só permitiria que três pessoas entrasse, por um momento, sob a vigilância de guardas armados, dizem as fontes. A FEMA, por sai vez, estará em "testes beta declarando feriado em 18-19 de Fevereiro", em preparativos para um colapso do sistema bancário, dizem.

A máfia khazariana tem espalhado histórias assustadoras sobre prateleiras de supermercados vazias e escassez de alimentos, numa tentativa de chantagear a população dos Estados Unidos e (conseguir) sua submissão.

No entanto, os defensores da restauração da República tem um plano alternativo que envolve o cancelamento da dívida, devolução de bens roubados ao povo e emissão de uma nova moeda norte-americana, em substituição ao instrumento khazariano de escravidão por dívida, erroneamente denominado de "dólar". Em tal cenário, os EUA iriam declarar que não são obrigados a pagar o peso da dívida internacional impagável do falido governo corporativo dos EUA, substituindo-o.


Por sua vez, a facção khazariana dos EUA, quer proibir a circulação de dinheiro em espécie e introduzir taxas negativas de juros. A crença de que taxas de juros negativas  possam estimular a economia real, vem do falso pressuposto de que papeis e quantias em computadores chamados de "dinheiro" sejam um substituto para a realidade. Neste ponto de vista, as taxas negativas iriam forçar as pessoas a gastarem seu dinheiro, a fim de impedi-lo de desaparecer e, desse modo, estimular a economia. Porém, no mundo real, as pessoas sabem que, se colocarem seu dinheiro num banco para desaparecer, prefeririam sacá-lo e trocá-lo por ouro, prata ou qualquer outra coisa que realmente exista no mundo real e, portanto, não iria desaparecer através de trapaças de computadores.

Na Europa, as taxas negativas de juros não conseguiram estimular a economia real e, em vez disso, precipitaram uma espiral da morte do sistema bancário. Em vez de gastar mais dinheiro, as pessoas, com medo do futuro, estão economizando mais e retirando seu dinheiro do sistema bancário. Agora, existem filas dando voltas nos quarteirões em Londres, de pessoas que procuram ouro para comprar. Olhem no gráfico no link abaixo para ver como ações dos bancos estão mergulhando, apesar dos aumentos do preço do ouro.


As pessoas também estão acumulando dinheiro em espécie, porque é imune às taxas negativas de juros. Mesmo que os banqueiros khazarianos tenham sucesso em banir o dinheiro, como desejam, não podem banir ouro, prata, diamantes e outras coisas reais.

Esse tipo de coisa já aconteceu muitas vezes antes. No distrito de vendas de livros, em Kanda, por exemplo, pode se comprar títulos do governo japonês da Segunda Guerra Mundial, anteriormente considerados sólidos investimentos, como antiguidades. O mesmo acontece em quaisquer outros locais de livros antigos do mundo. O papel é apenas papel, quando a ilusão do dinheiro desaparece.

A ilusão está rapidamente desaparecendo, apesar dos bancos centrais, comprarem US $ 12,3 trilhões em ativos, bem como $ 8,3 trilhões em títulos do governo, agora negociados com taxas negativas de juros, ou seja, "dinheiro" que  está se evaporando.

O rumor nos nos mercados é que o Deutschebank, em breve, irá quebrar e desencadear um colapso muito maior do que o choque de Lehman de 2008. No mês passado, as cotações do Deutschebank caíram perto de 50%, com a fuga de seus investidores, temendo a implosão de derivados de US $ 75 trilhões, em derivados respaldados, segundo seus livros contábeis no mundo real, com coisas tais como a impagável dívida grega.

Se Deutschebank quebrar, então será só uma questão de tempo, antes que o Euro se converta num ornamento de papel decorativo. "A queda do Deutschebank arrastará consigo, a [chanceler alemã Angela] Merkel, os Bush e os grandes bancos, que estão todos amarrados juntos", dizem fontes do Pentágono.

Os britânicos já estão claramente fartos do projeto Euro fascista. Uma recente pesquisa de mais de 100.000 leitores do Express, mostrou o apoio 92% para deixar a zona do euro.


Enquanto isso, no Oriente Médio, os eventos estão chegando a um clímax. O Estado pária de Israel sofreu uma queda de 65% no setor de turismo, enquanto seus cidadãos com cérebros lavados e paranoicos, se escondem em casa de "terroristas" imaginários.

A Turquia e a Arábia Saudita, dois outros países controlados pela máfia khazariana, por sua vez, armaram um blefe para o mundo de que estavam prontos para enviar um exército armado com capacidade nuclear, de 350.000 soldados contra a Síria. Quando a Turquia começou um ataque de artilharia na Síria, a Síria recorreu às Nações Unidas. Com nenhum país usou seu veto, disposto a apoiar a agressão turca, a ONU, respaldada pela Rússia, Estados Unidos e China, poderiam tomar medidas para esmagar a Turquia e Arábia Saudita. É por isso que a Turquia rapidamente recuou.

Chineses e russos, juntamente com o Pentágono, entendem que uma solução de longo prazo para os problemas no Oriente Médio será decorrente da prosperidade econômica. Eles também sabem que a divisão de suntas-xiitas, que, basicamente, começou como uma disputa de herança entre primos, precisa terminar. Isto será realizado através de negociações e não de guerra.

Enquanto isso, na Ásia, a máfia khazariana está levando duros golpes. O mais notável e, algo que a mídia corporativa khazariana está tentando varrer desesperadamente para baixo do tapete, é o fato do piloto do voo 370, da Malaysian Air, desaparecido há 2 anos, recentemente ter aparecido em Taiwan.


Opa!

Enquanto isso, no Japão, o regime de Shinzo Abe, escravo dos khazarianos, está em seus últimos momentos. A mudança para taxas negativas de juros, ordenados em Davos, ao Diretor do Bank of Japan, Haruhiko Kuroda, transformou-se num desastre. Em vez de enfraquecer o iene e fortalecer o mercado de ações como previsto, fez exatamente o contrário. Além disso, os números do PIB do trimestre passado, de outubro-dezembro recentemente anunciados, mostram que a economia está encolhendo numa taxa anual de 1,4%. Isto significa que a fraude, conhecida como Abenomics, foi exposta.

Militares norte-americanos, baseados no Japão, bem como da inteligência militar japonesa, estiveram em contato com um representante da Sociedade do Dragão Branco – SDB, na semana passada, solicitando detalhes sobre como realizar um jubileu aqui (Japão).

Os governos da Indonésia, Malásia e Tailândia, em conjunto, também começaram a cooperar com a SDB, dizem várias fontes. Os tailandeses agora também estão trabalhando com os russos, no combate às drogas e ao terrorismo.

A China, por sua vez, está numa farra global de compras. As empresas chinesas aumentaram seus volumes de Fusões e Aquisições (Mergers And Acquisitions - M&A), no exterior, em quase 10 vezes, desde o início deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado.


Por ultimo, representantes dos illuminati gnósticos no Japão e Europa Oriental, recentemente renovaram contatos com a SDB.


Autor: Benjamin Fulford 
Fonte primária: http://benjam20infulford.net
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais artigos do Benjamim Fulford Aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...