segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Saul - "A Paz e o Amor residem dentro de cada um de vocês, é só se interiorizar para reivindicá-los" - 13.02.2016



A Unidade não pode mais ser negada! A ciência de ponta sabe, porque seus experimentos demonstraram, conclusivamente, que tudo está ligado a todo o resto, não existindo separação. No dia a dia, onde a maioria dos seres humanos centra sua atenção, enquanto ganha a vida, a separação é autoevidente. 

Isso é por causa de como concentram suas atenções em suas necessidades corporais, identificando-se com elas em suas sobrevivências, com suas fugas da dor e seus desejos de prazer. No mundo ilusório, corpos parecem muito reais, porque vivem por meio deles, adquirindo todas suas experiências e sensações através de seus chamados cinco sentidos. 

Mas esses são pensamentos limitantes que acreditam que são reais e, mantendo essas crenças limitantes, portanto, as tornam reais. Na verdade, não existem limites! Os limites que experimentam são partes da ilusão que coletivamente construíram.

E, claro, esses limites são um aspecto da ilusão que lhes permitem experimentar a separação como real. Quando a decisão coletiva de experimentar a separação foi tomada, queriam que parecesse ser tão convincente quanto possível. 

Assim, na separação, parece que muitas pessoas separadas estão lutando desesperadamente para acumular o máximo possível dos recursos terrestres, aparentemente limitados, que cada um precisa para a sobrevivência, a fim de garantir que possam continuar a sobreviver. 

Isto leva a conflitos e guerras. Todavia, sempre quando as pessoas têm cooperado em conjunto, pode-se observar que, de fato, existe uma ampla abundância disponível para satisfazer as necessidades de todos.

O que fazem para os outros, fazem para si mesmos. Ao reter e acumularem os benefícios da Terra para seus próprios usos pessoais em detrimento de outros. Veem isso acontecendo em todo o mundo, onde os resultados são escassez. 

Por outro lado, quando compartilham esses bens voluntariamente, sempre terão abundância. Alguns já descobriram isso. No entanto, devido suas histórias de acumulo e controle, a confiança quase desapareceu e a confiança é um aspecto essencial de uma economia amorosa, onde as necessidades de todos são facilmente atendidas.

Precisam confiar uns nos outros para limitação e escassez se evaporar. Entretanto, não confiam, principalmente, em si mesmos, muito menos nos outros, porque traíram ou foram traídos e, assim, esperam que os outros se comportem de forma semelhante. E, porque mantém essa crença, é o que experimentam.

Para o estabelecimento da confiança, o primeiro passo é a intenção de serem confiáveis e confiarem em si mesmos e, se traírem essa confiança, como é provável que aconteça, peçam desculpas e perdoem a si mesmos. Na medida em que se acostumam a perdoar a si mesmos, em vez de julgar, culpar ou se condenarem, verão que a autoaceitação cresce e a traição da confiança é eliminada. 

Quando isso acontece, suas visões ou percepções se expandem e percebem que o que estavam julgando era o mesmo que os outros também estavam fazendo por medo! E que se perdoando, seus temores desaparecem, tornam-se conscientes do medo que os outros estão enfrentando, tornado-se repletos de compaixão por eles, em vez de julgamento.

Esperar ou exigir que os outros mudem antes de suas mudanças, não funciona. Ao longo das eras isso foi claramente demonstrado repetidas vezes. Mudar a si mesmos, pretendendo apenas amar, independentemente das situações em que se encontram e estarem cientes de outras pessoas que também estejam fazendo isso, em vez de focalizar suas atenções sobre aqueles que não estão. 

Uma enorme mudança ocorreu na Terra nas últimas décadas, porque milhões de pessoas tomaram a decisão pessoal de serem sempre amorosas, com o Amor expandindo sua influência em todo o planeta, toda vez que alguém toma essa decisão. 

Como resultado, esses milhões estão se tornando bilhões e, no Tsunami do Amor que envolveu o planeta, conflitos zangados estão se dissolvendo. O Amor é o solvente infinitamente poderoso que dissolve ou derrete tudo o que seja falta de Amor.

Um mundo pacífico e amoroso nunca pode existir por meio de guerras e conflitos. Imaginar que possa, não é só ilógico, é insano.

Muitos dos que estão trabalhando pela paz mundial, estão cientes e fazendo do seu melhor para tornar isso claro aos combatentes, em toda parte. Vocês podem ajudá-los - sim, realmente podem ajudá-los! –Entrando em seus espaços interiores, o profundo templo dentro de cada um vocês, onde o Amor está sempre presente e, silenciosamente manterem a intenção - várias vezes por dia – de experimentarem o calor que habita lá para, em seguida, intencionalmente, compartilhá-lo incondicional e indiscriminadamente com cada ser humano, sem sequer fazer uma única exceção. Como bem sabem, são todos filhos amados de Deus e, Deus não exclui ninguém, ofertando Amor constantemente para todos.

Deus é Amor e sabe que o Amor é a verdadeira natureza de cada um de seus filhos, porque é assim que Ele os criou. O comportamento sem amor de qualquer tipo é conduzido pelo medo, sendo um grito desesperado clamando pelo Amor. Ouçam esse grito e respondam com Amor, pois é por isso que estão encarnados na Terra neste momento.

Somente o Amor funciona, porque, somente o Amor é real! Quando lutam, pensando que a luta é mais forte do que o Amor, estão apenas estendendo a escala do tempo na ilusão e retardando seus despertares do pesadelo da dor e sofrimento, em que parece que estão envolvidos.

Existem muito poucos dentre vocês que não tenham, em algum momento, experimentado o calor e a paz amorosa nos braços de outro. A Paz e o Amor residem dentro de cada um de vocês, é só ir para dentro e afirmar que É seu direito. Entretanto terá que abrir mão de seus poderes de julgamento, ressentimento e culpa.

São todos o Amor encarnado, toda via estar encarnado, significa que aceitou estar sob o véu que esconde o Amor de si, separar-se d’Ele. Mas sabendo que podem separar o véu quando entram nele e reivindicamo Amor, permitindo que Ele os impregne. E quando isso acontece, nunca esquecem, deixando seus medos, que simplesmente somem.

Aqui nos reinos espirituais, aguardamos suas chamadas para o Amor, para que possamos entregar tanto quanto seus corpos físicos possam aceitar. É uma energia intensamente poderosa que tem de ser pessoalmente ajustada para cada um de vocês. 

Não irão experimentá-lo exatamente da mesma forma, mas quando experimentam-no, mesmo que de uma forma muito breve, todas as suas dúvidas sobre o Amor de Deus por vocês irá se dissolver e qualquer sentimento de indignidade ou inaceitabilidade a que tenham se agarrado, terá ido embora. Então, diariamente vão, entrem em seus sagrados santuários e relaxem completamente no Amor que os espera lá.

Com muito amor, 

Saul.


Canal: John Smallman 
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais mensagens do Saul Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...