domingo, 21 de fevereiro de 2016

Suzanne Lie PhD - "Ativar nossas percepções expandidas" - Parte 2 - 17.02.2016


Clarisenciência

Clarisenciência é um termo abrangente para todos os sentidos mediúnicos. Quando somos clarisencientes, nós podemos acessar nossos sentidos expandidos para cheirar, ver e tocar a aura de outra pessoa, ouvir os pensamentos de outra pessoa, sentir as emoções delas e/ou comunicar com seres dimensionalmente superiores.

A clarisenciência é experimentada como um sentimento, normalmente acompanhado por uma sensação física. Nós podemos sentir o cheiro de algo que não “está ali”, ter um relance de algo no canto de nosso olho, saber alguma coisa que não sabíamos um momento antes, sair por um segundo para outra realidade e/ou de repente se sentir confuso e desorientado. Frequentemente nós experimentamos nossas realidades alternativas através de nossa clarisenciência.

Há diferentes tipos de “realidades alternativas”. Uma normalmente é conhecida como nossas “vidas passadas”. Entretanto, tempo e espaço são uma ilusão específica da terceira dimensão. Por conseguinte, assim que elevamos nossa consciência até para a quarta dimensão, nós frequentemente começamos a nos experimentar em uma vida que não é coerente com a vida tridimensional que nós estamos acostumados a experimentar.

Assim que olhamos “para baixo” na frequência pela nossa consciência tetradimensional para a terceira dimensão, nós somos capazes de perceber qualquer período que desejarmos. Nossas muitas encarnações na Terra tridimensional podem ser testemunhadas desta percepção como estando alinhadas numa roda do tempo. De nosso ponto de vista da quarta dimensão essa roda não é vinculada ao tempo. Consequentemente, podemos visitar uma vida em 223 AC, então visitar uma vida em 2034 DC, então visitar uma em 1895 AC. Todavia, assim que entramos em qualquer desses períodos, nós estamos limitados ao movimento cronológico do tempo tridimensional.

A clarisenciência pode ser experimentada como um saber que entra em nossa consciência. Se pudermos confiar nesse saber, ele pode nos orientar pelos muitos obstáculos da vida. Essa orientação interna também pode nos direcionar para um melhor conhecimento de nosso eu. Quanto mais conhecemos nosso eu, mais nós podemos discriminar entre as sensações internas que captamos do outro e as sensações internas que surgem de nossas percepções expandidas. Como com todos os relacionamentos, amor incondicional e confiança são o que desenvolve a intimidade. Ser íntimo com nosso eu é um conceito estranho para muitos, mas assim que lembramos e aceitamos nossa verdadeira Alma/EU Multidimensional, essa intimidade expande exponencialmente.

Telecinese

Telecinese é uma capacidade tetra e pentadimensional que nos permite mover objetos pelo espaço sem as operações de nosso corpo físico. Em nosso eu tetra e pentadimensional, nossa mente, emoções e intenções são mais poderosas que nossos músculos. Portanto, nós podemos deslocar objetos por combinar nossos pensamentos e emoções com nossa intenção consciente.

Telecinese normalmente é referida como “mente sobre matéria”. Em outras palavras, com o uso consciente de nossas habilidades telecinéticas nós podemos mover e/ou influenciar a matéria com o poder de nossa mente. Entretanto, as emoções também têm um forte papel na telecinese. Telecinese consciente é uma das percepções expandidas menos comuns. Por outro lado, nós frequentemente influenciamos a matéria com a nossa mente/emoções de uma maneira inconsciente. Por exemplo, aqueles que têm mais de uma propensão para a telecinese, às vezes acendem as luzes da rua ou as apagam simplesmente por caminhar sob elas.

Essas pessoas podem ser atraídas para artes marciais ou esportes tais como tênis, basebol, golfe, nos quais o poder da intenção pode ser conscientemente usado para direcionar o curso da bola ou o golpe das artes marciais. Artistas que trabalham com entalhe ou escultura podem também ter um talento não reconhecido para a telecinese, pois eles manipulam a matéria com suas mãos, mas a intenção de suas mentes/emoções inconscientes também pode ser um forte componente do seu trabalho artístico.

Outro tipo de telecinese inconsciente é um poltergeist. Um poltergeist não é um “fantasma”, mas o movimento da matéria através da intenção inconsciente de uma pessoa viva. Frequentemente essa pessoa é um adolescente que não está ciente da força de suas emoções extremas. De fato, medo, raiva e mágoa podem ser forças muito poderosas. Infelizmente, quando essas emoções são usadas inconscientemente para manipular a matéria, normalmente é aterrorizador para a pessoa que involuntariamente criou esse movimento. Carl Jung, famoso psiquiatra e discípulo de Freud, falou sobre suas experiências telecinéticas quando adolescente em sua autobiografia, Memórias, Sonhos e Reflexões. Na adolescência ele leu todos os livros do décimo terceiro século sobre alquimia que ele pôde encontrar. Consequentemente, ele despertou um grande poder, mas ainda não tinha obtido qualquer mestria sobre suas emoções.

Emoção forte é um componente importante na telecinese porque emoção é “energia em movimento”. Assim que obtemos mestria sobre nossas emoções, nós podemos usar emoções baseadas no amor para consciente e amorosamente elevar a frequência da matéria para a quarta dimensão onde ela está menos sobrecarregada pelo tempo e espaço. Então nós podemos movê-la sem a limitação do peso ou massa tridimensional. Se pudermos conectar conscientemente com nossa consciência quântica, nós podemos usar a manifestação instantânea de nosso pensamento quântico para teletransportar a matéria para qualquer lugar do Universo – instantaneamente!

Provou-se que nosso “DNA lixo” funciona como pequenos wormholes onde mensagens, e eventualmente matéria, podem ser instantaneamente teletransportadas para qualquer lugar. Em um experimento, amostras de DNA lixo foram postas em frascos e levadas para outra sala. Fotos de emoções de medo foram mostradas para o sujeito, e o DNA na outra sala instantaneamente colapsou e meio que se desfez. Fotos de emoções amorosas então foram mostradas e, instantaneamente, o DNA se recuperou e voltou para seu estado mais vibrante. O Militar Norte-americano, que fez o experimento, então distanciou centenas de milhas os frascos e o DNA ainda respondia instantaneamente. É provável que o “teletransporte” usado em Star Trek seja um exemplo desta forma de telecinese. A matéria é desmontada para o nível quântico, onde ela pode se mover além do tempo e espaço, então reestruturada no local pretendido.

Iluminação

A iluminação ocorre quando entregamos nosso ego para nossa Alma/EU pentadimensional para se tornar UM com o AGORA das dimensões superiores. Apenas um momento 3D dessa União pode nos colocar num Caminho que leva a maior parte de nossa vida para viajar.

Iluminação é o que ocorre quando fazemos o download e a integração de nosso EU Multidimensional em nosso vaso terreno físico. Assim que integramos totalmente nosso EU em nosso eu, nossa consciência expande de Consciência Pessoal para Consciência Coletiva para Consciência Planetária para Consciência Galáctica para Consciência Cósmica. Com cada expansão de nossa consciência nosso sentido de EU aumenta. Nosso “sentido de EU” é definido como: aquele com que nós sentimos um sentido completo de UNIDADE.

Enquanto na Consciência Pessoal, nós pensamos em nosso EU como um ser humano tridimensional que está totalmente consciente do funcionamento de nossa vida mundana. Também estamos cientes de nossa Criança Interior e Ego. Por conseguinte, nós somos capazes de usar nossas percepções expandidas para receber comunicações através de nosso corpo, Criança Interior e, através da prece, com Deus e/ou Santos e Anjos.

Na Consciência Coletiva nós sentimos unidade com toda a humanidade e pensamos em nosso EU como sendo um membro da família de toda a humanidade. Por causa disso, nós podemos usar nossas percepções expandidas para sintonizar na quarta dimensão e comunicar com a massa, a Consciência Coletiva dos humanos na Terra.

Com a consciência Planetária, nós sentimos unidade completa com o nosso planeta, que expande nossa consciência para abranger a quarta dimensão. Com o despertar de nossa consciência multidimensional nós podemos perceber nosso EU como um componente de Gaia, a consciência da Terra. Neste caso, nós usamos nossas percepções expandidas para comunicar diretamente com nossa Mãe Terra e também com TODOS os habitantes dela. Nós também podemos conectar com os Elementais tetradimensionais da terra/gnomos, ar/silfos, água/ondinas e fogo/salamandras.

Com a consciência tetradimensional nós também podemos comunicar com as muitas realidades e seres que ressoam à quarta dimensão. No início, nós podemos somente ser capazes de acreditar que esses Seres maravilhosos e Guias Espirituais até existem. Então, com o passar do tempo, nós percebemos que muitos desses seres são expressões tetradimensionais de nosso próprio EU Multidimensional.

Com a Consciência Galáctica, nós sentimos unidade completa com os muitos planetas, sistemas solares e galáxias que ressoam à quarta e à quinta dimensão. Essa unidade nos permite integrar totalmente nosso EU Multidimensional e expandir nossa consciência para a quinta dimensão e aterrar essa frequência da Luz no corpo de Gaia. Aí, os “ETs” são percebidos como outras expressões da nossa Alma/EU e membros de nossa Família Estelar.

Nós fomos além das limitações da dualidade, tempo, espaço e separação. Nós percebemos nosso corpo físico como o veículo terreno que usamos e mantemos para nos “levar” pelas experiências de ser um membro da Equipe de Ascensão Planetária. Nós percebemos todos os aspectos da realidade física como uma bênção ou uma iniciação para nos lembrar de liberarmos todo medo e vivermos em amor incondicional sempre e para sempre. Desse estado de consciência, nós somos Mestres da Energia e acompanhamos atentamente nossos pensamentos e emoções para que eles não ameacem baixar nossa consciência. Não somos mais vítimas de qualquer pessoa, local, situação ou coisa e assumimos total responsabilidade por todas as manifestações em nossa vida.

Com a Consciência Cósmica, nós podemos ir para a quinta dimensão e acima e também para as realidades quânticas e pensamento quântico. Nós estamos nos preparando para liberar todos os apegos à forma e ver nosso eu como sendo pura consciência. A viagem interdimensional é normal, pois nós interfaceamos com nossa Superalma na sétima dimensão para ajudar nossa Família de Alma a trazer TODAS as nossas expressões do EU para o Lar, para a ressonância da Consciência Multidimensional.

Nós não precisamos mais procurar, pois vivemos na Inteligência Divina, Sabedoria Espiritual e Criatividade Infinita. Nós compartilhamos nosso Ser Iluminado com outras expressões do nosso EU e com todos que procuram nosso conselho. Se ainda mantemos um vaso terreno aterrado (normalmente para participar da ascensão planetária), nós mantemos uma conexão constante ao nosso EU Multidimensional e também com o coração de Gaia. Nós vemos um de nossos serviços como sendo transformadores redutores para aterra a luz de frequência mais alta e a realidade quântica no corpo da Terra. Como esse serviço, nós elevamos a frequência de ressonância do planeta para facilitar a ascensão planetária.

Estamos livres do ego, então não procuramos fama ou reconhecimento e normalmente os vemos como uma distração para o nosso verdadeiro trabalho. Nós andamos no planeta Terra como uma pessoa “normal” que ainda tem que pagar contas, ir trabalhar e alimentar nosso corpo. Nós sabemos que é uma tarefa imensa manter uma forma tridimensional com as frequências expandidas de nossa consciência, mas viver com as muitas dores da realidade física sabendo que “isso também passará”.

Nós SABEMOS que somos imensamente privilegiados para ser um membro desse Momento Cósmico e constantemente se esforçar para manter a conexão com nossa Superalma através de todas as muitas realidades dimensionais até o nosso corpo físico. A maioria de nós tem sofrido grandemente em nosso sacrifício para esquecer nosso EU para servir na criação da Terra pentadimensional e no retorno para ela. Nós sabemos que, visto que a Terra pentadimensional ressoa além do tempo e espaço, “retornar” e “criar” podem acontecer simultaneamente.

Nós procuramos outros do nosso tipo que mantêm seu EU no seu vaso de barro como um serviço planetário e galáctico. Nós ainda ficamos com fome, cansados, irritados, confusos, pobres ou doentes. É o sacrifício máximo que fizemos para aterrar nosso grande EU em Gaia e assistir na ascensão para a quinta dimensão como um planeta inteiro.

Felizmente, mais e mais de nós estamos despertando para o nosso EU Iluminado e percebendo que não temos que FAZER nada.
Somente temos de SER nosso EU!


Parte 1 Aqui
Parte 3 Aqui

Autor: Suzanne Lie PhD 
Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com
Veja mais Os Arcturianos e Suzzane Lie PhD Aqui 




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...