domingo, 20 de março de 2016

O Conselho - "O que significa isso? Uma perspectiva" - 09.03.2016



Hoje nós estamos indo, mais uma vez, reiterar sobre algumas coisas que se tornaram de conhecimento bastante comum em seu mundo ao longo dos últimos cinquenta anos ou mais. E então, vamos aplicar isso de uma maneira que muitos de vocês ainda não perceberam. O conhecimento está lá. Mas, como sugerimos no título, o que significa isso?

Ao você olhar ao seu redor, já não é necessário estender muito a sua imaginação para ver que tudo que você vê é composto de moléculas. Não estão todas paradas para você vê-las saltar como coleções de átomos. E é quase automático para a maioria de vocês entender isso, que estes contêm partículas subatômicas.

Agora que você está pensando desta maneira, dizendo que estas podem ser corretamente entendidas como ondas de energia, em vez de partículas, provavelmente resultaria em seu pensamento "Claro!" Há não muito tempo atrás, esta seria uma conversa de loucos.

Então, agora, olhe em volta e veja, perceba, que tudo que você vê, inclusive a si mesmo, é um grande campo de energia. Você percebe também que um campo de energia é um campo de informação?

Então, agora você está em um campo de informação e energia, como parte do campo de si mesmo. Agora, esta energia está vibrando em muitas frequências. E essas frequências estão atingindo todas as partes do campo, até mesmo as partes do campo que a sua mente chama de 'eu'.

Aqui está uma frequência que se situa na nível que os seres humanos interpretar como ‘som’. Aqui está outro que você interpreta como ‘cor’. Outra alcança-o como ‘toque’. O que você está inconscientemente fazendo aqui?

Queremos que entenda que você está montando uma realidade, ou o que você interpreta como uma realidade. Será muito perto do que os outros ao seu redor veem, também. Mas não será exatamente como a realidade de uma outra pessoa. Por que é assim? E o que mais você poderia saber sobre isso?

O "porquê" é que você está inconscientemente interpretando-a, a maior parte do tempo, e o que você recebe é na maioria das vezes com base em experiências passadas, crenças, etc. E nem todos esses são mesmos próprios de você. Você herdou muitos. Muitos foram ensinados a você. Você concordou com muitos outros, tanto a nível de pensamento ou através da negligência de raciocinar sobre eles.

Mas aqui está o ponto deste exercício: Você é, de fato, o cocriador de tudo o que você vê. Não é completamente nem culpa sua, nem é completamente devido a todos os elogios. Mas o que você vê, é a sua interpretação. E a sua reação é mais importante ao que você está reagindo.

E o seu despertar, queridos amigos, é o florescimento da sua capacidade de entender isso, e tomar o controle. Se você está montando esta realidade muitas milhares de vezes por momento, e podemos dizer-lhe que você está, e se você está se tornando mais e mais consciente de que, em seguida, você pode aprender a montá-lo como você deseja que ele seja. E isso é um verdadeiro despertar. Essa é a base do que você chama de manifestação.

Você manifesta o tempo todo. Você sempre está e você sempre estará. Mas você está fazendo isso conscientemente? Você sabe o que está logo abaixo da superfície do seu pensamento consciente? Você vê o quanto é importante para você saber disso?

Agora, o porquê de colocar toda a sua ênfase em conhecer a si mesmo começa a ficar um pouco mais em foco? Porque tudo o que você tem em seu subconsciente é o grande responsável por aquilo que você está recebendo estando consciente. E se você está consciente da regra 80/20 (princípio de Pareto), você pode ver que 20/80 seria muito melhor do que 80/20. Em outras palavras, você provavelmente vai querer lutar para ter muito mais consciência do que desconhecimento. Você vai querer abandonar as crenças que não são fundamentadas na verdade. Você vai querer descartar medos não aterrados. Você vai querer corrigir suas interpretações na maior medida possível. Você deseja que a sua criação de seu mundo esteja muito perto do seu desejo consciente, uma vez que é possível obter. Não é assim? Claro que é.

Esperamos que este discurso seja útil para muitos de vocês o quanto possível. Peça, e vamos trabalhar com você para atingir exatamente isso. É por isso que somos chamados de guias e professores, por isso, aproveite esta ajuda oferecida.

Bênçãos e Amor a vocês. Voltaremos a nos falar.

O Conselho


Tradução: Adriano Pereira / http://blogluzevida.blogspot.com.br/
Veja mais mensagens de O Conselho Aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...