sexta-feira, 8 de abril de 2016

Saul - "A Força do Amor na Experiência Terrena" - 06.04.2016



Que as bênçãos do amor estejam a guiar sua trajetória terrena, meus irmãos.

Ao abrirem-se à irradiação do amor, uma nova compreensão os atrai à vida, porque o amor os eleva a uma visão panorâmica de sua realidade. Ao abrirem o coração ao recebimento desta energia, imediatamente suas aflições se amenizam, porque o amor dilui os limites de sua consciência. Aqueles limites, que a mente dirigida pelos sentidos físicos os impõem, são abrandados a os elevar a uma maior compreensão de tudo.

Quando se esquecem do amor, ou se fecham a esse sentimento sublime através da energia do julgamento, da falta de confiança, do medo, vocês imergem na realidade tridimensional, vocês restringem sua própria consciência e se afastam desse sentimento que é capaz de tornar sua passagem terrena mais amena.

Porque o amor perdoa, afasta as mágoas, compreende, aceita, entende a experiência. E, a partir dele, sua trajetória terrena se torna mais leve, sem tantos pesos a os sobrecarregar, porque apenas com um olhar amoroso é que vocês compreendem a dor que os leva ou leva seus irmãos a ter comportamentos comprometedores à sua própria existência. A falta de amor os leva a atacar outras consciências divinas que estão unidas neste grande projeto que é a experiência da alma na Terra.

A partir do bloqueio à sublime energia do amor, vocês fecham o véu de sua visão a esquecer totalmente que a vida na Terra é uma passagem de aprendizado. Ao se afastarem do amor, vocês se aprofundam na realidade material, como se essa fosse a única existente e tudo o mais fosse ilusão, quando é justamente o contrário.

O amor os traz uma visão panorâmica, porque é compassivo, compreensivo, tirando-os da energia do julgamento e os conduzindo ao equilíbrio interior. Perante o amor a tudo e todos, tudo está bem! Pois os atos de desatino são vistos, não de forma a os tolerar sem que haja qualquer reação, mas sim, de evitar que aqueles que sofreram se tornem iguais àqueles que se desviaram.

Quando vocês agem com ódio, com raiva, sem compreensão, vocês estão olhando em um espelho, que os torna tão iguais quanto aqueles que criticam. Agora, dentro da energia do amor, vocês compreendem que aquela manifestação de desequilíbrio se fez contrária também àquele que a promoveu. Há um olhar compassivo. Mas a integração a esse sentimento sublime os impede de descer ao nível vibracional daquele seu irmão que está a lutar contra si próprio e todos os demais.

Não dizemos que o amor é impune, mas ele os eleva a ponto de não os permitir que se afundem na realidade material. Ao contrário, ele os mantém em um nível vibracional que lhes proporciona uma visão panorâmica, evitando que adentrem ao âmago do jogo tridimensional, que é a vida na Terra.

Não se fechem ao amor. Sustentem essa energia nas situações mais desafiadoras, porque o amor os trará suavidade, compreensão, tornando-os mais leves e sustentadores de uma paz interior profunda.

Essa paz é irresistível! Experimentem utilizá-la e verão a modificação imediata das reações daqueles que os ofendem ou atacam ou não são gentis, e que promovem atos de desamor contra si próprio. Quando se sustentam nessa energia, não há aquele que resista, pois o amor é irresistível. Façam o teste e comprovem a força dessas palavras.

Como todo meu amor.

Saul


Canal: Thiago Strapasson
Fonte: http://coracaoavatar.blog.br/
Revisão: Solange Yabushita / Angelica T. Tosta
Veja mais mensagens do Saul Aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...