terça-feira, 17 de maio de 2016

Mestre El Morya - "Sobre o Estado Meditativo" - 15.05.2016



Amados Irmãos,

Estamos lhes trazendo um conjunto de lições sobre a imersão da consciência no ambiente planetário, bem como de seus efeitos, mostrando-lhes que há muito mais em vocês que a realidade que vos circunda. E hoje viemos ainda a lhes falar sobre o significado profundo de seu despertar espiritual, de seus comportamentos diante dessa realidade física, e de sua busca ao contato profundo com seu Eu Sou.

Dizíamos sobre o resgate cármico de suas experiências planetárias, como que a os tirar dessa imersão terrestre. É como se, por breves momentos, vocês respirassem um ar mais leve, mais suave e pudessem lá, desse local, observar a si próprios realizando suas atividades cotidianas. A vida no ambiente físico os traz desafios, energias, ruídos, luzes, aparelhos eletrônicos, tudo a os tirar de seu centro sagrado.

Esses inúmeros holofotes que circundam seu dia, estão a todo tempo a os ocupar e a fazer com que sua mente analise essas situações. Esse ambiente os desconecta de si próprios. Isso porque são tantos os flashes que pairam diariamente sobre suas atividades cotidianas, que tudo fica automatizado, robotizado. Há horários a serem cumpridos, trajetos a serem percorridos, tarefas a serem realizadas e não há tempo a se observarem.

Mas, Amados, quando entram em solidão ao seu centro sagrado de quietude, vocês respiram, sentem seus corpos e permitem que essas experiências venham até vocês com o sentir de sua Alma. Vocês buscam a quietude da mente para que o seu sentir, em entrega e confiança, atinja seus sentidos físicos. Quando a mente se aquieta, quando se isolam por breves momentos de todos esses ruídos exteriores que preenchem seu dia, naturalmente, seu Eu Sou eleva sua vibração e, assim, vocês se tornam capazes de sentirem suas emoções, de se observarem, de se entregarem ao fluxo em confiança a os observarem com Amor, em absoluta confiança de sua Perfeição.

Esse é um exercício diário porque, com a prática, vocês não precisarão mais se isolar dos ruídos, dos flashes do mundo, para se ouvirem. Vocês começarão a simplesmente acessar esse estado em todo seu dia. A sua mente se entrega e, então, de forma suave, vocês começam a acessar toda sua sabedoria interior. É como se as respostas simplesmente viessem até vocês, sem procura, sem lógica. Elas fluem até o seu dia. Vocês começam a estar conscientes de suas atividades, saem do modo automático e passam a estar presentes em seu dia, sentindo seus corpos, separando aquilo que lhes faz bem, do que não agrada.

Esse, Amados, é um estado meditativo no qual sua consciência fica presente. Seu Coração lhes mostra o Amor. Seus movimentos são sentidos. Vocês sentem seus corpos após a alimentação, a ponto de saber a sensação que cada alimento os traz. Seus corpos são sábios. Eles mostram o que os nutre, mas para isso precisam sentir.

Então, Amados, utilizem dessa ferramenta maravilhosa que possuem que é o estado meditativo. No início terão um pouco de dificuldade, como se nada estivesse a ocorrer, mas à medida que essa prática for silenciando sua mente, vocês começarão a sentir toda a sabedoria que possuem.

Eu vos agradeço, Meus Amados, de todo Coração, porque Eu sou El Morya, um grande amigo que está a os abraçar agora.

Mestre El Morya


Canal: Thiago Strapasson
Fonte: http://coracaoavatar.blog.br/
Revisão de texto: Angelica T. Tosta e Solange Yabushita
Veja mais El Morya Aqui 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...