domingo, 1 de maio de 2016

Owen K. Waters - "A Inspiração da Humanidade" - 24.04.2016



O universo é projetado para ser reflexivo. Tudo o que você manifestar, voltará a você. Isto é chamado de Lei da Ação e Reação, a Lei do Karma, ou como é simplesmente referido ao usar a frase: “O que vai, volta.”

No entanto, no trabalho espiritual, há uma maneira de aumentar o que vem por aí.

O que vem pode realmente retornar como mais do que você deu, e isto envolve um paradoxo.

Em suas práticas espirituais, você pode gerar um profundo sentimento de paz e de inspiração, podendo trazer para si mesmo uma maravilhosa sensação de elevação espiritual. Por exemplo, em sua meditação, você pode ficar inspirado por uma visão de um mundo futuro cheio de paz e de liberdade para todos.

Você pode ver, no olho de sua mente, um mundo futuro onde todos no planeta estão seguros, e onde você pode viajar para qualquer lugar no planeta com facilidade. Neste futuro, você vê que todos estão conscientes da sua conexão do coração com o coração de cada ser humano no planeta. Neste ambiente de apoio, todos têm completa liberdade para expressar a sua exclusiva criatividade como a sua contribuição para uma sociedade amorosa.

Quando você respira profundamente o ar puro e fresco nesta visão do futuro, você sente a sua conexão com a Mãe Terra e com o Sol, doador da vida, que brilha incessantemente em seu mundo. Então, envie o seu amor e gratidão à Terra e ao Sol, e espere em silenciosa expectativa, enquanto estes seres grandes e conscientes enviam em troca, o seu amor e inspiração para você.

Enquanto estiver neste estado de profunda inspiração, ocorre-lhe que a maior parte da humanidade precisa desesperadamente deste tipo de elevação, que a maior parte das almas neste planeta hoje está passando fome, em uma disposição desnorteadora espiritual e autocriticada. Isto lhe traz a percepção de que você tem a oportunidade de ser útil à humanidade através de um ato de autossacrifício, através de um ato de dar aquilo que você tem, a fim de ajudar outros que, de outra forma, não seriam ajudados.

Enquanto neste estado, o sentimento do amor incondicional que você tem pela humanidade praticamente lhe implora que ajude aqueles que ainda não estão preparados para fazer isto por si mesmos. Se você entregar agora este estado, esta energia, este sentimento de inspiração à consciência de grupo da humanidade, então terá criado um vácuo dentro de si mesmo.

Através da Lei da Ação e Reação, este vácuo deve ser preenchido. Entretanto, um ato de autossacrifício em serviço aos outros tem um efeito colateral. Ele eleva a frequência de sua consciência ainda mais do que antes. Assim, quando o vácuo fica preenchido com inspiração e elevação do universo, é preenchido com uma frequência da consciência ainda mais elevada do que antes.

Por causa disto, você se tornará mais elevado e inspirado do que antes.

Através do ato de sacrificar aquilo que você tinha, você realmente irá ganhar mais do que tinha antes.

Este é o paradoxo do amor em ação.

É também a base do antigo caminho do Karma Yoga – o caminho para Deus através da ação e serviço.

Ao dar a energia espiritual à humanidade, você trilha um caminho de ação espiritual. Este poderoso caminho de dar o que você tem, a fim de inspirar outros, é aquele que o leva a estados continuamente mais elevados de inspiração ao longo do seu próprio caminho espiritual.   


Autor: Owen K. Waters 
Veja mais Owen K. Waters Aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...