domingo, 12 de junho de 2016

Ann Albers / Os Anjos - "Um homem sem teto e o leite de amêndoa"



Fico admirada com a maneira que nossas orações são respondidas. Estava correndo por aí na semana passada, para comprar alguns mantimentos e rezando para que eu pudesse ficar no meu centro espiritual, em meio a tantas coisas acontecendo.

E eis que, eu fui parada na frente da loja por um mendigo. Ele usava calças esfarrapadas, uma camisa preta e esfarrapada e um grande chapéu. Ele parecia uma versão delgada do "Indiana Jones" dos filmes dos "Caçadores da Arca Perdida". Mas havia algo diferente em sua energia. Ela era mais digna do que sua aparência.

Quando ele se aproximou, pensei que sabia que ele ia me pedir dinheiro, e já estava em sintonia pedindo a Deus o que devo fazer, quando eu ouvi, "Apenas Ouça".

Em vez de dinheiro, ele perguntou-me se eu estava indo para entrar na loja em frente.

Eu não estava, mas disse que poderia pegar alguns mantimentos, se ele precisasse de algo.

"Você pode pegar leite de amêndoa," ele pediu e começou a me dar algum dinheiro para isso.

Ele disse que me esperaria em frente a loja, mas não queria ir, porque ele tinha um carrinho de cheio de coisas.

- "Claro", respondi. Pedido fácil.

Então fui até a loja, enquanto ele empurrou seu carrinho, era o carrinho mais engraçado de todos os que até então havia visto, maior do que o normal, carregado com pilhas de roupas e outras coisas, incluindo uma TV de tela grande.

Havia algo errado com esta imagem, mas eu não tinha nenhum desejo de fazer outra coisa senão comprar seu leite de amêndoa e fazer as minhas compras. Com pressa, fiquei presa em uma lenta fila no caixa.

A esta altura eu sabia que o espírito estava tramando algo.

Já fora da loja, entreguei ao mendigo seu leite de amêndoa e devolvi $1 de troco. Ao ele me agradecer, ele olhou nos meus olhos e eu senti ter sido atingida por um raio. Um profundo e divino oceano azul de amor me olhou com aqueles olhos. Não havia nenhuma separação.

Alma a alma, não importava que papéis vivíamos na terra... ou além-dela, parecia muito com um dos Espíritos que me orienta, a quem eu conheci após uma ou duas aparições dele.

Naquele momento, havia apenas a dança do divino.

Eu voltei para meu carro e quando me virei não vi para onde ele tinha ido.

Não importava. Eu estava profundamente enraizada no meu centro espiritual, e em algum lugar, em alguma outra dimensão, este homem estava curtindo seu leite de amêndoa.

Eu adoro esta citação de Hebreus... "Não se negligencie de mostrar hospitalidade com estranhos, pois, assim, alguns deles são anjos escondidos."

Talvez eu nunca saiba exatamente o que ou quem este homem era, pois certamente -  os anjos não vão me contar tudo, mas senti a energia, e naquele instante de conexão senti a resposta às minhas preces.

Então, quando você for orientado para ajudar alguém, talvez, apenas talvez, ele estará ajudando você também!

Esta semana tente encontrar o "Dom da Presença", como os anjos gostam de dizer...

1. Se alguém for gentil com você.

Seja gracioso e abençoe-o com sua gratidão.

2. Se alguém lhe tratar mal.

Assim como os anjos, que dizem metaforicamente, "não dignifique o diabo."
Vá embora, fique em silêncio, envie amor, ore. Honre seu próprio e brilhante espírito, mesmo quando alguém não o honrar.

3. Se alguém está em apuros

Veja se você está sendo verdadeiramente guiado e motivado para ajudar. Se não, honre sua própria sabedoria e orientação. Se você está, ajude com um coração alegre.

Em ambos os casos, comemore... você escolheu o Amor!


Canal: Ann Albers
Tradução: Adriano Pereira / http://blogluzevida.blogspot.com.br/
Veja mais mensagens dos Anjos Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...