terça-feira, 28 de junho de 2016

O Conselho - "Eleve-se" - 23.06.2016



Ah! Você vê o quão poderosas suas palavras podem ser? Nós não falamos de uma insurreição. Estamos falando de criar o seu próprio estado de consciência. E o tema atual que queremos falar é sobre o tumulto no qual vocês se encontram neste momento.

Agora, sem fazer uma lista - não queremos fazer disto um "infortúnio", como chamam - queremos falar sobre o fato de que há muitas coisas acontecendo ao seu redor que você realmente acha perturbadoras. E nós sabemos que muitos de vocês estão sobrecarregados com a perene pergunta, "porquê". Poderia haver muitas discussões sobre o por que é que isto ou aquilo aconteceu, e, de fato, existem tais discussões todos os dias. Sua mídia dificilmente permite pensar em outra coisa. Mas essas discussões não chegam a causa subjacente que queremos pedir-lhe para examinar.

Queremos que olhar para isso como uma coletânea de eventos, não como uma série de eventos separados. E nós queremos que você pensa por si mesmos como nós, não como eles ou elas. Pense 'o que nós estamos fazendo e por que', e não 'o que eles estão fazendo e por quê'. Porque quando você for capaz de fazer isso, você irá adquirir uma perspectiva inteiramente nova.

Há muitos níveis de consciência. Há indivíduos. Há famílias e grupos. As cidades têm consciência, como também os estados, países, continentes, espécies e mundos. E a lista continua. Há uma grande mudança em curso, que envolve a todos neste planeta, na verdade, todo este setor da sua galáxia. E esse é o contexto que desejamos explorar.

Você determinou a elevar-se. Você deseja alcançar um estado superior de consciência maior do que tem registrado nos últimos milhares de anos. Bom para você. Mas muito do que sua consciência está a carregando, muito do que você pensa que sabe, e muito do que você tem certeza que é verdade, no que você acredita sobre si mesmo, não podem coexistir nesses níveis mais elevados.
E isso não é novidade para a maioria de vocês. O que você deve ver para entender essa conversa, é que você não vai jogar sua bagagem ao mar se você ainda não reconheceu a sua existência. E nós não queremos dizer 'olhe para o que eles fazem'. Queremos dizer 'olhe para o que fazemos'. Uma vez que começa a 'olhar para o que nós' fazemos, tudo vai mudar instantaneamente. Haverá um aumento inevitável em sua consciência. Por quê? Porque, em seus corações, vocês sabem que não é isso. Se 'eles' fizeram, vocês fizeram separados. E você não pode 'mudá-los'.

Estamos vendo mudanças significativas para a compaixão, a empatia, a amar. Sim, alguns não escolheram isso ainda. Mas, de longe, o maior número de você já o fazem. E isso está mudando você.

Além disso, lembre-se que a partir de seus pontos de vista atuais, você não pode ver, se ou não, um indivíduo tem um contrato para servir ao trazer certas coisas para a atenção do coletivo. É melhor assumir que eles têm do que se condenar. Sabemos que isso é difícil no início. Mas, como já dissemos antes, você precisa aprender a separar o ato do ator. Não há necessidade de tolerar qualquer ação.

E uma última coisa que você pode querer considerar. Todos os itens acima significam que você está fazendo um grande e rápido progresso. As evidências disso ainda estão apenas começando a emergir, mas elas estão lá, e serão inconfundíveis muito em breve. E a alegria de ver essa prova vai estimulá-lo para a frente ainda mais rápido.

Que você possa ver em si mesmo, muitas confirmações dessas palavras. E saiba que nós nunca se separaremos de você.

Bom Dia.

O Conselho


Tradução: Adriano Pereira / http://blogluzevida.blogspot.com.br/
Veja mais mensagens de O Conselho Aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...