sexta-feira, 15 de julho de 2016

Jeshua Ben Joseph - "As Novas Bem-Aventuranças" - 06.07.2016


Simulação de imagem a partir do original "Santo Sudário." 
É assim que eu, Gabriel RL, o vejo.

Amado, em um tempo aparentemente muito longo, foi-me perguntado: “Rabi, como se vive uma vida abençoada? Como se vive feliz, de acordo com Deus?” E eu lhe falei o que veio a ser conhecido em suas Escrituras, como As Bem-Aventuranças. “Bem Aventurados...” O que você registrou em sua Escritura são as notas que vários lembraram deste discurso e daquele tempo.

Querido amigo, eu gostaria de lhe dar neste dia novas bem-aventuranças em uma linguagem que não é deste tempo. Hoje, gostaria de lhe falar claramente e lhe diria, em primeiro lugar:

Bem-Aventurado seja você que permanece em um espaço de não julgamento, em um espaço de abertura, em um espaço onde você reconhece que não sabe o suficiente para julgar e você pede um maior entendimento: “Eu irei suspender o julgamento e me permitirei ver através dos olhos do Pai, não verei com olhos humanos que foram tão treinados a serem reacionários. Vou me permitir estar no espaço do Pai, que não julga. Só irei ver.”

Bem-Aventurado você seja quando se torna novamente a criança que não tem todo o ensinamento do mundo. Bem-Aventurado seja quando você é espontâneo, questionador, querendo saber: “Do que tudo isto se trata, esta experiência de vida? Quem é você? Quem sou eu?” Bem-Aventurado e feliz seja quando se permite ser novamente o filho natural que não foi moldado, restrito, formado para o mundo, mas se conhece como livre, como o Filho do Pai. Bem-Aventurado seja quando se lembra do sentimento da criança que sabe que ela é amada pelo Pai. Torne-se novamente como a criança.

Bem-Aventurado você seja quando está disposto a ser o amigo para outro. Pois quando você está disposto a ser um amigo para outro, você conhece a amizade por si mesmo. Se você deseja ter um amigo – você tem um ditado – seja um amigo. Pois quando você está disposto a deixar de lado o pequeno eu e olha profundamente nos olhos do outro e diz: “Eu reconheço quem você é”, então, você conhece a verdadeira amizade, pois amigos são iguais. Amigos se conhecem como o Filho Sagrado do Pai.

Bem-Aventurado seja quando você dá compaixão. Paixão significa sentir, estar vivo com profunda emoção. E ser compassivo significa estar com o outro em sua paixão. Assim, quando você estiver disposto a experienciar a verdadeira compaixão, seja Um com o outro e compreenda os seus sentimentos, assim, você conhecerá a paixão por si mesmo, e a sua vida ganhará vida com um significado mais profundo.

Bem-Aventurado seja quando reconhece a Fonte do seu ser, pois você reconhece a Fonte de sua prosperidade, você reconhece a Fonte da saúde do seu corpo. Bem-Aventurado seja quando reconhece que a Fonte está no interior – o Pai, a energia Vital, o seu espírito – e a sua preocupação será retirada do mundo. Pois o mundo lhe falará de falta e de limitação e você não se sente abençoado neste espaço. Você se sente perseguido por todos os lados. Bem-Aventurado quando você permanece na morada de sua Fonte.

Bem-Aventurado quando você busca a sabedoria e permite que a sabedoria o faça superar as crenças do mundo. Bem-Aventurado, feliz, livre seja quando é guiado pela sabedoria divina, que não concorda com as limitações das crenças do mundo.

Bem-Aventurado seja quando busca a Verdade. A sabedoria lhe permitirá começar a busca da Verdade. Isto lhe permite abrir a porta para a continuidade da Vida e você compreenderá que a verdade de uma vida é apenas isto:  a verdade desta vida. E que a verdade de outra vida é apenas isto, mas o que é realizado em todas as vidas é a Verdade do seu ser. Esta Verdade é o que lhe permitiu manifestar as experiências e conhecer as vidas. Bem-Aventurado seja quando você busca a Verdade, pois você a encontrará.

Bem-Aventurado seja quando está disposto a viver no Momento do Agora, sem se preocupar com o que foi, sem se julgar por como poderia ter feito algo, como poderia tê-lo feito melhor, como deveria tê-lo feito melhor. Bem-Aventurado seja quando vive no momento do Agora, sem se preocupar com o futuro. Bem-Aventurado seja quando entrega o futuro ao Pai, dizendo: “Pai, eu sei que Você está comigo agora, aqui, neste momento do Agora, e sei que Você estará sempre comigo onde eu for.” Bem-Aventurado seja quando se permite viver no Momento do Agora, livre das limitações do passado e do futuro.

Bem-Aventurado seja quando se lembra e reconhece o Amor do Pai. Bem-Aventurado seja quando reconhece aqui e agora: “Eu sou um ser abençoado, feliz e com sorte. Como estou feliz! Levante-se todas as manhãs com este ditado. Ele transformará o seu dia: “Eu sou afortunado!” Afortunado não porque alguém fora de você decretou que você ganhou uma grande aposta, mas afortunado porque você é a sorte, a Luz. Sua palavra afortunado  (Lucky) é semelhante a uma palavra-raiz distante: lux, que significa luz.

Estas são as suas Novas Bem-Aventuranças. Bem-Aventurado seja quando você medita e vive a partir do espaço da verdadeira bem-aventurança, reconhecendo o Pai em tudo o que faz. Você é a Sua única e mais maravilhosa criação. Bem-Aventurado seja, Amado Filho. 


Nota: “Jeshua ben Joseph” é o nome aramaico original de Jesus, a personificação da energia crística na Terra.

Canal: Judith Coates
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Veja mais mensagens do Jeshua Aqui e Judith Coates Aqui 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...