sábado, 16 de julho de 2016

Natalia Alba - "Uma nota sobre a mudança energética atual na Terra" - 12.07.2016



À medida que continuamos a liberar as camadas de dimensão inferior do self, alguns de vocês vão começar a sentir as “sombras” internas, vindo à superfície, visto que esta Nova Luz traz a purificação para todos os níveis de nosso ser, e a fim de unificar e curar, também devemos acolher nossa outra polaridade como sendo igual. Lembrem-se de que estamos aqui para, em primeiro lugar, unificar ambas, não julgá-las. É crucial que vocês se tratem com amor incondicional, quando constatarem que estão repetindo antigos padrões. Apenas observem, e à medida que se tornam a testemunha eterna, vão se lembrar de como liberar tudo o que não for o seu autêntico Self soberano divino.

Quanto mais escolhermos estar em comunhão com a nossa Alma/Ser Unificado e seguir sua vontade divina, mais vamos descobrir como o velho e as nossas memórias passadas não afetam mais a nossa atual realidade, visto que sabemos que isso não é quem nos tornamos, e que agora somos uma pessoa diferente. Escolhendo uma linha do tempo diferente para nela navegar. Isso também é representado pelo grande trígono de água com que vamos nos defrontar na Lua Cheia de Capricórnio, em 19 de julho, cujo principal objetivo é nos ajudar, com as suas energias regenerativas, a curar e unificar as nossas camadas inferiores, que nos fazem cair na culpa e na falta de respeito e compaixão em relação a nós mesmos e aos outros, quando curamos nossas memórias passadas, sempre codificamos as células de nosso corpo, se não as liberarmos.

Lembrem-se, meus amados, conforme continuamente optamos por incorporar as essências superiores de nosso Self Verdadeiro, cada vez mais deixaremos de julgar nossas experiências passadas, visto que vamos vê-las como necessárias para sermos os seres soberanos em que estamos nos transformando agora. Poderíamos não ter aprendido nada, poderíamos nunca ter alcançado este estado de ser, sem todos esses desafios e dádivas divinas, por que passamos, e que foram oferecidos por meio de diversas experiências passadas. Todas as almas que tocaram as nossas vidas no tempo perfeito, todas as situações que o nosso ego humano julgou como “negativas” foram bênçãos divinas – disfarçadas – para estarmos onde estamos agora.

Portanto, neste momento turbulento, quando tudo parece deteriorar-se, dentro de cada um, ou se vocês veem isso no coletivo, é quando vocês têm que se lembrar, principalmente, de que tudo está dando à luz a uma nova realidade/linha do tempo/dimensão, onde a “morte” de nossos eus de dimensão inferior – visto que os escolhemos livremente – é necessária para que possamos avançar e nos transformar em seres crísticos/cristalinos que somos na verdade.

No coletivo, estamos também observando como as pessoas estão despertando e escolhendo entrar em uma nova linha do tempo. Não é absolutamente coincidência que Urano, bem como as quadraturas de Saturno/Netuno, que estão desempenhando um papel importante durante todo este ano, estejam funcionando como catalisadores para todas as mudanças que ocorrem. Visto que estão representando o rompimento de um antigo paradigma e o surgimento de um novo, com base na integridade e devoção ao Todo, com amor e respeito divinos.

À medida que todos nós continuamos escolhendo nos afastar da própria linha do tempo, e como coletivo o fazemos bem, podemos ver diferentes opções de qual realidade poderíamos gostar de manifestar finalmente. Conforme prosseguimos fazendo descer os aspectos mais elevados de nossa alma, finalmente vamos obter mais clareza acerca daquilo que ressoa melhor com o lugar em que estamos e com o lugar em que o papel da nossa alma é necessário.

Para os outros, que ainda estão no processo de cura, isso pode tomar mais tempo e podem achar mais difícil construir conscientemente as próprias linha do tempo. Sejam pacientes consigo mesmos, concentrem-se em seu desejo/intenção mais puro de onde vocês realmente desejam estar na próxima etapa da sua jornada, confiem e reconheçam que toda dor deve ser acolhida, aceita e compreendida pelo que é – uma ilusão humana de separação – baseada na crença limitada de que algo ou alguém nos pertence e a subsequente sensação de abandono, quando eles partem, assim como a falsa crença de que eles nos feriram, quando, na verdade, ninguém nunca fez nada conosco, mas nos ajudou a lembrar-nos de nossa dor original, oriunda da separação da Fonte e do seu infinito amor.

Para algumas Sementes Estelares, cujo papel principal é estabilizar e atuar como Âncoras da Nova Terra, compartilho a minha experiência, caso contrário eu não poderia falar sobre o que eu não vivencio – ser totalmente compassivos consigo mesmos, quando estabilizamos, quer em nosso estado de sonho, quer durante o dia, não é fácil ajudar o coletivo a avançar para uma nova linha do tempo, sem ser capturado pela sua densidade.

Ao ajudar a purificar e alterar as camadas tridimensionais inferiores da Terra, lembrem-se de que Gaia é um organismo em si, também, não é fácil, conforme tendemos a lidar com outras entidades, cujo propósito não é exatamente nos permitir passar para uma Oitava Superior. Consequentemente, o trabalho interno e a purificação diários são essenciais, enquanto também temos os nossos desafios e jornada pessoal, e pode ser mais difícil lidar com tudo isso.

Concentrem-se em seu papel exclusivo, quando tudo parece desvanecer-se, concentrem-se em sua Luz interior que os ajudará a lembrar-se de reivindicar a sua soberania e permanecer sempre na presença luminescente da sua Alma, que é o que vai mantê-los centrados em seu coração em vez de em todas as ilusões e abusos dessas dimensões/entidades inferiores. Não participamos mais disso, simplesmente deixamos brilhar a nossa Luz/Presença, quando necessário, e deixamos que o ruído externo e as distrações desapareçam, enquanto continuamos optando por brilhar.

Com amor e luz, sempre,

Natalia Alba


Autor: Natalia Alba  
Fonte: http://www.starseedsoul.com/
Facebook: Aqui
Tradução: Ivete Brito – adavai@me.com –
Veja mais Artigos Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...