sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Jenny Schiltz - "Navegar as novas energias" - 10.08.2016



Uau! Esta é a única palavra que me vem à mente, instantaneamente, quando penso na energia que chegou à Terra, conforme nos dirigimos para o momento do eclipse. Essa infusão de energia é necessária para nos manter equilibrados tanto quanto possível, enquanto nos abrimos para o novo. De muitas maneiras, parece como se o campo se tornasse instável devido ao fluxo das energias e é a dedicação para permanecer centrado que garante isso novamente.

Integração profunda que está ocorrendo no interior do corpo:

Fisicamente, estamos em todo o lugar. Alguns acham que precisam dormir mais como uma forma de o corpo integrar as energias. Para mim, estou constatando que o sono não vem tão fácil como normalmente. Há uma tendência à agitação em meu corpo, que é muito semelhante ao modo como me sinto durante a lua cheia. O bônus à falta de sono são os sonhos lúcidos e as ideias que estão fluindo. A maior queixa que tenho escutado e experimentado são as dores de cabeça. O crânio parece que está sendo comprimido. Para alguns isso é debilitante e para outros é uma dor de segundo plano. As crianças e os animais de estimação não estão imunes ao que acontece, assim, vocês podem percebê-los mais pegajosos e temperamentais. A minha filha pequena acordou no meio da noite, com uma terrível dor de cabeça, e apenas segurava a cabeça dizendo-me o quanto doía. Ela também parecia quente, mas, pela manhã, estava perfeitamente bem outra vez. A visão está realmente interessante agora. Isso é o resultado direto dos códigos de luz que alteram o cérebro. Alguns podem sentir a visão embaçada ou mesmo os olhos saltando quando se tenta ler.

Compreensão do que está surgindo em termos emocionais:

Emocionalmente, muitos estão enfrentando o que parece ser uma revisão da vida. As coisas estão surgindo das nossas memórias e até mesmo do físico, de modo que possamos nos reconciliar e liberar o passado. Parece que estamos todos fazendo uma escolha quanto a se queremos continuar como sempre, ou se queremos liberar e caminhar para o novo. Alguns até constatam que pessoas do seu passado estão entrando em contato com eles novamente, ou, que outra pessoa, que detém o mesmo tipo de energia como alguém do passado, esteja se apresentando. Por exemplo, vocês podem encontrar alguém que tenha a energia de um parceiro romântico do passado para que vocês decidam se querem essa energia em sua vida daqui em diante. Quando vocês veem dessa forma, o padrão que mantemos fica mais claro e isso nos permite ver o quanto mudamos nesse processo.

O que estou observando também é o ressurgimento de nossas coisas. Algo que pensávamos que tínhamos sob controle. Algo que pensávamos que tínhamos mudado ou que tínhamos superado. São nesses momentos em que sentimos que caímos para fora do caminho que não devemos nos maltratar, mas observar que aquilo que está surgindo novamente, nos mostra partes que ainda precisam ser purificadas. Quando vocês conseguem ver a mesma questão, a partir de uma percepção mais profunda de compreensão e perdão de si mesmos e dos outros, então, vocês sabem que simplesmente é que vocês purificaram uma camada e estão agora indo mais profundamente. Não podemos ser muito duros com nós mesmos, porque é essa auto depreciação que retarda o processo, não o fato de que a questão tenha surgido novamente.

Parte desse processo é apropriar-nos de nossas coisas e nos conscientizarmos de onde isso repercute em nossa vida. Trata-se de realmente nos tornarmos responsáveis de modo completo por todos os aspectos: o bom, o mau e o feio. É a partir desse lugar de conscientização que as pessoas conseguem mudar. Todavia, muitos de nós nos tornamos conscientes, começamos a mudar, e, por causa dos resultados não serem instantâneos, pensamos que fracassamos. Quando um padrão fez parte de nossa vida, por um longo tempo, o fluxo energético que confirma esse padrão é muito forte, vai demorar muito para mudar. Por exemplo, vamos dizer que alguém tenha um hábito de não assumir responsabilidades e culpar os outros. O rio de energia que apoia isso é longo, largo e profundo. Quando eles decidem assumir responsabilidades, isso desvia a energia do rio para um córrego. Energeticamente, no entanto, esse rio principal ainda é forte e fluente, embora um tanto seccionado. Levará tempo para que uma pessoa consistentemente se desvie do rio de culpar os outros para o córrego da responsabilidade, antes que o fluxo original seja enfraquecido o bastante para não ser a energia dominante. É preciso uma pessoa forte para realmente mudar a si mesma, de modo que quando ocorrem deslizes, sejam compassivos e sejam o próprio líder de torcida, para assegurar-se de que continuem a colocar a energia no fluxo que vocês querem.

Compreensão do fluxo de energias:

Fui procurada por algumas pessoas que achavam que perderam as energias do Portal de Leão por causa de um deslize nos antigos padrões, ou porque elas simplesmente não sentiram nada. Quero que todos compreendam que isso não é algo que se possa prever. Toda a energia que chega à Terra durante essas incríveis aberturas de portais, permanece na Terra. Não vai simplesmente embora, uma vez que o evento acabe. Em dezembro de 2012, eu estava realmente começando a compreender esse processo e disseram-me que eu precisava permanecer acordada e meditar exatamente às 00h12m, no dia 12 de dezembro de 2012, a fim de receber as energias. Bem, eu tentei, mas simplesmente não pude permanecer acordada. Eu acordei devastada, pensando que tinha perdido alguma coisa, que eu tinha sido deixada para trás. O que venho percebendo agora é que os códigos da Terra, que desencadearam o meu despertar, são os mesmos que estão despertando as pessoas agora. Quando é o momento da pessoa, um interruptor é acionado e o processo se inicia.

Pensem em cada novo portal energético e sua influência como um novo curso disponível na faculdade. Nem todo mundo vai estar pronto para a classe mais adiantada, no momento em que ela for apresentada. Pode haver pré-requisitos que precisam ser alcançados primeiramente. No entanto, uma vez que todos os pré-requisitos sejam atingidos, o ingresso para o próximo nível se abre amplamente. O que é impressionante é que não existe limite de tempo para que os cursos tenham que ser feitos. Alguns vão integrar e liberar na velocidade da luz e outros vão demorar mais. Não há certo ou errado, simplesmente confiem que tudo está acontecendo em perfeita ordem.

Uma coisa que precisa que se evite nesta jornada é a fixação   de regras rígidas e duras para si mesmos. Permitam transformar-se e experimentar todas as diferentes partes. Meditar é um grande exemplo. Eu o recomendo, sim, mas somente se lhe trouxer alegria. Vocês poderiam navegar de caiaque, caminhar na praia, dar uma volta de carro, etc., e conseguir esvaziar a cabeça e centrar-se. Quando aquilo que estamos fazendo vira outra obrigação na vida, perdemos o objetivo. O objetivo de que todas as práticas espirituais são para trazê-los para sim mesmos, e que em seu cerne vocês são alegres e cheios de amor por si e pelos demais. Se aquilo de que vocês se utilizam para trazer-lhes alegria, não o faz mais, então, troquem-no. Encontrem novas maneiras de trazer-se ao equilíbrio.

A chamada para servir os outros:

Muitos estão sentindo a chamada para estar a serviço. É um impulso forte, mas que não pode levar à confusão. Acho que alguns sentem a chamada e ela é tão forte, que eles mudam tudo em sua vida, mas, então, ficam paralisados pelo modo como muitas coisas mudaram em sua vida, e o medo toma conta quando eles trituram os números. Nada impede mais o fluxo da abundância do que o medo. O que eu gostaria que todos compreendessem é que muitos dentre vocês são necessários exatamente no lugar em que estão neste momento. Quando não são mais necessários ali, vai parecer que vocês não têm outra escolha senão seguir em frente. A chamada para servir os outros é muito importante e muitos tentam encaixá-la nessa caixa espiritual. Que a menos que entrem em alguma espécie de campo de cura, eles não estão servindo. Todavia, o que é necessário neste momento é que cada pessoa reconheça o seu valor e a sua contribuição em qualquer coisa que surgir. O que é necessário é colocar a mão na massa.

Pensem em uma pessoa em sua vida que lhe causou um impacto enorme. Foi espiritual? Ou simplesmente ela lhe proporcionou aquilo que vocês precisavam? Uma das pessoas que causou um impacto gigantesco em minha vida, foi minha vizinha, quando eu era criança. Eu a adorava, até a chamava de avó. Minha vida doméstica era muito cheia de tumulto, abuso e alcoolismo. Quando minha alma precisava de um retiro, eu atravessava a rua e batia em sua porta. Ela sempre me cumprimentava com um largo sorriso. Ela me acalmava apenas por estar lá. Ela estava a serviço? Com certeza. Ao longo da minha carreira profissional, houve pessoas que ajudaram a me orientar e a abrir novas vias de pensamento para mim. Foram pessoas que me viram como eu sou e mantiveram um profundo amor por tudo. Contudo, os seus títulos de trabalho eram: gerente, processador de declarações, educador de saúde e funcionário dos correios. Eles trouxeram o espírito de amor incondicional e graça em sua posição para mim. Precisamos mais disso. Estar a serviço significa que vocês veem as pessoas e as avaliam pelas almas brilhantes que são. O seu título e como vocês ganham a vida realmente não interessa, a menos que vocês tragam a sua chamada para servir naquilo que fazem todos os dias. Então, vocês vão notar que a sua profissão é apenas uma via para alcançar mais pessoas com a energia amorosa e aberta.

Espero que esta publicação os encontre bem e que o processo de integração continue suave para vocês. Se não for, e vocês estiverem se sentindo jogados ao vento, agora é o momento perfeito para se dar um pouco de amor. Agradeço a todos que compartilham e apoiam este trabalho.

Jenny


Autor: Jenny Schiltz
Tradução:  Ivete Brito – adavai@me.com – www.adavai.wordpress.com
Veja mais Jenny Schiltz Aqui 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...