terça-feira, 2 de agosto de 2016

Jesus - "A honestidade total consigo mesmo é um aspecto essencial do processo de despertar" - 31.07.2016


Simulação de imagem a partir do original "Santo Sudário." 
É assim que eu, Gabriel RL, o vejo.

O retorno da Humanidade à plena consciência, o despertar da ilusão, está prosseguindo em ritmo acelerado. Uma enorme e crescente conscientização de que a vida na Terra seguida de morte não é o destino final e que, na verdade o que está acontecendo na Terra é apenas um momento de passagem, de aprendizado da lição de que o Amor é tudo o que existe e que suas formas físicas são puramente veículos temporários ou residências que ocupam enquanto fazem isso.

Formas que são ideais para esta finalidade. Todavia, quando tiverem concluídos suas "pós-graduações", como todos irão, não terão mais necessidade delas, porque é o estado natural de cada um de vocês, infinitamente ilimitado e preenchido de potencialidades além de seus sonhos. A alegria que irão experimentar na Realidade, em casa, na presença de Deus, é algo além que suas capacidades como seres humanos possam sequer conceber e é para isso que irão despertar.

Na Terra, como humanos, suas tarefas é simplesmente liberar qualquer coisa a que estejam se apegando e que não esteja em alinhamento com o Amor. E quando fizerem isso, mesmo que por um momento, sentirão uma enorme mudança em suas energias, um alívio dos encargos que parecem estar carregando.

Em algum momento, a maioria de vocês foi perdoada por algo que fez ou disse com a intenção de machucar o outro, e que mais tarde se arrependeu. E quando foi perdoado, foi como se um enorme peso tivesse sido tirado de seus ombros. Da mesma forma, quando liberarem qualquer ressentimento, amargura, raiva e ódio que tenha sido "curado", se sentirão mais leves e alegria fluirá para substituir aqueles aspectos de desamor que descartaram.

Todo sofrimento e infelicidade flui de atitudes de julgamento que guardam e sentem necessidade de impor a outros, para faze-los pagar pelas dores que acreditam que tenham lhes causado. Mas a dor, o sofrimento, realmente são causados por suas crenças na percepção dos maus tratos causados por outros, mesmo muito tempo depois deles terem acontecidos.

Efetivamente continuam a se punirem por reterem em suas memórias coisas desagradáveis do passado, ou imaginando novos dissabores no futuro. Mas só existe o Agora! Então, vivam no Agora e vivem em paz, seus estados naturais.

Perdoar a si mesmo é essencial. Quase todo mundo tem sido inculcado com uma forte sensação de que seja seja suficientemente bom e que por isso deve constantemente se esforçar para melhorar a si mesmo. Imerso na ilusão, faz sentido para se tornar educado e aprender as regras sociais básicas que permitem interações agradáveis com os outros.

No entanto, na infância, muitos são desencorajados de fazer o que agrada a eles, de fazer aquilo que estão intuitivamente ou instintivamente atraídos e, em vez disso, são induzidos a estudar e aprender o que os seus "mais velhos e melhores" decidem ser apropriado para eles. Isto os leva a desconfiar de suas próprias orientações interiores e, consequentemente um conflito interno surge que, muitas vezes, leva tanto ao tédio ou depressão, ou para uma poderosa rebelião.

Agora, como adultos, precisam descartar esses deveres impostos e mostos, todos julgamentos negativos e culpas a que os levaram. São todos seres espirituais, com inúmeros amigos e mentores nos reinos espirituais aos quais podem chamar para a assistência e que, entusiasticamente esperam por essa chamada. Vão para dentro quando buscarem orientação. Lá irão encontrar recursos incríveis para ajudá-los a liberar tudo aquilo que não lhes serve mais.

Discutir as opções e possibilidades com amigos humanos pode ser muito útil, todavia, no final precisa tomar decisões com base em suas próprias intuições e orientações oferecidas por aqueles a quem chamam nos reinos espirituais, além de seus próprios sentimentos do que seja certo para vocês. Só vocês podem saber o significado e agirem de acordo e isso é tudo que estão convidados a fazer.


Todos os humanos cometem erros. Por estarem severamente limitados, suas capacidades de plena compreensão do mundo as suas voltas ou situações surgem. Erros são experiências de aprendizagem que levam à sabedoria. Portanto, não se julguem com severidade, em vez disso, gentilmente perdoem a si mesmos, aprendam com eles e não se recusem a admitir tê-los cometidos.

A honestidade total consigo mesmo é um aspecto essencial do processo de despertar, pelo qual todos estão passando e, quando são totalmente honestos consigo mesmos, estarão em paz, porque, então, sabem que podem confiar em si próprios. Confiar em si mesmos e nos outros é muito importante. Sem essa confiança, constantemente estarão esperando cometer erros que, então, devem ser disfarçados, esperando o mesmo dos outros, gerando, assim, um estresse desnecessário. Com confiança, quando se comete erros perdoe-se a si mesmo e siga em frente.

Provavelmente, já devem ter notado que aqueles que são mais pacíficos, contidos e em paz consigo mesmos, são pessoas de honestidade e integridade, pessoas que intuitivamente sentem em que podem confiar. Confiança reflete confiança e desconfiança reflete desconfiança. A traição é uma consequência desta última. Quando for totalmente honesto consigo mesmo, quase sempre poderá intuir se alguém pode ser confiável ou não, o que torna a vida muito mais fácil.

Todos desejam ser amados e confiáveis, porque o Amor é o estado natural de cada um. Todavia, muitas vezes, por medo e resultado de más experiências anteriores, muitos optam por suspeitar, acreditando que este seja um curso prático para viver num mundo onde tantos são traídos diariamente. Entretanto, como a confiança leva à confiança, assim como suspeita leva a suspeita. Aquilo que se pensa esperar é o que irá experimentar. A suspeita bloqueia o Amor, porque não há confiança e, Amor e confiança são inseparáveis.

Como eu e outros canais continuamos a lembra-los: "São todos seres perfeitos, porque o que Deus cria só pode ser perfeito". No entanto, imersos na ilusão como seres humanos, são, porque escolheram ser, severamente limitados em suas habilidades e capacidades. Escolheram esta experiência numa tentativa fútil de se separar da Fonte e, para provar que não tinham necessidade de Deus.

Foi só um jogo que escolheram jogar. Mas porque Deus lhes deu poderes iguais ao Seu quando os criou como seres divinos perfeitos, porque tudo o que Ele é, amorosamente compartilha com toda a Sua Criação, o jogo que inventaram, a ilusão que construíram,  lhes parece verdadeiramente real.

Para descobrirem essa irrealidade, envolvam-se com Amor e só com Amor, porque nada mais é real.  Todos devem ter ouvido o ditado: "O Amor perfeito lança fora o medo", que é uma verdade, porque não existe nada que não seja perfeito Amor. Qualquer coisa que não seja Amor é irreal, ilusório e, portanto, não durável.

Irão todos despertar em perfeito Amor, porque esse é o destino divino e inescapável. Então, liberem seus apegos a qualquer farisaísmo, ressentimento, amargura ou ódio passado que perdure doendo e, permitam-se despertar e se deleitarem com a alegria que se seguirá.

Seu amoroso irmão, 

Jesus.


Canal: John Smallman
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais mensagens do Jesus Aqui


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...