sábado, 6 de agosto de 2016

Os Anjos - "Uma Rosa não existe para agradar os outros" - 06.08.2016



Você vive em um mundo de acordos obscuros e expectativas implícitas. Você vive em um mundo onde muitos sentem que se eles fizerem “x” a alguém, este lhes deve “y”. Um pai cria uma criança e espera que o filho cuide dele nos anos posteriores. Uma mulher ou um homem é uma filha ou filho obediente e espera a bênção dos seus pais quando eles finalmente fizerem as suas próprias escolhas. Um parceiro sacrifica os seus próprios sonhos para o outro, à espera de ser amado e apoiado em troca. Possivelmente, um parceiro apóia financeiramente o outro e espera ser amado por ser o provedor.

Embora estes sejam certamente pedidos razoáveis, eles se tornam problemáticos quando são deixados como expectativas não pronunciadas. Se você fizer algo com uma expectativa de ter alguém fazendo algo ou se comportando de determinada maneira, em troca, então, você, na verdade, deixou de tratar a outra pessoa como uma alma, e começou a tratá-la como um “objeto” – uma coisa que deve se comportar de certa maneira. Inevitavelmente, isto leva à decepção, à amargura, à tristeza e até mesmo, ao ódio em casos extremos.

Na realidade, querido, todos vocês estão aprendendo, evoluindo e tentando ajudar o outro no sentido de uma maior compreensão do amor.

Ao invés de abrigar acordos obscuros, faça pedidos explícitos. “Eu tomarei conta dos seus filhos todas as semanas, se você puder estar disponível quando eu precisar ocasionalmente de alguma ajuda.” “Eu não me importo de fornecer isto para você, mas preciso de um pouco de simpatia e de compreensão, pois eu trabalho longas horas em troca.” “Eu cuidarei de você. Peço apenas que me trate de forma gentil.” E para os seus filhos: “Eu o amo. Espero que você se comporte de certa maneira. Se você não fizer isto, acontecerá isto.”

Decida o que você fará se os pedidos não forem atendidos. Você atenderá ao pedido de outra pessoa? Você abrirá mão dele, percebendo que não é tão importante? Você irá se afastar e se dirigir para pastos mais verdes e almas mais gentis? Será que você irá delinear a consequência de determinadas escolhas?

Se o amigo que você ajudou diariamente não o ajudar, você pode optar por pedir a outra pessoa que o auxilie. Você pode se afastar da amizade, compreendendo que ela foi unilateral o tempo todo. Você pode simplesmente modificar os seus planos. Somente você saberá o que é verdade para você. Se os seus filhos se comportam de maneira que você não gosta, novamente, você tem uma escolha. Você pode se interiorizar em seu coração e lhes dizer como se sente. Você pode rejeitá-los. Apenas você pode escolher o que está honestamente em seu coração.

Este modo de vida exige grande responsabilidade pessoal. Exige que você seja claro sobre o que quer, suficientemente corajoso para expressá-lo e fiel o suficiente para saber que se alguém não pode atender os seus pedidos, todo o universo está aí, à espera para ajudar com outras alternativas. É muito mais trabalho assumir a responsabilidade desta maneira do que simplesmente esperar que outros se conformem aos seus desejos e fique chateado quando não o fazem.

Entretanto, querido, se você quiser ser livre, nós o incentivamos a se liberar e os outros da escravidão das expectativas. Envolva-se em um diálogo verdadeiro, honesto e autêntico em que você faça pedidos explícitos. Permita-se ser quem você é e querer o que deseja. Permita que os outros sejam quem eles são. Desta forma, você verá facilmente quem se adapta honestamente a sua vida, e quem não o faz.

Deus o abençoe! Nós o amamos muito.

Os Anjos


Canal: Ann Albers
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Veja mais mensagens dos Anjos Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...