terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Benjamin Fulford - "A máfia khazariana ainda planeja grandes eventos de falsa bandeira, entretanto sua derrota é dada como certa" - 12.12.2016



A máfia khazariana está planejando espetaculares operações terroristas de falsa bandeira entre agora e 19 de Dezembro, numa tentativa de última hora para impedir que Donald Trump seja formalmente nomeado como presidente dos Estados Unidos, disseram fontes da CIA. No entanto, forças militares da Rússia, China e dos Estados Unidos, agora, estão trabalhando em conjunto para remover os últimos vestígios do controle khazariano, para que esses esforços não sejam mais do que os últimos ataques de uma besta moribunda.

Também, há uma intensa campanha de guerra cibernética em andamento, com o objetivo de remover sites da verdade para que a falsa narrativa do mundo da mídia corporativa khazariana possa ser reafirmada, dizem as fontes. Isto é o que está por trás da tentativa em andamento para tentar rotular a revolução da narrativa verdadeira atual e a eleição de Donald Trump como sendo feito pela "Rússia".

O recente e amplamente divulgado artigo do Washington Post, que contou com uma lista de sites chamados "notícias falsas", citou informações compiladas pelo Departamento de Estado dos EUA e de frentes da Administração de Obama, como The Voice of America, o Atlantic Council e o National Endowment for Democracy.


O fato é que as verdadeiras fontes de falsas notícias são órgãos de propaganda como o New York Times, o Washington Post, a CNN, a BBC, etc. São estes que, ainda, rotineiramente relatam mentiras sobre o 11/09, Irã, Saddam Hussein, ISIL, Rússia etc. Esses meios de propaganda corporativa mentirosos, logo irão experimentar uma mudança na administração e serão forçados a relatar a verdade ou serem fechados. 

Tanto a sociedade secreta asiática como as fontes de agências ocidentais relatam que um grande expurgo está em andamento e que um grande número de pessoas está "sumindo" na Ásia e no Ocidente. O sinal exterior disso, foi a queda de dominó dos governos controlados pela máfia khazariana.

No entanto, fontes da sociedade secreta asiática dizem que as informações fornecidas pela NSA, alegando que o presidente chinês Xi Jinping se reportava a Evelyn de Rothschild era falsa. Eles dizem que os asiáticos têm tido uma série de reuniões onde, entre outras coisas, decidiu-se que, enquanto Xi apoiar a paz mundial, permanecerá no poder. Outros líderes mundiais, entretanto, continuarão a serem demitidos, concordam as fontes.

O mais recente dominó a cair, foi o presidente da Coreia do Sul, Park Geun Hye, que, na semana passada, foi impedido. Os sul-coreanos ficaram furiosos ao ouvir revelações do Wikileaks e outras fontes de que Park tenha participado de "rituais satânicos" e tenha permitido que os espíritos demoníacos "controlassem completamente seu corpo e sua alma".


Houve uma campanha árdua da máfia khazariana para negar qualquer conexão com o satanismo, mas cada vez mais insiders estão revelando que é muito real. As imagens de canibalismo ritualístico de um partido de elite, dirigido por Marina Ambramovic, são um reflexo de orgias canibais muito reais que acontecem, disseram fontes familiares.


Uma lista de celebridades que participaram deste evento pode ser vista aqui:


"A verdade, é que a 'Elite' não estaria fazendo rituais satânicos canibais ou Galas se,  realmente, não estivesse ativamente envolvida em práticas repugnantes e doentias", ressalta uma fonte da CIA.

Muitas informações sobre esses horrores da elite serão divulgadas nos julgamentos por crimes de guerra que devem começar em Janeiro de 2017, concordam várias fontes.

Uma fonte da CIA diz que: Obama como o CEO dos Estados Unidos corporativos, silenciosamente se juntou ao Tribunal Penal Internacional, em 2010.

Há dez anos, George W. Bush concedeu imunidade presidencial às famílias criminosas Bush/Clinton, que termina em 31 de Dezembro. Em 01 de janeiro de 2017 elas poderão ser presas e levadas perante ao TPI. Esta é a razão pela qual estão detidos agora, em prisão domiciliar. Isso estaria sendo mantido em caráter muito confidencial pela fonte.

Irão esperar pelo juramento de Trump e então, certamente, então a sujeira vai ser jogada no ventilador, resumiu a fonte.

Fontes do Pentágono dizem que o General da Marinha John Kerry será o chefe do Departamento de Segurança Interna e que irá limpá-lo dos khazarianos, antes de iniciar uma campanha para fechar a fronteira dos EUA dos "cartéis de drogas e ISIL". Fontes do Pentágono foram informadas de que, a primeira pessoa que deveriam prender seria o senador John "ISIL" McCain. Tais prisões estão ocorrendo, com as grandes perucas programadas para caírem no Ano Novo, confirmaram fontes da CIA.

Enquanto isso, a guerra financeira está furiosa. Isso foi presenciado numa interrupção de terminais da Bloomberg, na semana passada, disseram fontes do Pentágono. Os fundos de hedge, também, sofreram um duro golpe na semana passada, na medida em que a Suprema Corte decidiu por 8 a 0, que o abuso de informação privilegiada é crime, mesmo que o cliente não obtenha nenhum benefício financeiro da família ou amigos, dizem as fontes. Essa decisão tornará muito mais fácil para os agentes da lei limpar Wall Street, disseram.

Além disso, o Banco Wells Fargo expurgou centenas de banqueiros da cabala e que, provavelmente, será assumido pelo HSBC em breve, dizem as fontes. Numa ação relacionada, o banco suíço privado Edmond de Rothschild foi expulso da China, depois que várias autoridades khazarianas do país foram afastadas, disseram as fontes do Pentágono. Os militares chineses, por sua vez, dizem que os únicos bancos ocidentais que confiam totalmente, agora, são o HSBC e o Standard & Chartered.

Militares dos EUA e da China estão negociando um acordo para ajudar num reajuste monetário global, disseram fontes próximas às negociações. O negócio envolve o comércio de dólares para o ouro asiático que está sendo bloqueado pelo clã bancário dos Rothschild, dizem as fontes. Por essa razão, tanto as sociedades secretas asiáticas como as agências dos EUA receberam as coordenadas geográficas precisas da liderança do clã dos Rothschild. A Sociedade Dragão Branco diz que mísseis e bombardeios aéreos devem ser evitados, a fim de evitar a destruição de obras de arte de valor incalculável.

No entanto, fontes da CIA que, há muito tempo lutam contra as famílias de linhagens de sangue seguem uma linha mais dura:


"Será que eles se preocupam quando bombardeiam e destroem tesouros históricos inestimáveis no Oriente Médio? NÃO, porque seu objetivo não é adquirir ou salvar tesouros e sim, alcançar o controle total e absoluto. A cabala não usou armas nucleares táticas no 11/09? Se queremos tomar de volta o controle do nosso amado planeta, apenas uma demonstração igual de força chamará sua atenção. Que vamos enviar uma mensagem suficientemente forte e que estamos falando sério o suficiente e que só nos contentaremos com sua rendição ou aniquilação total... à sua escolha! " 

Os Illuminati gnóstico estão definitivamente inclinados pela "aniquilação total", de modo que a rendição da linhagem às forças mais moderadas da SDB é recomendada, antes que seja tarde demais.

Já houve uma rendição khazariana na Síria. Lá, um cessar-fogo e evacuação de Aleppo foi acordado, depois que as forças do governo sírio e seus aliados tomaram mais de 93% da cidade. Num movimento, definitivamente relacionado, a empresa Glencore, controlada pelos Rothschild e o governo do Catar, na semana passada, concordaram em comprar uma maior participação da empresa russa de energia Rosneft.


A guerra na Síria foi iniciada para forçar a este país a permitir que o Catar e a Arábia Saudita pudessem construir um gasoduto para exportar gás para a Europa atravessando seu território. Os sírios se recusaram porque preferiam um oleoduto controlado pela Rússia. Então, o fato dos catarianos terem chegado a um acordo com a Rússia, significa que romperam com a Arábia Saudita a, respeito das ações na Síria.

Os Sauditas, por sua vez, correram para salvar seus interesses, enviando o Masayoshi Son, do Softbank para visitar Trump e oferecer a criação de 50 mil empregos nos EUA, usando US $ 50 bilhões do dinheiro Saudita. Os Sauditas vão ter que pagar mais do que isso, apenas, como indenização do dinheiro de sangue que devem por todos os crimes horríveis, praticados por seu regime. Basta perguntar aos iemenitas.

O regime saudita será convenientemente "tratado", como parte de um acordo global de conflitos em andamento, que está se desenrolando enquanto o regime Trump se dirige-se para uma “tripla entente ", com a Rússia e a China.

É por isso que a Rússia e os produtores de petróleo não-OPEC, concordaram em reduzir a oferta, visando aumentar os preços e estabilizar as moedas dependentes de energia. A tendência rumo a uma convivência mais harmônica, também, pode ser vista no cessar-fogo de Alepo, algo como em um acordo russo para suprir a Ucrânia com o gás que irá precisar neste inverno.

Espera-se também que haja algum tipo de avanço envolvendo a Coréia do Norte. Um raro vislumbre na verdadeira natureza desse regime saiu na semana passada quando, "acidentalmente", revelou que existem apenas 28 nomes de domínio usando o registro norte-coreano .KP.


Se você atentar para alguns desses 28 sites, verá de forma clara que eles não são geridos pelos norte-coreanos. Essa divulgação pode, juntamente com a queda do presidente da Coréia do Sul, ser um sinal de que algum tipo de acordo de Paz na Península Coreana está em andamento.

Numa nota final, tem mais coisas estranhas emergindo da Antártica. Na semana passada, uma "grande nuvem azul brilhante" apareceu sobre a Antártica, de acordo com o Christian Science Monitor.


Será que o Vaticano sabe de algo sobre essa nuvem que nós não sabemos?


Autor: Benjamin Fulford 
Fonte primária: http://benjam20infulford.net
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais artigos do Benjamim Fulford Aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...