sábado, 17 de junho de 2017

SAUL - "SÃO TODOS OS SERES CRIATIVOS PORQUE DEUS, AQUELE QUE OS CRIOU, É CRIATIVO" - 13.06.2017



Está tudo bem! Não se concentrem com medo ou alarme nas notícias de catástrofes e conflitos em todo o mundo. Apenas mantenham a constante intenção de enviar Amor e cura para aqueles que estão sofrendo, isso ajudará a liberar tudo o que está trazendo sofrimento para suas vidas. Mesmo em áreas destruídas pela guerra, as pessoas podem ser felizes!

A felicidade surge quando se aceita o que surge sem julgamento - negativo ou positivo - e se lida amorosamente com as questões apresentadas. Estão todos na Terra para ajudar no processo de despertar da humanidade, que, naturalmente, também é o processo de despertar de cada um de vocês. Todo mundo na Terra irá despertar e precisa despertar para a Realidade, seu estado natural em que todos são Amor e que conhecem entre vocês como Amor.

Despertar é permitir que a ilusão e todos os seus anexos e distrações se dissolvam ou se desintegrem para que suas verdadeiras naturezas não mais estejam escondidas de vocês. Escolher e pretender ser amoroso irá alterar massivamente suas percepções do mundo que os rodeia, enquanto reconhecem que todos não alinhados com o Amor apenas estão, desesperadamente, clamando por Amor, o Amor de cada um de vocês.

Escolheram encarnar neste momento para serem você mesmos, para compartilhar e se multiplicarem, amando a todos com quem pessoalmente interagem, bem como, também, com toda a humanidade. É o que se entende por Tsunami do Amor. É a humanidade cada vez mais consciente de que sua verdadeira natureza que é o Amor e suas intenções levando isso na consciência daqueles com quem interagem, além de muitos, muitos mais dos quais desconhecem completamente.

Só não têm consciência disso por causa de suas escolhas de se submeterem à experiência severamente limitada que é a de ser humano. NO ENTANTO, escolheram estar na Terra neste período porque sabiam que poderiam ajudar enormemente no processo de despertar e, também, porque queriam ajudar.

O Amor, que é o que vocês são, sempre procura ajudar aqueles que estão clamando por Amor - todos aqueles que estão em dor e sofrimento, independentemente de suas causas. Não é amoroso olhar para alguém que está tentando se autodestruir e julgá-lo duramente por não deixarem esse tipo de comportamento autodestrutivo. Muitos deles entram em suas consciências para ajudá-los a despertar, cessando de julgá-los!

O julgamento é algo que todos precisam se liberar. É endêmico em todo o mundo e leva apenas ao conflito e intenso sofrimento. Substitua-o pelo discernimento, onde com sabedoria, escolhem aqueles com quem desejam passar o tempo, sem julgá-los, bem como aqueles com quem, também, escolhem não passar o tempo.

São todos indivíduos com seus próprios e específicos caminhos de vida a serem seguidos, onde cada um é único e que foi planejado com grande cuidado, sabedoria e previsão antes de suas encarnações para que encontrassem situações que os apresentassem com as lições que escolheram receber e aprender.

Não podem ter nenhuma ideia do caminho de outro ou de suas lições escolhidas. Portanto, tentar “corrigir” o outro é extremamente arrogante. Apenas ofereça orientação ou conselho se e quando for procurado. Com seus filhos, proporcione um ambiente seguro, amoroso, aceitando que eles podem crescer e desenvolver seus próprios dons criativos inatos, dons que muitas vezes são muito, muito diferentes daqueles de seus pais.

E, na medida em que elas crescem, questões de autoridade e orientação naturalmente surgirão e vocês terão a sabedoria necessária para lidar com esses assuntos de uma forma sem julgamentos. As crianças aprendem com rapidez, então a repetição constante de instruções não é necessária, o que é necessário é que permaneçam fieis a si mesmos, demonstrando amorosamente suas crenças, apenas vivenciando-as.

Obviamente, uma correção ocasional é necessária, para que aprendam as normas sociais da sociedade em que estão crescendo. Como adultos, quando tiverem um mínimo de experiência sob seus cintos, elas podem, caso escolham, modificar ou rejeitar algumas das normas comportamentais que aprenderam quando acharem que já não servirem mais.

Um grande número de realizações criativas e gloriosas da humanidade foi possível graças à diversidade de características pessoais que cada um dos envolvidos pode invocar, na medida em que novas ideias surgiram para resolver uma situação ou problema de forma amigável, cooperativa e harmoniosa.

Em sua diversidade, reside a força. São fortes, muito fortes, simplesmente optaram por se concentrar mais em suas inadequações presumidas (ou seja, autojulgadas). Fazer isso os distrai de um completo desenvolvimento dos seus próprios talentos e habilidades únicas.

Todos vocês possuem certas competências e habilidades consideradas como exemplos, que várias áreas da sociedade "julgaram" ser as melhores e mais apropriadas e, nas quais, crianças e alunos deveriam direcionar seu tempo e esforço. No entanto, em todo o mundo existem exemplos brilhantes de pessoas que abandonaram a escola ou a universidade para desenvolverem suas próprias ideias e que tiveram um grande sucesso.

Façam o que lhes agrada e inspira, em vez de seguirem por um caminho bem trilhado que paga as contas, mas em que, todavia, lhes estressa e aborrece até as lágrimas.

São todos seres criativos porque Deus, que o criou, é criativo e, Ele criou você como a Si mesmo. Permitam-se serem vocês mesmos, não tentem ser o que outra pessoa é. Honrem-se como o seu Pai Celestial sempre faz, perdoem-se por seus erros ou maus passos - isso não têm nenhuma importância - e desfrutem de ser o ser que Deus criou como vocês.


Todos são seres divinos com vastas habilidades criativas, habilidades que, às vezes, estão dormentes dentro de cada um de vocês durante anos, em gestação e se preparando para entrar em linha, no momento, mais apropriado em suas vidas humanas em andamento. Todos vocês conhecem pessoas que parecem ter se desenvolvido no final da vida e, muitas vezes, julgadas como tendo desperdiçado a maior parte de suas vidas humanas. Este, definitivamente, não é o caso.

Alguns florescem como gênios infantis, enquanto outros atrasam seus esforços criativos até mais tarde na vida e, ambos os caminhos e, todos seus intermediários são completamente válidos. Os padrões da sociedade não são de Deus. Frequentemente, eles são antiéticos, desonestos, sem integridade e muitos optam por fechar os olhos para essa deficiência. Mais tarde, surgirá consciência para mostrar que foram mal orientados. Não se julguem com dureza se isso acontecer ou estiver acontecendo com algum de vocês, uma vez que precisavam aprender essa lição e, portanto, calorosos agradecimentos uma vez que estão em ordem, porque aprenderam!

Criar é o propósito de cada um e todos vocês, sem exceção, são seres muito criativos. No entanto, para muitos, durante a infância e início da idade adulta, suas habilidades criativas foram suprimidas ou negadas por professores e figuras de autoridade que tiveram poder ou domínio, ou por eles mesmos, enquanto se esforçaram para cumprirem e receber louvor, aceitação e Amor de seus mestres e tutores. 

O Amor é a natureza de cada um de vocês. Mas, como bebês humanos e crianças pequenas, precisam receber Amor e aceitação incondicionais por parte desses adultos e irmãos mais velhos em suas famílias. Frequentemente, isso não acontece, ou não é percebido como estar acontecendo e, quando isso acontece, tais crianças crescem se sentindo sem Amor, inaceitáveis e, então são incapazes de amar a si mesmas ou a outros. Como resultado, muitos adultos procuram ajuda e assistência através da psicoterapia com seus sentimentos de inadequação e inutilidade muito exacerbados.

O Amor é a natureza de todos e, privados d’Ele, embora nunca estiveram, sofrem enormemente. Aqueles que leem ou escutam esta mensagem estão suficientemente conscientes para entenderem isso com toda a clareza. Esta e muitas outras mensagens canalizadas continuam reiterando a necessidade de reconhecerem isso completamente e liberar toda autodepreciação e autojulgamentos negativos.

E quando leem essa mensagens afirmando-lhes isso, elas ressoam muito poderosamente mas, então, quando retornam às suas vidas diárias, descartam ou esquecem essa verdade muito importante! Deus ama infinitamente a todos, porque Ele os criou e, então, por que não começar a se amarem? Não fazê-lo é insano, e, infelizmente, muitos são realmente insanos.

O mundo ao seu redor - habitado por familiares, amigos, conhecidos, associados no local de trabalho, chefes, políticos, figuras de autoridades religiosas e governamentais e a mídia, todo o tempo - está constantemente julgando e desprezando pessoas e situações e, assim, o Amor, em sua maior parte, não é reconhecido nem visto, mesmo que sem Ele nada existisse.

Então, deixe-me novamente lembrá-los: "Todo ser humano sem exceção, é filho infinitamente amado de Deus!" O Amor de Deus por cada um é incessante e  totalmente incondicional de em todas as maneiras, então POR FAVOR, libertem-se de todas as suas desprezíveis e negativas  auto percepções, porque, são completamente inválidas! Sim, é claro, como seres humanos, dizem e fazem coisas que não são amorosas, no entanto, fazer isso não é de suas naturezas, é apenas uma reação terrível ou resposta a uma pessoa ou situação.

Perdoar-se por esses erros, caso tenha ferido alguém, certamente será uma boa maneira de curar essa dor. Se a tentativa for rejeitada, deixe-a ir. Alguém cometeu um erro e fez do seu melhor para curá-lo, então, siga em frente sem arrependimentos. Arrependimentos são sobre o passado e o passado é passado. O sofrimento é o resultado de se concentrar no passado, que dói ao revivê-lo. Então por que fazer isso se todos podem estar vivendo alegremente no presente?

A culpa desempenha um grande papel no sofrimento porque leva-os a reproduzirem e reviverem   situações onde poderiam ter se comportado ou falado de forma diferente, enquanto se sentem culpados e envergonhados. No entanto, o ponto principal é que, a lição deve ser aprendida, no momento presente, o único que existe, quando ficarão muito felizes, se não se concentrarem em seus erros passados. Deixe-os ir e estabeleçam a intenção de não repeti-los.

Quando se sentirem abatidos, solitários, abandonados, entrem em seus sagrados santuários interiores, Santuário do Amor e permitam-se abrir para recebê-lo em vez de, imediatamente, dizerem a si mesmos que não são dignos disso. Ninguém é   indigno do Amor, uma vez que Ele é a verdadeira natureza e o que e dentro de si mesmos de cada um de vocês é e que, ao se permitirem verão que já sabiam disso. Somente o Amor existe!

Com muito Amor, 

Saul.


Canal: John Smallman 
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais mensagens do Saul Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...