domingo, 24 de setembro de 2017

SAUL - "É POSSÍVEL ATÉ VIVER NUMA ZONA DE GUERRA E ESTAR EM PAZ" - 22.09.2017



A humanidade está num turbilhão! Sabem disso porque eu já lhes disse antes, todavia, desejo muito voltar a enfatizar este aspecto.

Em todo o planeta, mudanças enormes estão acontecendo, agora, enquanto leem ou escutam essa mensagem. Não falo sobre eventos políticos, sísmicos ou meteorológicos, tanto divulgados pela maioria dos meios de comunicações. Falo sobre eventos espirituais que estão tendo um efeito muito poderoso em toda a humanidade, em preparação de seu despertar.

Devem confiar no plano divino e manterem a Luz em alta, como têm feito. No entanto, é necessário que intensifiquem ainda mais suas intenções de serem somente amorosos em todas as situações. Como sabem, "O Amor transforma tudo", assim, como diz a música. Entretanto, é necessário que se envolvam com Ele, divulguem Sua palavra e sejam Amor, que é a verdadeira natureza de cada um de vocês.

A partir de agora, decidam ignorar seus egos e suas reações emocionais e abordem todas as interações com outras pessoas, independentemente de quem seja, com Amor e somente Amor. Podem fazê-lo facilmente, se optarem por fazê-lo. Todavia, muitos estão tão acostumados a se comportarem a partir ou através de seus egos que, quando saem de seus espaços interiores, onde meditaram, relaxando no campo do Amor divino ou orando, simplesmente voltam a seus modos normais de vida.

Tomem atitudes e comportamentos com os quais se abraçam e se envolvem, quando adentram em seus sagrados altares ou santuários interiores, aqueles em que vão diariamente. Fiquem atentos! Então, serão capazes de manter suas reações emocionais ou egoístas às pessoas ou situações sob controle, antes de se expressarem, permitindo que respondam de forma amorosa em todo momento do agora.

Seus egos podem sugerir que estão sendo fracos, ineficazes e impraticáveis. Todavia, em seus corações, sabem que este não é o caso. E verão que o que estão fazendo é extremamente eficaz.

Todos seguiram seus caminhos espirituais, lendo e ouvindo mensagens espirituais e participando de webinários e workshops para se desenvolverem espiritualmente. Agora, precisam colocar o que aprenderam em prática, todos os dias, em suas vidas diárias. Tratem a todos com carinho, não existe espaço para exceções.

Isso não significa tenham de descartar seus próprios conhecimentos intuitivos afim de manterem a paz. Significa apenas que, ao se comportarem amorosamente e como, verdadeiramente são - Amor – abstendo-se do julgamento ou da necessidade de defesa e estarem em paz, não importando como os outros se comportem, irão deixar de reagir!

O conflito surge do julgamento e das reações a ele e nunca resolve a questão que foi julgada ou a reação a esse julgamento. Se quiserem viver em paz, só poderão fazê-lo se forem pacíficos. Não existe outra possibilidade.

Ser pacífico, faz parte de suas verdadeiras naturezas. No entanto, quando coletivamente optaram pela experiência de separação da Fonte, também, escolheram aceitar o conflito em suas vidas. Fazem escolhas sobre o conflito em todos os momentos de suas existências humanas - para se envolver ou se absterem do conflito. Podem até viverem numa zona de guerra e estarem em paz, enquanto, amorosamente, auxiliam aqueles que estão feridos e com dor. São sempre suas escolhas.

No momento, parece haver uma enorme quantidade de conflitos em andamento no seu belo planeta bonito e, realmente há. Todavia podem ignorá-los ou se envolverem com eles - fisicamente por estarem presentes e participar, ou emocionalmente, julgando os lados envolvidos como certos ou errados e escolhendo qual deles apoiar em argumentos e discussões – ou, amorosamente, compreenderem que os envolvidos quaisquer que sejam eles estejam sentindo grande dor e clamando por Amor.

O conflito sempre é um grito pelo Amor, juntamente, com a recusa em aceitá-Lo, quando oferecida. Aqueles envolvidos em conflito têm uma necessidade intensa de estarem certos e julgarem seus inimigos como maus e indignos de qualquer direito ou misericórdia, porque, o que veem nesses inimigos são meramente reflexos de seu próprios ódios negados e intensos.

Como sabem de suas leituras e práticas espirituais, aqueles que se recusam a se retirar do conflito ou a oferecer aos seus inimigos a chance de se retirarem, estão sob grande medo - expressando violentamente como raiva justificada. No entanto, desejam apenas o Amor. Todavia, são incapazes de confiar de que lhes será dado caso abram seus corações para recebê-Lo, acreditando-se indignos disso.

Só acreditam no que experimentam, então, se alguém é incapaz de confiar, não encontrará confiança e isso só confirmará sua crença de que as pessoas não são confiáveis.

A humanidade esteve submetida ao conflito por muitas eras, com toda a dor e sofrimento resultante, ao tentar provar que as várias nações, etnias, culturas e credos políticos e religiosos que apoiaram e acreditaram estarem certas, enquanto aqueles com quem estiveram em conflito estivessem errados.

Em muitos lugares na Terra, o que está acontecendo é que muitos estão decidindo confiar, para tentar estabelecer um estado de paz, seja em relacionamentos pessoais ou internacionais, porque, finalmente, podem ver com muita clareza que nada mais que não estiver em alinhamento com o Amor funciona.

Este é um importante ponto de viragem na sua história. Coletivamente estão escolhendo rejeitar o conflito e encontrar a paz através de discussões abertas e sem julgamentos. Isso está acontecendo a nível de base da sociedade, em muitas nações do planeta.

Os seus chamados líderes e meios de comunicações, ainda não conseguiram acompanhar esta contínua mudança do mar em atitudes e comportamentos. Logo eles perceberão que sua retórica de conflitos é completamente desagradável para aqueles a quem governam e controlam e suas influências e poderes se dissiparão na medida em que novos líderes parecem substituir a retórica do medo e violência com ideias significativas e poderosas, que permitirão uma discussão serena e harmoniosa ter lugar. Discussão que honrará todos os envolvidos sem julgar ou desprezar ninguém.

Todos devem e serão ouvidos e devem ter suas opiniões respeitadas, independentemente de estarem ou não de acordo. Nestes novos tipos de discussões, é essencial que, embora, as crenças pessoais das pessoas não sejam menosprezadas, elas também não devam serem descartadas pelas discussões, devido à inflexibilidade e à recusa de uma pessoa de ver o quadro maior.

Como observei anteriormente, as crenças arraigadas levam ao conflito. No entanto, todos têm crenças inflexíveis, muitas vezes tão profundamente enraizadas que não as conhecem, até serem chamadas a elas. Isso surge de uma inconsciência ou de uma atitude não pensativa, tal como: "sempre fizemos dessa maneira" e fazem com que as mudanças essenciais sejam muito difíceis.

Se todos reconhecessem que, realmente, possuem suas crenças inflexíveis ou profundamente enraizadas e, em seguida, concordassem em olhá-las de forma criativa, sem necessidade de defendê-las ou se envergonharem delas, as discussões de questões e problemas que precisam de soluções seriam muito mais produtivas. Todos querem a paz, mas até agora, a paz foi procurada nos ditos "meus termos", sejam quais forem e, isso nunca pode funcionar, uma vez que incorre em desonra e desrespeito aos outros.

Como bem sabem, vocês, a humanidade, são todos UM. Portanto, ao se envolverem em quaisquer tipos de conflito, seja verbal ou físico com qualquer um, é um ataque a si mesmo e isso é claramente insano. Isto é o que está começando a ser reconhecido em muitas áreas do mundo e é por isso que esses eventos espirituais estão acontecendo. Sejam partes deles, escolhendo serem apenas amorosos onde quer que estejam e em qualquer situação que se encontrem e, ao mesmo tempo, ajudarão enormemente no processo do despertar da humanidade.

É por isso que, neste momento, escolheram estar na Terra em forma humana. Diariamente, em seus recolhimentos, peçam a orientação espiritual de quem quer que seja nos reinos espirituais, a quem se sentirem mais confortáveis e, depois ajam de forma compatível, sabendo, como, certamente, fazem dentro de si mesmos, que esta é a tarefa para a qual se ofereceram tão carinhosa e voluntariamente, quando escolheram encarnar. E, então sintam a profunda paz interior a envolvê-los, enquanto fazem exatamente isso.

Com muito Amor, 

Saul.


Canal: John Smallman 
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais mensagens do Saul Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...