domingo, 22 de outubro de 2017

ENTREVISTA: PREPARE FOR CHANGE ENTREVISTA COBRA - OUTUBRO / 2017




Lynn: Sejam bem-vindos todos à nossa entrevista do Preparem-se para a Mudança com o Cobra, a 10 de Outubro de 2017. Bem-vindo de volta Cobra.

COBRA: Muito obrigado pelo convite. É uma das melhores oportunidades, agora, para continuar com nossas entrevistas.

Lynn: Vou deixar Aaron começar com nossa primeira pergunta.

Aaron: Oi Cobra, sempre é bom ouvir de você. Vamos começar com a primeira pergunta. Esta é uma questão interessante. Ele tem muitas notícias. E um dos maiores eventos é o tiroteio em Las Vegas, que aconteceu há cerca de 10 dias atrás. Começaremos com um espectador e perguntemos, então, vamos  para pontos específicos. Este é um dos problemas complicados.

Há muita informação na internet e no YouTube e desejo ouvir seus comentários sobre isso. A pergunta é: no dia 1 de Outubro, acabamos de experimentar um evento de bandeira em massa de falsa bandeira em Las Vegas, Nevada. Foi relatado que 58 pessoas morreram. Existe algo "maior" por trás desse ataque?

COBRA: Basicamente, é um dos muitos ataques criados pela cabala que geram mais medo e pânico. Este é um dos objetivos a qual, também, adicionarei a opinião de Benjamin Fulford:  Isso foi projetado para promover mais controle de multidões, mais empresas de segurança que esperavam ganhar dinheiro com isso. Esse era o outro problema por trás desse ataque.

Aaron: Em seguida, em referência a Steven Paddock, eles perguntam: Foi alegado que ele é o atirador. Existem várias opiniões de que seja ou não seja. O interrogador perguntou: quem o treinou? Isso pode não ser uma questão válida, supondo que ele seja o atirador.

COBRA: Eles são simplesmente vários aspectos da cabala que podem simplesmente contratar essas pessoas e são treinados com bastante antecedência. Para eles, essa é uma pequena operação, nada muito complicado.

Aaron: Também foi dito que ele era um negociante de armas.

COBRA: Na verdade, havia muitos atiradores, não apenas um atirador, então, temos algumas pessoas envolvidas nesta situação.

Aaron: Você diria que Steven Paddock é um "bode expiatório"? Eles sempre matam o suposto atirador e a mídia quer deixá-lo como o único?

COBRA: Sim, exatamente, exatamente, sim, sim.

Aaron: E agora; todos têm um smartphone e muitas gravações foram feitas. Pode-se ouvir disparos de armas automáticas a distância e que, pessoas no Mandalay Bay puderam ouvi-los muito alto, quase ao mesmo tempo e não foi um eco. Você disse que havia vários atiradores.

COBRA: Sim.

Aaron: Dizem que estavam no 34º andar, no 12º andar, no quarto andar e também na multidão. As pessoas estavam fugindo dos atiradores do Mandalay Bay, foram baleadas de frente. Bem, isso confirma, isso, também. Eu diria que, também, havia alguns atores de crise lá.

COBRA: Que tipo de crise.

Aaron: Bem, você sabe que havia armas, balas reais e atiradores reais (Sim, sim, sim). Pessoas reais estavam sendo alvejadas, mas, também, havia atores.

COBRA: Ah, sim, atores, sim, é uma situação combinada. Havia vítimas reais, atiradores reais e sangue real e havia também atores para aumentar o número de vítimas, aumentar o evento para criar mais medo, criar mais pânico... Na verdade, uma das coisas que eles queriam criar é que toda a comunidade alternativa analisasse infinitamente o que aconteceu, como aconteceu e por que aconteceu. É uma verdadeira distração. Acho contraproducente gastar muito tempo analisando esse acontecimento, porque é apenas um dos muitos ataques que ocorrem e que, de fato lhes dá uma perspectiva:  Todos os dias, a quimioterapia mata mais pessoas em clínicas em todo os Estados Unidos e em todo o mundo e ninguém parece se importar com isso.

Aaron: certo.

COBRA: Diariamente, a cabala está matando pessoas com quimioterapia e outras drogas sem que ninguém perceba e isso é muito maior do que aconteceu em Las Vegas.

Aaron: Certo. A quimioterapia é tolerada. Está tudo bem porque é uma das terapias aprovadas.

COBRA: Sim, mas se você ver o que acontece o tempo todo, pode colocar as coisas em perspectiva.

Aaron: Então, as 58 pessoas que alegadamente morreram, esse montante poderia ser menor, ou as mais de 500 vítimas feridas poderiam, realmente, ser muito menos?

COBRA: De acordo com minhas fontes, sim.

Aaron: Menos? De acordo.

COBRA: Mas também há aspectos da situação. Pessoas que são pisadas pelo pânico na multidão e isso é algo mais que deve ser levado em consideração.

Aaron: Foram feridas, mas não pelas balas?

COBRA: Muitos deles, especialmente aqueles que não foram mortalmente feridos, foram pisoteados e essa multidão, na verdade, era um aspecto dos planos, um dos planos que a cabala tinha, que era criar pânico na multidão.

Aaron: Seria algo como uma experiência para ver como quão bem se sairiam?

COBRA: Sim.

Aaron: Interessante. Certo, poderíamos seguir continuando com isso, todavia, devemos passar para a próxima pergunta, mas, como você disse, foi uma grande distração. Obrigado Cobra pela resposta.

Lynn: OK Cobra, agora vamos para a Arábia Saudita: Lá, as mulheres agora podem dirigir no opressivo país autoritário da Arábia Saudita, que adere à lei da Sharia. É a primeira vez, durante todo esse tempo. A Arábia Saudita é um país onde as mulheres têm que cobrir seus rostos com véus negros; onde não podem caminhar na mesma calçada dos homens; onde as adultas são obrigados a obedecer seus guardiões, maridos, pais, irmãos; onde as mulheres têm que ter permissão para viajar e terem uma nota assinada por seus maridos para cuidados médicos, uma vez que a lei saudita codifica a incapacidade das mulheres de tomarem decisões por si mesmas. Além disso, a Arábia Saudita é um país onde as mulheres podem apedrejadas até a morte por serem estupradas, mas não há punição para o estuprador e, também, permite que um pai mate sua filha caso ela o desonre. Sim, esta é a Lei da Sharia na sua melhor expressão. Cobra, como diabos um país com tanta riqueza está às avessas? Até parece ter saído da Idade da Pedra, talvez, há 50 mil anos atrás! Poderia comentar sobre isto?

COBRA: Na verdade, existem muitos países que, se falamos sobre o desenvolvimento da sociedade, ainda, estão na época medieval e muitos desses países são bastante ricos. Riqueza não significa... não pode ser equiparada ao estado de desenvolvimento de uma sociedade. Isso simplesmente significa que na Arábia Saudita, o governante a cabala é simplesmente mais poderoso e pode suprimir mais. Então, esse é o tipo de sociedade que eles criaram. (Ok, obrigado)


Aaron: A próxima pergunta: Houve muita conversa que as moedas mortas ganharão vida novamente. A história e o senso comum nos dizem que quando uma moeda é inflada até o ponto em que o papel higiênico vale mais, a moeda está praticamente morta. Mas agora, uma nota de 100 trilhões de dólares do Zimbábue (Zim), está sendo vendida no eBay por um valor entre US $ 1 e US $ 70 como item colecionável. E, no momento, o banco central do Zimbabwe comprará a nota de 100 trilhões por 40 centavos de dólar. Eu entendo que aqueles que colecionaram muitas dessas moedas hiperinfladas estão vendendo e empurrando a ideia de que, por um passe de mágica, elas voltarão à vida e todos serão ricos. Isso inclui o dong vietnamita e o dinar iraquiano. Você poderia comentar sobre isso?

COBRA: Na verdade, já falei sobre isso muitas vezes antes. As pessoas que esperam ficar drasticamente ricas com o comércio dessas moedas estão enganadas. Isso não acontecerá. Na realidade, quando há uma situação de hiperinflação, o que acontece é que o país desvaloriza a moeda e pode eliminar 3 zeros ou 6 zeros ou 10 zeros, emitindo uma nova moeda como dólar do Zimbábue, por exemplo, vinculado ao dólar dos EUA. E todo esse dinheiro antigo, de repente, vale menos. Talvez valha agora 40 centavos e, depois, talvez 20 centavos. Portanto, é muito arriscado trocar moedas que estão em espiral de hiperinflação. Esses tipos de notas, realmente, são interessantes para colecionadores. Fora a isso, não vejo nenhum motivo para que alguém possa comprar uma grande quantidade dessas notas.


Aaron: Então, se um país decidir refazer sua própria moeda, como se eu suponho que o Zimbábue usa o dólar americano, mas se eles decidirem usar sua própria moeda, eles imprimiriam uma nova nota. É verdade?

COBRA: basicamente, o que, geralmente, acontece neste tipo de situação é que o país emite uma nova nota, muda sua moeda, elimina uma certa quantidade de zeros e seu banco central pode, em algum momento, mudar sua moeda antiga, todavia, a uma taxa muito baixa, (como 40 centavos). Então isso é o que provavelmente acontecerá. Esta é uma das possibilidades. (OK, obrigado pela resposta)

Lynn: Foi estabelecido que o real custo da imigração ilegal dos Estados Unidos é de US $ 135 bilhões por ano para os cidadãos dos EUA. E para os "Sonhadores", as crianças que foram trazidas aqui quando eram jovens, dificilmente, quando adultas, poderão ser deportadas para o México ou qualquer outro país de onde vieram. Se os Sonhadores ficarem aqui, isso terá um efeito de bola de neve, já que eventualmente todas as suas famílias e amigos, também migrarão para os Estados Unidos. Os Estados Unidos não podem apoiar o influxo maciço de trabalhadores não qualificados para este país. Existe apenas um número limitado de famílias que precisam de jardineiros, zeladores e criados. Você poderia comentar sobre isso Cobra? 

COBRA: Basicamente, essas situações só serão resolvidas com o Evento, quando haverá igualdade entre todas as nações e todas as partes da população humana. A razão pela qual as pessoas escapam de outros países e entram nos Estados Unidos é porque em seus próprios países eles têm dificuldade em sobreviver ou viverem uma vida feliz. É por isso que elas migram e continuarão a emigrar até que este equilíbrio seja abordado, de uma forma ou de outra. Portanto, não existe nenhuma política que possa resolver isso sem abordar a desigualdade básica que existe neste planeta. (Eu concordo, obrigado)

Aaron: As cidades santuários é uma outra questão na abordagem do problema da imigração. Eu sei que é um problema difícil, em que os Democratas apoiam programas de assistência social e de bem-estar e, claro, se os imigrantes não documentados têm privilégios com o Obama Care gratuito, o que está acontecendo é que os imigrantes votarão por todos os democratas e coisas gratuitas relacionadas. E o Trump quer acabar com tudo isso e levar dinheiro aos americanos, não aos migrantes. Poderia comentar sobre isso, Cobra?

COBRA: Ok, este é apenas uma de 2 faces da uma mesma moeda. Novamente, isso não será resolvido antes de enfrentar uma desigualdade básica. Não pode ser resolvido num nível polarizado entre democratas e republicanos. (Ok, obrigado)

Lynn: Cobra, como de costume, a mídia ainda chama a proibição de Trump em países assolados pelo terrorismo, "O banimento muçulmano". Esse nome equivocado é típico da mídia, sempre distorcendo as palavras que não faz outra coisa senão atingir Trump. Os 8 países proibidos são o Chade, Irã, Líbia, Coréia do Norte, Somália, Síria, Venezuela e o Iêmen. Isso parece lógico, pois esses países são terroristas e devemos ser cautelosos. Cobra, você poderia comentar sobre esta pergunta?

COBRA: basicamente, o terrorismo é uma criação da cabala que tem uma das suas principais bases nos Estados Unidos. Então, eu não me preocuparia tanto com as pessoas vindas dos países relacionados, uma vez que "os terroristas estão em todos os lugares". (Sim, com certeza temos visto isso, obrigado).

Aaron: o documentário da KenBS Burns PBS "Vietnan”, que foi recentemente lançado, foi muito revelador. Revelou o fato de que o Vietnã era um território francês, ocupado por franceses e japoneses. A França era o nosso aliado e o Japão, nosso antigo inimigo. Os vietnamitas do sul se ressentiam com os franceses e os japoneses. Ho Chi Minh começou uma revolução e queria nossa ajuda para libertar as pessoas do Vietnã do Sul. Adicione a isso o comunista Vietnam do Norte na mistura e se tem em mãos um problema muito complexo de controle e desejo de liberdade. Os Estados Unidos estavam numa posição muito incômoda. Sei que essa é uma simplificação excessiva, mas Cobra, poderia comentar a situação geral do Vietnã nos anos 60 e 70.

COBRA: Basicamente, eu simplesmente simplificaria isso assim. A Cabala queria e teve outra guerra, só isso. Sempre há complexidades locais que podem ser mal utilizadas para criar uma desculpa para alguma guerra e isso, também, aconteceu no Vietnã. (Certo)

Lynn: John McCain foi um piloto de combate no Vietnã e que foi derrubado, capturado e quase morreu. No documentário, ele parecia um verdadeiro patriota. Mas agora no Congresso, McCain é um obstrucionista contra a administração Trump. Cobra, O que aconteceu com John McCain?

COBRA: Ele é um escravo mentalmente controlado pela rede Illuminati e isso explica todo o seu comportamento. (Uau, sim).

Aaron: Julian Assange numa entrevista com Dana Rohrabacher, mostrou evidencias de que não houve intromissão eleitoral entre a Rússia e os Estados Unidos. Sabemos que isso é verdade, mas o que significa transformar Assange num criminoso só porque ele era apenas um periodista e um repórter da verdade? Por favor, poderia comentar?

COBRA: Não tenho comentários sobre esse assunto. (Ok)

Lynn: Robert Mueller, num esforço para perseguir Trump por demitir o diretor do FBI, James Comey, foi alvo alvo do ex-assessor da Casa Branca Roger Stone e do Juiz Andrew Napolitano, para ser demitido por Trump, que tem todo o direito e autoridade. Uma vez que toda essa coisa do FBI tem sido uma caça às bruxas, desde o início contra Trump, seria ótimo ver Mueller ir junto com o resto das criaturas do pântano que precisam ser eliminadas. Você tem comentários sobre isso Cobra?

COBRA: Eu diria que toda essa linha de questionamento vem de alguém que está polarizado com Trump e antidemocratas. Eu diria que ambos os lados e toda a situação foram projetadas para criar exatamente esse tipo de polarização dentro da Sociedade Americana e que nenhum desses jogos seja bom e os outros ruins. Não é verdade. Basicamente, existe infiltração da cabala em ambas as partes e, na verdade, a cabala no topo, os jesuítas e os outros membros principais estão manipulando partidos e políticos de ambos os lados para criar exatamente esse tipo de divisão. (Ok, obrigado).

Aaron: Provavelmente o mesmo: o Procurador-Geral Jeff Sessions vem arrastando os pés em processos para levar à justiça aqueles que estão violando a lei tão descaradamente. Mais comentários Cobra?

COBRA: Mais uma vez, eu repetiria o mesmo comentário. (Ok, obrigado).

Lynn: No que diz respeito aos traidores, descobriu-se que os principais republicanos deliberadamente tentaram sabotar as eleições, bem como a administração Trump. Estes incluem, mas não estão limitados a: Paul Ryan, Carly Fiorina, John Kasich, Lindsey Graham e John McCain. Algum comentário sobre isso Cobra?

COBRA: Sim, isto é, eu diria que isso é verdade e isso é o que aconteceu. (Ok, obrigado).

Aaron: Este é um bom exemplo: nosso homem foguete, Kim Jong-un, como Trump o chama, está movendo seus problemas habituais. Não estou preocupado com uma guerra nuclear entre a Coréia do Norte e os EUA. Mas outros não estão tão confiantes. Eu acho que existem salvaguardas que evitarão que as coisas se deteriorem. Cobra, você pode garantir ao resto de nós que tudo vai ficar bem nessa história de Terceira Guerra Mundial?

COBRA: No que diz respeito à Coréia do Norte, não haverá guerra nuclear em grande escala. Isso não acontecerá. Haverá a tensão habitual entre Trump e os líderes coreanos, porque a Cabala precisa dessa tensão para criar medo, para manter todos nesse estado de tensão. Eles precisam disso, especialmente, no plano de plasma, manter essa tensão no plano do plasma para manter a humanidade escravizada.

Aaron: Além disso, acho que Fulford disse algo sobre "bombardeamos a Coréia do Norte apenas para que eles saibam que não vamos tolerar nenhuma de suas experiências com foguetes". Isso era verdade?

COBRA: Na verdade ... na verdade, houve uma pequena bomba nuclear detonada abaixo da superfície na Coréia do Norte sem vítimas e que deveria ser um aviso, mas que a Coréia do Norte não recebeu isso como um aviso.

Aaron: De acordo com Fulford, eles não estão fazendo mais testes.

COBRA: Planejam fazer mais testes. Espera-se que este jogo continue por algum tempo. (Oh, bem). Mas novamente eu não me preocuparia com esta situação. (Ok, obrigado).

Lynn: Enquanto continuamos com líderes de ranking e outras pessoas proeminentes, temos mais algumas pessoas que gostaríamos que avaliasse o índice de maldade, Ok Cobra.

Aaron: mais uma vez, para controlar o grau de maldade que certas pessoas proeminentes no mundo têm, poderiam nos dar, na opinião deles, uma classificação numa escala de um a dez: 1 (um) sendo uma boa pessoa e 10 (dez) como o epítome do mal. Começando com a primeira pessoa a se qualificar:

Cobra

1. Como você avaliaria o índice de maldade de Henry Kissinger? 10 (Uau, eu não estava esperando isso)

2. Como você avaliaria Dick Cheney? 10.

3. Como você avaliaria Donald Rumsfeld? 9.

4. Como você classificaria George HW Bush Pai? Bush Pai 10 (uau)

5. Qual é a nota de George W Bush Filho? 8 (OK)

6. Como você avaliaria Barack Obama? Barack Obama, 5 (tornando-o quase um bom cara)

7. Como você avaliaria Vladimir Putin? 2-3 diria (OK).

8. Como você valeria a Angela Merkel? 8 (uau, obrigado Cobra)

Lynn: Podemos assumir que todas essas pessoas, realmente, ainda estão vivas ou que uma delas foi substituída por clones?

COBRA: Estão todas vivas, sim. (Obrigado).

Lynn: A guerra climática da cabala nas ilhas do Sul da Flórida e por todo o mundo, criou confusão, devastação, mortes e mais refugiados. Pode falar sobre algumas das principais anomalias climáticas e qual facção negativa manipula propositadamente o clima?

COBRA: Basicamente, este foi um acordo entre as várias facções da cabala uma vez que estão cada vez mais percebendo que o seu tempo está acabando e estão fazendo o que podem para impedir o processo de libertação planetária e, é dessa forma que o fazem.

Lynn: E são estas diferentes facções, ou países diferentes, causam a maior parte dos danos?

COBRA: Basicamente são as facções. Não está dividido em países porque todas as principais facções da cabala estão por todo o planeta.

Lynn:  Quanto do que está acontecendo é natural e quanto a cabala ainda é responsável pelo acesso às tecnologias que pioram as coisas?

COBRA: Basicamente, o que está acontecendo é que o próprio planeta está reagindo às energias crescentes do centro galáctico e, posteriormente, a cabala perverte as tempestades existentes e tenta dirigí-las para onde s podem causar maiores danos e onde podem... como, por exemplo, ultimamente, fizeram em Puerto Rico.

Aaron:  Próxima pergunta: existe um fundo europeu Rothschild com mais de 250 anos, usado para chantagem, doações para favores políticos (frequentemente para os Bush e Clintons), subornos e encobrimento de crimes. Desde quarta-feira, 27 de Setembro, esse fundo foi confiscado e não está mais acessível a eles. Comentários Cobra?

COBRA:  OK. Eu não acredito que esse fundo tivesse sido confiscado e que eles não tivessem mais acesso a ele. De onde vem essa informação? (não sei) Então, não estou de acordo com isso e que ainda está em perfeito e operacional funcionamento.

Aaron: Eles ainda têm muita riqueza para usarem da forma que quiserem?

COBRA:  Eles ainda têm riqueza suficiente para que possam continuar a usa-la como quiserem. (OK, obrigado)

Lynn:  As autoridades catalãs dizem que 90% das pessoas votaram “sim” para independência da Catalunha no referendo proibido pelo governo central da Espanha. O líder catalão disse que a região “ganhou o direito” ao seu próprio estado”. Sabemos que a Catalunha é um grande motor económico da Espanha. Pode falar sobre esta eleição na Espanha e porque é que o governo espanhol quis suprimir essa eleição?

COBRA:  Essencialmente, o governo espanhol quis suprimir as eleições e, um dos principais motivos é aquele que acabou de mencionar, porque é a fonte de uma grande percentagem de riqueza desse governo central espanhol. Na realidade, parte da política europeia… a cabala quer manter a Catalunha sob o controle do governo espanhol. Eu diria que muitos catalães queriam se libertarem disso… Ainda não se sabe como tudo isso irá se desenrolar, porque as forças de repressão ainda são bastante fortes e, também, que este referendo foi feito sob várias condições estressantes. Destaco que a maioria dos catalães não votou, pelo que, então, o referendo não reflete a vontade da maioria dos catalães. Então, aqui, também precisamos de ter cuidado com a interpretação dos fatos.

Lynn: E agora, acha que esse movimento de independência é um movimento positivo, para as Forças da Luz que estão lá?

COBRA: Sim, é positivo se for feito da forma correta. Se for orientado da forma correta a partir de agora, pode se tornar muito positivo. (OK, obrigado)

Aaron: Ouvi dizer que a Grã-Bretanha NÃO vai deixar a União Europeia, uma vez que teria de pagar uma taxa astronómica se saísse. É verdade Cobra?

COBRA: Isso, simplesmente, faz parte das tácticas de negociações, Irão ouvir diferentes histórias polarizadas sobre isso nos próximos meses, porque eles estão tentando, ambos os lados, estão a tentar extrair o máximo possível de toda essa situação.

Aaron: Mas as pessoas que votaram querem deixar a E.U., pelo menos as que votaram, a maioria?

COBRA:  Sim, é verdade. (OK, obrigado)

Lynn:  Numa recente reunião nas Nações Unidas, um ultimato foi dado seguindo as ameaças dos Rothschilds de que, a menos que fossem instalados como controladores pelos membros da ONU, eles iriam começar uma guerra biológica, um genocídio por todo o planeta. O prazo para o ultimato foi a segunda-feira, 25 de Setembro e deveria ser entregue a todos os governos e a todas as outras agências o financiamento prometido. O prazo passou sem qualquer resposta por parte dos Rothschilds e, na segunda-feira de manhã, as consequências da ação foram lançadas. A remoção de qualquer pessoa associada, trabalhando para ou associada de qualquer forma aos Rothschilds estão agora sendo removidas, assim como os Rothschilds. 78 países lançaram ataques. 1100 funcionários do governo foram demitidos e cerca de 600 foram presos e alguns não estão mais conosco. Este processo está em andamento e não vai parar até ser concluído. Isso ajuda o Movimento de Resistência a avançar? Teria algum comentário sobre esta afirmação Cobra?

COBRA:  Sim, não posso confirmar completamente que essa afirmação seja verdadeira.

Lynn:  Então não vê esse tipo de números, ou não acha que isso é verdade?

COBRA: Não vejo esse tipo de números. Os números reais são muito, muito, muito, muito menores. Certas coisas que aqui são citadas não estão a acontecendo da forma que foram apresentadas, pelo que, então, não posso concordar com essa afirmação. (OK, obrigado Cobra)

Aaron:  Temos um novo tema. É chamado: ESPIRAL QUE BRILHOU SOBRE A RÚSSIA. No dia 26 de Setembro uma brilhante espiral apareceu sobre a Rússia. Poderia nos contar mais sobre isso?

COBRA: Isso foi simplesmente o teste de uma arma escalar.

Aaron: ET’s estiveram envolvidos nisso?

COBRA:  Não.

Aaron:  O que isso significaria, se é que significa alguma coisa?

COBRA:  Foi simplesmente um teste de uma arma escalar e isso é tudo. (OK, obrigado Cobra)

Lynn: Quando tivermos replicadores ainda haverá arte e outros produtos artesanais?

COBRA: Na realidade sim. Os replicadores replicarão objetos para uso diário, no entanto, a arte genuína será algo que não será replicada da mesma forma porque o original…. se houverem cópias feitas com replicadores, serão carimbadas com uma assinatura que as identificará como tal, pelo que, então, se saberá quais os originais e quais aqueles que foram copiados pelos replicadores. (Entendo)

Lynn:  Esta pessoa pergunta: Será fácil copiar uma obra de arte?

COBRA: Sim mas, novamente, todos os replicadores terão um certo mecanismo de proteção, porque, cada peça de arte tem uma assinatura energética única que não pode ser facilmente replicada. (O que deixará os artistas felizes. Obrigado Cobra).

Aaron: Esta próxima pergunta é sobre as atualizações, mais especificamente sobre a Coreia do Norte: Cobra, pode nos atualizar sobre a Coreia do Norte? Existe algo que os Trabalhadores da Luz possam fazer sobre o problema norte-coreano?

COBRA:  Sim, é claro. Eles sempre podem meditar e essas meditações ajudarão a acalmar a situação.

Aaron:  Essa é a mesma solução para o Movimento de Resistência?

COBRA: Sim, é claro que quando o Evento acontecer tudo isso será resolvido. (OK, obrigado)

Lynn: Cobra, descreva brevemente quaisquer contratos que existam entre as Forças da Luz e das Trevas que ainda estejam a ser honrados e sustentados pelas Forças da Luz.

COBRA: Eu diria que não são acordos. Diria que existe um equilíbrio dinâmico em relação ao que cada um faz. As Forças da Luz não atravessam certas linhas e as Forças das Trevas também não. As Forças da Luz não estão fazendo contato físico direto com as populações da superfície e as Forças das Trevas, também, não desencadeiam genocídios massivos no planeta. Estas são as duas polaridades que temos agora. (Entendo)

Aaron:  Cobra, você poderia nos atualizar sobre o Yaldaboath, a Pedra Negra e as bombas Toplets?

COBRA: A Pedra Negra foi completamente removida. O Yaldaboath está perdendo grande parte do seu poder. No entanto, existem outras entidades que, também, estão sendo eliminadas. Já as bombas Toplets estão, progressivamente, sendo removidas, como falamos. (Bom).

Lynn:  Porque tenho a sensação de que as coisas desaceleraram. Isso é correto ou estaria ansioso demais?

COBRA: Simplesmente é uma resposta psicológica à situação, quando nada muda tão rápido quanto gostaríamos. Essa é uma reação normal. Não é uma avaliação objetiva. Simplesmente é porque as coisas estão demorando muito tempo. Todavia, as coisas estão demorando muito, já há muito tempo. Não é nada de novo, é algo que está acontecendo progressivamente. (Sim).

Lynn: Sei que você não gosta de perguntas quantitativas, mas parece que estamos num ponto em que estamos progredindo.  Entretanto, é edificante quando temos um número ou uma percentagem que indique que estamos melhorando. Esta pessoa está pensando o mesmo que eu. Desculpe Cobra.

COBRA:  OK, não gosto de dar uma percentagem, simplesmente, porque não somos os únicos a escutar isto e, em particular quando existem operações críticas das Forças da Luz em curso. E nós temos muitas operações críticas desse gênero acontecendo este ano. Não é aconselhável dar muita informação e essa é uma das razões pelas quais as minhas atualizações são mais curtas, uma vez que não posso dizer muito mais sem comprometer as operações críticas neste momento. (Eu entendo. Espero que os outros também).

COBRA: Sim, sim.

Aaron:  Quando o Evento acontecer, será seguro estar na rua ou vão ocorrer mudanças na Terra nesse momento?

COBRA:  Será seguro estar na rua. Não existirão mudanças drásticas na Terra nesse momento. (Oh bom, obrigado)

Lynn: Cobra, quando é que a encarnação ocorre no útero ou no nascimento do bebê?

COBRA:  Na maioria dos casos acontece entre, eu diria, o 2.º e o 3.º mês... até o 6.º ou 7.º mês. Em casos raros ocorre antes e, em raras ocasiões, acontece depois. Posso apenas lhe dar uma indicação aproximada, para que você tenha uma ideia.

Lynn: Então entre os 2 e 4 meses?

COBRA: Diria entre o 2.º e o 6º mês. (OK, obrigado).

Aaron: Próxima pergunta: A Civilização Central conseguiu se tornar altamente evoluída sob a manipulação dos arcontes? Pode nos dizer o que pensa sobre isso Cobra?

COBRA: A Civilização Central se desenvolveu de forma completamente independente dos arcontes. (OK, obrigado)

Aaron:  Quais são as etapas ou protocolos exatos que elevam a nossa vibração o suficiente para mudar a fisiologia do nosso corpo?

COBRA: Existem protocolos de Ascensão que ativam a ligação com o corpo de Luz e, então, podem e que em certa medida mudam a fisiologia do corpo.

Aaron: Comentam isso mencionando a Biocinética?

COBRA:  Não, não, não, não.

Aaron:  Eles perguntam: São estes os mesmos passos que podem ter resultados no que diz respeito ao crescimento dos nossos ossos e até mesmo mudar a cor dos nossos olhos?

COBRA: Diria que, de certo modo, pode ser o resultado final, mas ainda não estamos lá. (OK, obrigado)

Lynn:  Cobra, qual é o seu sentimento sobre a possibilidade de recriação das 24 cadeias de DNA?

COBRA: Não concordo com a ideia das 24 cadeias de DNA. É apenas outro conceito da Nova Era que foi introduzido. (Ok, obrigado)

Aaron: É verdade ou não é verdade?

COBRA: Repito, é apenas um conceito da Nova Era que foi introduzido na população de superfície.

Aaron: Gostaria de me estender um pouco mais sobre isso. O nosso DNA tem 2 cadeias.

COBRA: Sim, o DNA tem 2 cadeias.

Aaron: Não vejo como pode passar de 2 para 12 ou 24.

COBRA – Exatamente, nosso DNA físico não passará para 12 ou 24 cadeias.

Aaron:  É que ouvimos isso há anos. Acho que é apenas outro rumor ou mito.

COBRA: Um conceito da Nova Era que foi introduzido e eu diria que todos precisam de usar o seu bom senso ao lerem livros ou artigos de internet ou qualquer coisa que tenha sido introduzida, através, dos meios de comunicações alternativos.

Aaron: Na primeira vez que ouvi tive dificuldade em acreditar. Fico feliz por ter esclarecido isso.

COBRA:  Sim. Basicamente, temos 12 cadeias de DNA no plano etérico, não no plano físico.

Aaron: Ah, isso faz toda a diferença.

COBRA: Sim. É uma história diferente.

Lynn: Vamos continuar com a próxima pergunta: Embora exista uma grande quantidade de informações on-line sobre fazer projeção astral, será sensato fazê-la?

COBRA: É sensato, se souber o que estiver fazendo. Não é sensato se estiver apenas explorando diferentes dimensões por curiosidade.

Lynn:  OK. Esta pessoa continua perguntando: Podemos confiar em experiências de projeção astral?

COBRA:  Eu diria que muitas coisas são possíveis quando se projeta, todavia, que nem sempre é seguro. (ESTÁ BEM).

Lynn:  Então, se uma pessoa quiser fazer isso, deverá pedir orientação no início. Como discernimos se é seguro ou não?

COBRA:  Prefiro recomendar que não se faça. Se estiver fazendo esse tipo de perguntas, talvez seja melhor não o fazer. (OK, tudo bem, obrigado).

Aaron: O que significa “extensão monádica”, em relação ao comportamento humano e ao nosso atual estado de Consciência humana escravizada?

COBRA: Eu precisaria saber o que quer dizer com uma extensão monádica. Porque extensões monádicas é um termo usado de formas distintas por pessoas diferentes.

Aaron:  Eles escreveram isso entre aspas, mas eu não sei o que significa. ESTÁ BEM.

Lynn: Pode comentar a ideia de que existem várias versões de nós mesmos ao mesmo tempo?

COBRA: De certa forma, sim, porque há um EU Superior, um EU verdadeiro e há uma extensão dele no corpo físico, na nossa encarnação física.

Lynn: Essas versões estão em realidades paralelas ou dimensões ou linhas temporais?

COBRA: Acabei de responder a esta pergunta. (OK. Tudo bem, Aaron)

Aaron: É verdade que uma grande parcela da população humana já foi clonada?

COBRA:  Não, não é verdade. (ESTÁ BEM).

Aaron:  E que existem “cópias” de pessoas caminhando pelo planeta e sendo usadas por programas de controle mental?

COBRA: Na maioria dos casos, não é verdade. (OK, é bom saber).

Aaron: E, por favor, comente sobre isto. Qual a percentagem da população clonada, neste momento?

COBRA: Muito, muito pequena.

Aaron: Não é complicado clonar uma pessoa? Eles ainda precisam passar por anos de…

COBRA: O corpo pode ser clonado, no entanto, não se pode clonar a Alma, pelo que, então, não se é capaz de replicar completamente um ser humano.

Aaron:  Além disso, existem fatores ambientais influentes na medida em que crescem?

COBRA: Existem muitos fatores envolvidos e também fatores ambientais. (Obrigado Cobra)

Lynn:  É possível colocar a Alma de uma pessoa num clone?

COBRA: Sim, é claro.

Lynn: Então, essa pessoa (original) teria que morrer, certo?

COBRA:  Se quiser sim, um clone é apenas uma cópia do corpo físico, pelo que então, é claro que pode incorporar nele uma pessoa ou, também, desincorporá-la. (hummm).

Aaron: Quanto tempo leva um clone para crescer?

COBRA: Um clone pode crescer muito rapidamente, até em alguns meses com tecnologias muito avançadas. (Uau)

Lynn: É verdade que “a velocidade da órbita do globo” é de 106.000 Km/h?

COBRA: Será preciso medir a velocidade relativamente a algo. Portanto, a velocidade é sempre relativa. Precisa de definir a velocidade do globo relacionada com o quê?

Lynn – Esta pessoa continua por dizer: que a “curvatura é a raiz quadrada de 1.6Km” é 0,202 metros? e que “a inclinação do eixo” é de 66,6 graus?

COBRA: Essa história não é verdadeira.

Lynn:  Qual é o significado esotérico e oculto destas dimensões planetárias interessantes em relação à redução ou elevação da nossa Consciência? Existe alguma associação?

COBRA:  Não existe nenhuma relação, conforme já disse que pelo menos um desses números não está correto. (Então 2 deles estão corretos?)

COBRA: Pode ser, se eu receber mais informações sobre aquilo que essa pessoa, em particular, estiver referenciando a velocidade. Em certas circunstâncias pode ser correto, Todavia, não tenho informações suficientes dessa essa pessoa sobre a definição sobre o significado de sua pergunta. (Entendo. Obrigado Cobra).

Aaron: Cobra, passei 10 anos fazendo análises GPS e análises globais e, no que diz respeito à física e à matemática, esses são números erróneos. Eu não consigo nem mesmo entender a questão dos 106.000 Km/h.

COBRA: Isso poderia ser uma velocidade relativa ao movimento da Terra em relação com um certo ponto dentro da galáxia. Pode ser algo assim, mas eu precisaria de mais informações. (Ao nos afastar da Terra pode ser verdade, a partir de algum lugar)

Aaron: Vamos passar para a próxima pergunta aqui: pode nos dizer, em regra geral, o que é a correção do processo?

COBRA:  Não, novamente não posso responder esta pergunta assim sem maiores detalhes. (Sim, é meio obscura. Obrigado Cobra)

Lynn:  Cobra, os sonhos lúcidos são úteis?

COBRA: Podem ser úteis sim. Mais uma vez se for feito com a Consciência certa.

Lynn:  Devemos gastar nosso tempo para fazer ou aprender isso?

COBRA: Sim, se se sentir guiado nesse sentido e se se sentir, relativamente, confiante a isso e se puder lidar com isso, sim.

Lynn: Tem algumas fontes confiáveis ​​que possa nos fornecer, para podermos aprender mais sobre isso?

COBRA: Precisaria me enviar um e-mail para eu poder procurá-las. Eu não as tenho agora. (OK, obrigado)

Aaron: Próxima pergunta: as pessoas estão fascinadas com a invisibilidade – uma pesquisa do Google mostrou que existem quase 140 filmes como “O Homem Invisível” ou mesmo o livro de Harry Potter e a camuflagem de invisibilidade. Por que este fascínio pela invisibilidade?

COBRA:  É que as pessoas se sentem fascinadas por tudo que vai além das realidades comuns, pelo que, então, essa é uma dessas fascinações.

Aaron:  A invisibilidade é uma tecnologia de camuflagem e é por isso que são usados revestimentos e que não tornam as coisas realmente invisíveis?

COBRA: Na verdade, sim é uma tecnologia de camuflagem que pode refletir os raios de uma certa forma que não são visíveis aos olhos. Tecnologias de camuflagem mais avançadas podem até mesmo teletransportar fótons e outras ondas eletrônicas para que não sejam detectadas. Existem muitas abordagens diferentes para isso.

Aaron: É uma das muitas formas pelas quais os humanos foram controlados – por ter visão limitada?

COBRA:  Não, não, não.

Aaron:  Outra: É uma das muitas formas pelas quais os seres humanos foram controlados pelas forças das trevas fazendo com que estes sejam invisíveis para nós?

COBRA:  Não, isso não está acontecendo, exceto em ocasiões muito raras pelo grupo chimera.

Aaron:  Alguns psíquicos ou intuitivos são capazes de “ver” os campos de energia das pessoas ou os seres, tanto da Luz como das Trevas. Eles parecem que podem “ver” um espectro de luz mais amplo. Isso é preciso?

COBRA:  Na maioria dos casos, não. (OK, obrigado)

Lynn: Depois do Evento ou durante ou após a Ascensão, a nossa visão irá se expandir para poder visualizar mais comprimentos ou dimensões de onda de Luz para podermos ver o que era invisível para nós?

COBRA: O que acontecerá é que muitas pessoas poderão ver os planos não físicos com seus chacras mais elevados.

Lynn:  Isso acontecerá depois do Evento ou precisamos de esperar até à Ascensão?

COBRA: Após o Evento, numa determinada fase no decurso do processo de Ascensão.

Lynn: Então, existe um espaço entre o Evento e a Ascensão?

COBRA:  Sim, claro. Eu expliquei isso muitas vezes. (ESTÁ BEM)

Aaron: É possível que, se as pessoas pedirem mais intervenção divina, isso possa acelerar o processo de libertação do planeta Terra? O que você acha Cobra?

COBRA: Sim, sim. (ESTÁ BEM).

Lynn:  Os orbes são veículos de transporte?

COBRA: A maioria dos orbes são apenas… Na verdade, a maioria dos orbes apelidados como tal são apenas reflexos da lentes das câmeras.

Lynn: Poderia falar um pouco sobre os orbes que não são reflexos?

COBRA: Que não são reflexos (sim) – São seres etéreos e de plasma que, realmente, estão impactando a área próxima da superfície do planeta e que, em certas condições, as pessoas podem vê-los.

Lynn: Muitas pessoas os vêm em fotografias ou através de equipamentos de visão noturna ou com óculos de visão noturna. Existem diferentes tipos de orbes? E as cores significam alguma coisa?

COBRA:  Sim, existem diferentes tipos de orbes.

Lynn:  E as cores?

COBRA:  Também simplesmente existem diferentes espécies de orbes e com cores diferentes e isso simplesmente significa que elas são provenientes de diferentes espécies ou ramos.

Lynn: Eles são de alguma certa dimensão?

COBRA: Mais uma vez, a maioria deles vivem nos planos etéreo e de plasma.

Lynn: OK. Existem orbes negativos?

COBRA: Muito, muito raro.

Lynn:  Podemos nos comunicar com orbes ou chamá-los?

COBRA:  Sim, podem.

Lynn: Eles nos ajudam na cura?

COBRA: Sim, ajudam. (Obrigado)

Aaron: Às vezes eu vejo estrelas que brilham muito rapidamente e depois começam a se mover, geralmente em pares. Serão estas naves camufladas no céu?

COBRA: Sim, em muitos casos, sim.

Aaron: E se eles estão camuflados e se nos ouvem telepaticamente, é possível comunicar com eles?

COBRA: Pode tentar.

Aaron: Quão perto eles estão?

COBRA: Depende da situação. Às vezes eles podem se aproximar bastante.

Lynn:  Esta pessoa diz: vejo uma nave Pleidiana no céu Ocidental. Estará ela limpando a poluição na atmosfera? Caso contrário, o que é que elas estão fazendo?

COBRA: OK, depende se, realmente, está vendo uma nave Pleidiana. E sim, existem muitas naves Pleidianas que estão limpando a poluição. (ESTÁ BEM)

Lynn:  Cobra, muito obrigado. Vou deixa-lo com o Aaron para fazer a última pergunta e, então iremos terminar.

Aaron: Esta será rápida Cobra. Diga: É verdade que apenas 25 por cento da raça humana é humana?

COBRA: Não. (Pensei o mesmo).

Aaron:  Se 75 por cento não forem humanos, o que é que eles são?

COBRA:  A maioria das pessoas neste planeta são humanas, a grande maioria sim. (OK, obrigado Cobra)

Lynn:  Os 144.000, são de algum outro lugar e vieram para ajudar?

COBRA: Vieram de muitos sistemas estelares, sim.

Lynn: Cobra, quero agradecer mais uma vez por hoje estar conosco e agradecemos sempre a sua visita. Espero que as pessoas apreciem estas informações dessa nossa entrevista e atualização de Outubro consigo.

COBRA: OK. MUIITO BEM. Muito obrigado por esta entrevista.

Aaron: Obrigado e até a próxima.

Para terminar, gostaria de agradecer a toda a equipe que tornou possível esta entrevista:

Ao Cobra por ser um convidado gracioso. O seu site é: http://2012portal.blogspot.com/

Ao Aaron o meu colega de entrevista, técnico de som e de edição,

À DOV pela nossa música e genérico: As Vozes do Mundo,

À Danell pela sua experiência de transcrição,

A Equipe perguntas questões ao Cobra: pela selecção das questões,

À Ada pela modulação,

Ao Dane nos bastidores,

E a todos os nossos maravilhosos ouvintes!

E lembrem-se sempre de que somos todos as Vozes do Mundo.

Música: Vozes do Mundo


Quem é COBRA? Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...