background

quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

SIMON & JENNIFER - "MENSAGEM DA LUA: REFORMULAR NOSSA EXPRESSÃO DO SELF" - 04.01.2018



Nosso senso de identidade – quem acreditamos ser – foi moldado por nossas experiências, e, por conseguinte, pelo passado. Foi como aprendemos a nos ver, por meio das memórias que temos de nossas experiências, o que nos oferece uma reflexão de quem chegamos a reconhecer como nós mesmos. Vimos sendo definidos segundo nossa aparência, nossa expressão no contexto do mundo externo e os resultados de nossas escolhas.

Assim, fomos definidos por uma comparação com o ambiente em que existimos. Isso leva a um paradoxo em que, se nos destacamos em um ambiente pobre, consideramos que somos bem-sucedidos, e se nos esforçamos em um ambiente avançado, consideramos que fracassamos. Todavia, não mudamos. A mesma pessoa pode experimentar qualquer uma dessas reflexões sobre si mesma a depender do ambiente com que está interagindo, e, então, acreditar que essa reflexão seja a verdade de quem de fato é. Mas, na verdade, a reflexão do mundo externo não tem nada a ver com quem se é. O self encontra-se mais perto de nossos corações do que isso. Nosso verdadeiro self encontra-se no mais profundo lugar de nossas intenções, desejos, vontade e sonhos.

O verdadeiro self é uma expressão da consciência – e é somente um aspecto da totalidade da consciência coletiva. Cada um de nós possui   a própria e única expressão energética que vimos aqui para compartilhar. Cada um possui um modo individual de refletir sua singularidade no ambiente. Todos nós brilhamos de forma diferente devido a nossa natureza, e não existe forma ‘errada’ de fazer isso. Nosso desafio não é forçar nada, mas simplesmente sair do caminho e permitir que isso aconteça.

Nosso eu verdadeiro (ou eu superior) não possui forma – é como a água – que assume a forma e a aparência do recipiente em que flui, e, que, com o passar do tempo, molda esse recipiente. Não podemos conhecer nosso potencial, se tivermos sido moldados apenas pelo ambiente e por nossas limitações, nem podemos conhecer o amor se consequentemente chegamos a nos conhecer como derrotados, incapazes de ser amados, fracassados etc. Na busca de nos descobrir em um estado de amor, alegria e abundância, não é o que acontece conosco que é de importância, mas como reagimos ao que acontece, e como deixamos que tais experiências nos moldem. Porque a forma como nossas experiências nos moldam também o faz com a forma como nos experimentamos e como as outras pessoas nos experimentam, nossa escolha em reagir conscientemente ao nosso ambiente se torna o recipiente para que o nosso self vivencie a si mesmo, não o ambiente em que nos encontramos.

Com isso em mente, nós os convidamos a refletir durante esta Lua Cheia em como vocês chegaram a se identificar e como podem tornar-se a mais pura representação do seu verdadeiro e único self. Como vocês podem deixar brilhar a sua verdade e autenticidade como o belo aspecto da criação que vocês são?

A vida que manifestamos, manifesta-se por nosso intermédio. Os olhos com que vemos a nossa realidade são limitados para ver aquilo que já sabemos que é verdadeiro (o nosso passado) e por isso, só podemos ver e ser de modo diferente por desconhecer,  descobrir o que está fora de nossa percepção condicionada – aquilo que permanece em nossa percepção única. Se queremos manifestar uma vida que seja verdadeira em relação às nossas intenções e aos nossos sonhos, devemos nos tornar o recipiente para que eles se manifestem em vez de contê-los por aquilo que experimentamos e acreditamos!

Este é o momento de troca a nossa velha pele. Vejam a maravilha da vida passando por vocês; a maravilha de perceber e tornar-se quem vocês realmente são, ao experimentar-se como esta maravilha a cada momento.

“Sua canção está prestes a ser escrita… apenas sendo e conhecendo: a canção é você.”- Kate Ceberano, A Canção de Luis.

Com amor,

Simon & Jennifer.


Autor: Simon & Jennifer
Fonte: https://wakeup-world.com/
Tradução: Ivete Brito – adavai@me.com http://www.adavai.wordpress.com
Veja mais Simon & Jennifer Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...