background

terça-feira, 22 de maio de 2018

BENJAMIN FULFORD - "A DECLARAÇÃO DE GUERRA COMERCIAL UNIVERSAL DE TRUMP ESTÁ LEVANDO OS ACONTECIMENTOS A UM PONTO CRÍTICO" - 21.05.2018


                                                                                                                                        
A declaração de guerra comercial do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump com praticamente todo mundo é apenas uma questão de que Trump estar negociando uma falência do tipo Capítulo 11 para os Estados Unidos. Uma maneira mais gentil de expor isso é dizer que os EUA estão se revoltando contra um sistema internacional que tem saqueado seu povo em nome de oligarcas globalistas. Outra maneira de expor isso, é dizer que o mundo está negociando um substituto para o sistema de petrodólar. De qualquer forma, agora podemos esperar muito mais gritaria e explosões e, possivelmente, até mesmo uma ou duas explosões, na medida em que essas negociações prosseguem.

Publicamente, essa disputa pode ser vista na maior divisão aberta entre potências europeias e os Estados Unidos, desde o fim da Segunda Guerra Mundial. Temos os líderes da França, Alemanha e União Europeia pedindo abertamente o fim da aliança Europeia/Americana desde o pós-guerra. Por sua vez, o lado americano, publicamente, ameaçou com sanções contra países europeus. Abaixo da superfície, uma campanha de assassinato dos EUA contra líderes desobedientes da EU, também, é um bom palpite.

O gatilho imediato foi a decisão de Trump de desembarcar do Acordo Nuclear Iraniano. Claro, qualquer um que esteja seguindo o que realmente está acontecendo sabe que a decisão de Trump de sair do acordo nuclear Iraniano não tem nada a ver com armas nucleares. Realmente, é sobre o anúncio do Irã de vender petróleo para a Europa com preço estabelecido em Euro e não em petrodólares.

Vamos começar, dando uma olhada no modo de como as coisas vão se desenrolar a nível de superfície. Trump está dizendo: "Se você não comprar mais de nós, vamos parar de comprar de você!" Ele também está dizendo: "Se você parar de usar petrodólares para comprar petróleo iraniano, impediremos qualquer país europeu fazendo negócios com Irã de fazer negócios conosco. ”Os europeus estão dizendo:“ Você é um caloteiro que não está pagando pelo que compra, então, quem se importa se você parar de comprar! ”Eles (os europeus), também, estão dizendo: “Vamos punir qualquer empresa europeia que obedeça suas sanções contra o Irã”. 

https://www.reuters.com/article/us-iran-nuclear-europe/eu-commission-says-launches-measures-to-protect-eu-business-in-iran-idUSKCN1IJ100?utm_campaign=trueAnthem%3A+Trending+Content&utm_content=5afecf8804d301091704743b&utm_medium=trueAnthem&utm_source=facebook

A ameaça mais importante vista em público, tem sido a ameaça dos EUA de impor sanções contra a Alemanha, caso prossigam com o Oleoduto Nord Stream 2. Esse gasoduto permitiria à Alemanha a importar mais gás diretamente da Rússia, em vez de ter que passar pelo estado fantoche khazariano da Ucrânia. Em essência, Trump está dizendo: "Se você não comprar gás de nós (com uma margem de lucro de 20%), deixaremos de comprar seus automóveis". 

https://www.zerohedge.com/news/2018-05-17/trump-gives-merkel-ultimatum-drop-russian-gas-pipeline-or-trade-war-begins

https://www.zerohedge.com/news/2018-05-17/eu-launches-rebellion-against-trumps-iran-sanctions-bans-european-companies

O elefante na sala de estar desta disputa doméstica, entre a UE e os americanos é a China e seu movimento para substituir a aliança Atlântica por uma aliança Eurasiana, que deixaria os poderes Anglo-Saxônicos na periferia do poder mundial. Do jeito que as coisas estão indo agora, os chineses estão ganhando, porque a disputa UE/EUA deu um grande impulso aos futuros de petróleo comercializados em yuan chineses que, assim, fortaleceu o petro-yuan como substituto do petrodólar. 

https://www.zerohedge.com/news/2018-05-17/china-oil-futures-thundering-action-after-trump-exits-iran-deal

Provavelmente, é por isso que Trump escolheu uma reunião da OTAN para implicitamente ameaçar uma guerra de tiros, se sua guerra comercial com a UE, a China e o resto do mundo não for bem-sucedida. A seguir seus comentários:

“’Será que será bem-sucedida? Tenho a tendência de duvidar disso’, disse o Presidente aos repórteres, durante uma aparição com o Secretário-Geral da Otan, Jens Stoltenberg. ‘A razão pela qual duvido é porque a China ficou muito mimada. A União Europeia ficou muito mimada. Outros países se tornaram muito mimados, porque sempre conseguiram 100% do que queriam dos Estados Unidos’.

‘Mas não podemos permitir que isso mais aconteça', acrescentou Trump." 

https://www.cnbc.com/2018/05/17/trump-says-he-doubts-china-trade-negotiations-will-succeed.html

No entanto, fontes da sociedade secreta chinesa dizem que, realmente, estão jogando um jogo muito maior e que estão pressionando por um governo mundial. Essa visão de mundo chinesa é moldada por sua história. Quando a  China foi dividida em estados em guerra, o resultado inevitável foi o declínio da população, a pobreza e a miséria. Eles acreditam que o mundo precisa agora se unificar, como a China já fez, para acabar com a guerra e a pobreza. O problema com essa visão, de uma perspectiva Ocidental, é claro, se o preço da paz mundial for para todos se tornarem escravos chineses, então não, muito obrigado.

No entanto, a menos que o Ocidente possa remover os sionistas com suas visões apocalípticas do controle do planejamento futuro do Ocidente, a alternativa chinesa se torna cada vez mais inevitável, na medida em que o tempo passa.


É por isso que o Ocidente precisa fazer algo sobre o monoteísmo e as famílias que o controlam. Vamos esclarecer isso, existem grupos familiares concorrentes que controlam o que vemos como religiões monoteístas concorrentes. 

Essa é a situação:

1. Os Cristãos são controlados, principalmente pelos Maçons P2 e pelo Vaticano ou pelos descendentes dos Césares;

2. Os Judeus e os escravos Judeus Cristãos (Cristãos Sionistas evangélicos), são controlados pela dinastia da família Rothschild etc. (descendentes autodenominados do Rei Davi);

3. Os Cristãos Ortodoxos, herdeiros da tradição dos Gregos e de Alexandre, o Grande;

4. Os Muçulmanos Sunitas, que são controlados por um grupo de descendentes de Maomé, bem como por descendentes das famílias pagãs que controlam Meca e,

5. Os Xiitas, que são controlados por um ramo diferente dos descendentes de Maomé, bem como pelos herdeiros do Império Persa.

Fora desses grupos, temos os Illuminati Gnósticos, que acreditam que qualquer entidade criada neste planeta é maligna e precisa ser derrubada. O outro grupo são os satanistas, que têm uma visão amoral que permite que seus membros (muitos dos quais se infiltraram nos níveis mais altos do poder mundial) façam o que quiserem, incluindo assassinato em massa, estupro infantil, canibalismo, etc.

Enquanto esses grupos lutam pelo poder mundial há muito tempo, o que eles têm em comum é a visão de um tempo final em que o mundo “terminará” e depois será substituído por outra coisa.

Agora, o truque é conseguir que esses vários grupos concordem com algum tipo de visão do futuro que não envolva o Armagedom e a destruição de 90% da humanidade. É disso que trata a verdadeira luta. A guerra financeira sobre coisas como petrodólares é, portanto, uma guerra pelo controle do processo psicológico de decidir sobre o que a Humanidade, como espécie, fará no futuro.

A Sociedade Dragão Branco - SDB e seus aliados estão impulsionando uma alternativa para todas essas visões que vislumbram uma campanha massiva para acabar com a pobreza, deter a destruição ambiental e colocar a vida terrestre no caminho de uma expansão exponencial no Universo.

Por enquanto, no Ocidente, o que estamos vendo é um movimento de base, inclusive nos escalões médios do nexo militar-industrial-policial para remover todos os criminosos do poder.

Nesta frente, o maior desenvolvimento da semana passada, foi a renúncia de 34 bispos chilenos, aparentemente por causa de uma cobertura maciça de abuso infantil. No entanto, como é frequentemente o caso, a história apresentada para consumo público não é toda a história. O que estamos vendo no Chile é a remoção do grupo que acabou sendo responsável pela “guerra suja” durante o período da revolução no Chile. Esse grupo, intimamente associado aos Nazistas e à família Bush, é o grande responsável pelo golpe Nazista nos EUA, que começou com 11/09.

O Pentágono e outras fontes estão dizendo que essa renúncia em massa pode levar à renuncia do Papa Francisco. No entanto, fontes dos Maçons P2 estão dizendo que o que realmente está acontecendo é uma revolta da Igreja Cristã contra as famílias Romanas que controlam o Cristianismo desde a sua criação. É por isso que o Papa na, semana passada, instalou 14 novos cardeais não europeus. O Papa, dizem elas, está planejando uma campanha massiva na África e na América do Sul para acabar com a pobreza e ser uma contrapartida do enorme projeto de infraestrutura “Um Cinturão, Uma Estrada”, da China.

O Papa também publicamente declarou guerra aos jogos de cassino não regulamentados, que o sistema financeiro Ocidental degenerou.

https://www.bloomberg.com/news/articles/2018-05-17/pope-goes-off-on-cds-market-calls-derivatives-ticking-time-bomb

De qualquer forma, há um expurgo relacionado de atores corruptos que, também, ainda continuam dentro dos EUA. Nesta frente, de acordo com fontes do Pentágono, existem agora mais de 30.000 acusações seladas, prontas para serem postas em prática em breve. O gatilho para essas prisões pode ser a publicação de e-mails, etc., que "matarão Hillary (Clinton) por sexo com menores e outros crimes".

A "cabala" também está "cambaleando com ataques de baixo nível, depois que Gina Haspel foi confirmada como Diretora da CIA e Trump assinou uma ordem executiva para liberação de documentos não redigidos para o Congresso", disseram as fontes. O Inspetor Geral do Departamento de Justiça também está "prestes a diminuir o boom com seu explosivo relatório de crimes cabalísticos", dizem as fontes.

Também tem muita coisa acontecendo na Ásia, agora que um novo chefe da CIA foi nomeado. A questão mais dramática é a investigação em andamento da corrupção na Malásia. Lá, o novo governo de Mahathir Mohamad está conduzindo incursões a ex-funcionários do governo que, literalmente, estão rendendo caminhões de dinheiro, jóias e outros sinais visíveis de corrupção. Fontes do Pentágono estão dizendo que o ex-primeiro-ministro Najib Razak "capotou", e que Trump pode "visitar a Malásia após seu encontro de 12 de Junho, em Cingapura com o Menino Gordo (líder norte-coreano Kim Jong-Un)".

As investigações de corrupção na Malásia, provavelmente, irão expor as verdadeiras razões do desaparecimento dos Voos 370/17 da Malaysian Air. No entanto, sabemos que parte dessa operação visava impedir que a China tivesse acesso à tecnologia de fabricação de semicondutores dos EUA. O que isto significa é que, enquanto parte do desaparecimento deste avião foi criminosa, parte dele estava ligada a uma batalha tecnológica Chinesa/Ocidental. Espero que o mundo, em breve, saiba da verdade.

O novo chefe da CIA, também, deve tornar possível uma investigação da corrupção no Japão, dizem as fontes do Pentágono. Aqui temos um sistema político que se degenerou a ponto de quase todos os políticos em exercício serem subornados e chantageados.

A Sociedade Dragão Branco pediu ao governo Abe para nacionalizar o Banco do Japão (BoJ) e usar seu poder financeiro para beneficiar o planeta. Se esta oferta não for aceita, as prisões em massa começarão no Japão. A nacionalização do BoJ pode ser o gatilho que finalmente trazer o “Evento”, ou as mudanças positivas em massa que todos estamos ansiando.


Autor: Benjamin Fulford 
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais artigos do Benjamim Fulford Aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...