background

terça-feira, 17 de julho de 2018

SAUL - "AUTOJULGAMENTO NEGATIVO, RECRIMINAÇÃO E CULPA AFASTA DO AMOR QUE É VERDADEIRA NATUREZA DE CADA UM DE VOCÊS" - 13.07.2018



Neste mundo, todo contínuo e aparente caos, definitivamente, tem um propósito que e é de encorajar e estimular a humanidade a entusiasticamente avançar ao longo do caminho para o despertar. Neste contexto, seguir em frente significa reconhecer e, plenamente, se tornar consciente de todas as “coisas” que já não servem mais e, então, conscientemente pretender liberá-las.  

O reconhecimento é fácil, todavia a liberação pode ser muito exigente, especialmente quando as pessoas tentam sempre negar o que lhes vem à consciência dessa maneira, uma vez que isso é visto como inaceitável, irreal e profundamente doloroso. 

Ninguém gosta de se tornar consciente de suas inadequações ou de sua indelicadeza em seus relacionamentos e, ainda assim, não existe ninguém que esteja livre de palavras ou ações que tenham sido motivadas por essas atitudes ou comportamentos.

No entanto, essa “coisa”, na verdade, é irreal! Sim, vocês têm memórias e consciência disso, mas isso é parte do jogo irreal em que estiveram envolvidos por eras e que só precisam liberá-las. Absolutamente, não existe nenhuma necessidade de entrar em autorrecriminação, autojulgamento negativo e culpa pelas palavras ou ações, nas quais se envolveram de forma não amorosa. 

Em vez disso, perdoem-se e aceitem que, naquele momento, no momento em que se envolveram com essas palavras ou ações, estavam fazendo o que achavam melhor - mesmo que quase imediatamente depois disso percebessem que não era bem assim. 

Autojulgamento negativo, recriminação e culpa afasta do Amor que é a verdadeira natureza de cada um de vocês, mantendo-os no jogo onde parece que  estão separados da Fonte e, assim, drenando suas energias, exaurindo-os.

Uma liberação que não é fácil, porque continuam a lembrar, revivendo e se julgando por coisas que aconteceram no passado.  Isso acabou!   Só existe o AGORA, então, tudo o que precisam fazer é perdoarem a si mesmos, amarem a si mesmos e aceitarem que cada um de vocês é e sempre foi Amor - um aspecto ou parte da Fonte que é pura, perfeita e imutável - assim como foram criados. 

Segurando suas culpas – em constante autojulgamento negativo - como muitos fazem, apenas drena suas energias, esgota e deprime a vocês e não serve a nenhum propósito útil!  O que Deus cria é perfeito e permanece perfeito e, Deus é Aquele que no infinito Amor e Sabedoria criou  a todos vocês.

Portanto, o recolhimento em seus sagrados santuários interiores, para  se abrirem para o Amor que lá reside, onde sempre e apenas está desejando abraçá-los em todos os momentos. Ao permitir que o Amor os abrace, quaisquer sentimentos de culpa e indignidade desaparecerão e, então, experimentarão o saber, a certeza absoluta de que são completamente adoráveis e que, de fato, são incondicionalmente e amados sem reservas  como verdadeiramente são.

Na medida em que este saber surge em suas consciências, suas necessidades de julgamento cairão para serem substituídas por um intenso sentimento de Amor e compaixão por toda a vida e, a paz e o contentamento irão permear seus seres. 

Naturalmente, como os humanos em forma, ainda tendo que lidar em suas vidas diárias, eventos e situações continuarão a surgir, chateando ou perturbando sua paz interior. É por isso que é absolutamente essencial que, diariamente, acessem o Amor que é a verdadeira natureza de cada um de vocês e redefinam suas intenções de serem os únicos que amam o que surgir. 


Isto não significa que, de alguma forma, sejam responsáveis por fazerem os outros felizes, ou que tenham que ir contra suas intuições ou conhecimento interior para não perturbá-los. Ser apenas Amor significa agir com honestidade e integridade e enxergar, através das máscaras da raiva, ressentimento, amargura e até ódio que os outros usam.

Como estão bem cientes, existe uma imensa quantidade de dor e sofrimento em todo o mundo e suas tarefas - os recebedores desta e de outras mensagens similares - é fornecer os espaços seguros, nos quais aqueles que estão sofrendo possam relaxar e sentir o Amor e a aceitação que tão desesperadamente anseiam. 

O comportamento desamoroso surge quando as pessoas se sentem ameaçadas, atacadas ou indignas e inaceitáveis e, uma vez que sentir esses sentimentos é aterrorizante, por isso, sentem a necessidade de erguerem barreiras protetoras em torno de si para afastar a dor. 

E, se isso não funciona com elas, podem atacar os outros de maneira verbal ou física, porque nesse estado de intensa dor, sentem um desejo intenso e irresistível de projetá-la nos outros, assim como elas  veem, liberando-a e permitindo-lhes sobreviver.

Entre vocês, existem muito poucos que não experimentaram essa necessidade em algum momento de suas vidas, então, podem entender que, quando alguém ataca, indica que está com dor. E que, claro, quando se sentem sob ataque, surgem fortes emoções dentro de vocês, encorajando-os a contra-atacar. 

Entretanto, com a enorme assistência disponível nos reinos espirituais, podem escolher não reagir e, em vez disso, pausarem momentaneamente e, então, redefinirem suas intenções de serem apenas amorosos. E, quando fazem isso, a tensão emocional na situação diminui e, então, tudo que tenha surgido pode ser pacificamente resolvido.

Lembre-se de que, vocês não são suas emoções, seus sentimentos ou suas reações. São filhos amados de Deus e aquelas intensas sensações, são partes ou aspectos da condição humana e que, quando surgem estão lhes oferecendo lições que escolheram experimentar quando estavam tão sabiamente planejando seus caminhos de vida, antes desta encarnação. 

Não existem acidentes ou coincidências. Acidentes e coincidências são apenas ocorrências em que vocês, limitados pelas restrições em que o ser humano está sujeito, não foram capazes de prever ou imaginarem e que causam surpresas, às vezes extremas, quando acontecem em suas vidas.

Então, reiterando mais uma vez, é absolutamente essencial para o bem-estar de todos, como seres humanos que, diariamente, entrem naquele santuário interior e  que refaçam a intenção de abrirem seus corações para o Amor que lá reside.  Amor que é sua verdadeira natureza de cada um de vocês, para que experimentem seu caloroso abraço. 

Fazer isso fortalece e conforta a todos vocês, despertando a consciência de que apenas Amor, Fonte, Mãe/ Pai/Deus existe, de quem nunca estão , nem por um instante, separados. Então poderão ir para os seus dias com confiança, sabendo que têm a capacidade de lidar com o que venha a surgir porque não estão sozinhos e, sim, constantemente apoiados por todos nos reinos espirituais.

Com muito Amor, Saul.


Auxilie curtindo e compartilhando essa publicação no rodapé da postagem, para que ela possa alcançar cada vez mais Sementes! Gratidão! ❤

Canal: John Smallman 
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais mensagens do Saul Aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...