BENJAMIN FULFORD - "ATUALIZAÇÃO SEMANAL" - 14.01.2019



"JUIZ DO SUPREMO TRIBUNAL, PRESIDENTE DO BANCO MUNDIAL E OUTRO ROTHSCHILD CAEM"

Juiz do Supremo Tribunal, Presidente do Banco Mundial e outro Rothschild caem, na medida em que a revolução continua. 

Agora que os satânicos e proeminentes cabalistas khazarianos caíram, autoridades do segundo escalão, como a Juíza  da Suprema Corte Ruth Bader Ginsburg, o chefe do Banco Mundial, Jim Yong Kim e Serena Rothschild (viúva de Jacob Rothschild) estão sendo removidas, enquanto a guerra continua.

Ginsburg “desapareceu e pode estar morta ou internada em algum hospital de Nova York, já faltando duas semanas em seções de alegações orais na Suprema Corte e, talvez, durante todo o mês de Janeiro, sem provas de que esteja viva, preparando terreno para o Presidente dos EUA, Donald Trump, nomear outro Juiz”, dizem fontes do Pentágono.

Jim Yong Kim, um nomeado por Clinton, foi forçado a renunciar como presidente do Banco Mundial por causa da corrupção, dizem fontes da Família Dragão. Em particular, investigadores estão se concentrando no envolvimento de Kim no Haiti e com a corrupção de Clinton, relacionado ao terremoto de 2010, artificialmente induzido no Haiti, dizem fontes da CIA.

Serena Rothschild era a viúva (ou esposa) do ancião sionista, Barão Jacob Rothschild e mãe de Nathaniel Rothschild. Tudo o que sabemos é que  morreu "depois de uma breve enfermidade". Sabemos que Jacob Rothschild já está morto, no entanto, parece que estão sendo feitas tentativas para fazer parecer que ainda esteja vivo, a fim de impedir que seu filho Nathaniel, de mentalidade progressista, venha assumir o ramo Britânico desta, ainda, poderosa família.

De qualquer maneira, com os tribunais militares dos EUA em andamento, muitos corretores e financiadores de poder mais proeminentes serão removidos nos próximos dias e semanas, disseram fontes do Pentágono. Entre os que devem cair em breve, estão a chefe do FMI, Christine Lagarde e financistas de alto escalão da KKR, Henry Kravis e George Roberts, dizem as fontes. Além disso, o Primeiro-Ministro do Japão, Shinzo Abe, o Presidente da França, Emmanuel Macron, a Primeira-Ministra do Reino Unido, Theresa May e o assassino em massa, Benjamin Netanyahu, de Israel, também cairão, dizem fontes do Pentágono.

A KKR e seu funcionário, o General David, "traidor" Petraeus estão sendo acusados nos tribunais militares dos EUA por seus papeis de criação e armamento do Daesh (não desejamos insultar a Deusa chamando-os de ISIS), dizem as fontes. Relações públicas da KKR não responderam a um questionamento sobre o assunto, no momento em que este boletim estava sendo divulgado.

Por sua vez, fontes militares francesas dizem que Emmanuel Macron será em breve afastado por um governo militar que prenderá os cabalistas que sequestraram a democracia francesa nos últimos 11 anos. Depois disso, irão restaurar a verdadeira democracia para a República. Viva a França!


Ações para a prisão de Shinzo Abe levarão mais tempo, entretanto o trabalho preliminar já começou, já que a polícia francesa indiciou Tsunekazu Takeda, presidente do Comitê Olímpico do Japão, por acusações de suborno.

https://www.france24.com/pt/20190111

No entanto,  essa história pode ser vista como uma retaliação francesa pela prisão e maus-tratos ao ex-Presidente da Nissan, Carlos Ghosn. De acordo com fontes de Direita japonesas, Takeda é um membro da Família Imperial Japonesa que esteve envolvido na escolha dos Jogos Olímpicos no Japão, em 2020  como recompensa por seu envolvimento no Tsunami de Fukushima e ataque nuclear de 11 de Março de 2011 e por assassinato em massa. Abe, seu gabinete e o clã Iwasaki Mitsubishi, serão todos afastados, como resultado de suas cumplicidades com essas ações que culminaram nesse assassinato em massa, dizem as fontes.

Theresa May está sendo afastada por seu papel na tentativa de sabotar o Brexit e entregar o controle da Inteligência Britânica às famílias de gângsteres que controlam a UE, segundo fontes do MI6. A carta, a seguir, foi enviada pelo ex-chefe da Inteligência Britânica aos parlamentares para avisá-los da traição de May.



Além disso, o governo dos EUA tornou público que não mais reconhece a UE como sendo um governo legítimo, ao rebaixar seu status diplomático.

https://www.dw.com/en/trump-administration

Também, a chefe do FMI, Christine Lagarde, está sendo alvo dos EUA, por causa de seu esforço para posicionar algum SDR (Special Drawing Right) como uma alternativa ao dólar americano, disseram fontes da CIA. Em vez disso, um embaixador da família Dragão, disse que o FMI será liquidado. Lagarde já havia implorado aos chineses por uma chance de transferir o FMI para a Ásia, que foi recusado, observou a fonte.

https://www.reuters.com/article/us-imf-china-lagarde-idUSKBN1A922L

O FMI tem um histórico infeliz de forçar países pobres a empobrecer seus povos para entregar recursos às corporações controladas pela máfia khazariana.

De qualquer forma, parece que, na medida em que a rede de arrastão se aproxima, os banqueiros, novamente, começaram a cair dos edifícios.

https://www.dailymail.co.uk/news/article

Os serviços secretos britânicos dizem que banqueiros estão sendo mortos, como uma forma de encobrimento de pistas de provas que levem às pessoas idosas que tiveram sequestrado o dinheiro de seus  seguros.

Falando em pistas de provas, o contador forense Kenneth Boyd investigou como pessoas como o Secretário de Comércio de Trump, Wilbur Ross, o Secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, o Príncipe Charles, o ex-Ministro das Finanças, James Sassoon e várias megacorporações usam paraísos fiscais para evitar impostos  que o restante de nós somos obrigados a pagar.

https://www.ais-cpa.com/tax-avoidance-by-numbers-the-paradise-papers/

O arrastão, também, está se aproximando do estado pária de Israel e de seu Primeiro-Ministro adorador de Satanás e criminalmente acusado, Benjamin Netanyahu,  dizem as fontes do Pentágono. Nessa frente, o grande kahuna, 11 de Setembro, está sendo levado adiante. O discurso de Trump em 08 de Janeiro, teve exatamente 9 minutos e 11 segundos de duração. Este é um prelúdio para Trump declarar uma emergência nacional e liberar todos os arquivos do 11 de Setembro, dizem as fontes.

Além disso, um “projeto anti-BDS elaborado por Israel, para fornecer US $ 38 bilhões em ajuda e punir o discurso político, foi derrotado duas vezes no Senado (56-44 e 53-43. São necessários 60 votos), enquanto esforços estão em andamento para expurgar do Congresso cidadãos israelenses e traidores”, dizem fontes do Pentágono. (BDS = Boicote, Desinvestimento e Sanções).

Do mesmo modo, o boicote global contra Israel está se intensificando, “enquanto o Banco HSBC se desfaz do comerciante de armas Elbit Systems, de Israel, a Airbnb banida das listagens dos Bancos Ocidentais e o Brasil não poder  transferir sua embaixada para Jerusalém”, dizem as fontes.

O escravo neoconservador de Netanyahu, John Bolton, "teve suas asas cortadas" pelo presidente turco, Recep Erdoğan e pelo militar norte-americano de alto escalão, General Joseph Dunford, quando, na semana passada, tentou impedir a retirada militar americana da Síria.

Enquanto isso, o ex-procurador-geral norte Americano, Jeff Sessions, o General James Mattis e o General John Kelly estão administrando os tribunais militares com apoio de inteligência do ex-Almirante Mike Rogers e o ex-Chefe da Agência de Inteligência de Defesa Mike Flynn que, atualmente, lida com a KKR e Petraeus, mencionados acima, dizem as fontes.

Com o governo dos EUA agora paralisado pela quarta semana consecutiva e sem previsão de final, o mundo inteiro pode perceber que os dias da Corporação dos EUA estão contados. Dmitry Rogozin, chefe da Corporação Estatal Russa Roscosmos, cancelou sua planejada visita, em Fevereiro, à NASA ("suposta agência espacial"), pelo fato de  que a "Segunda Guerra Civil Americana" estar em andamento. Além disso, o fato de que o orçamento da NASA ter sido cortado pela paralisação do Governo dos EUA, sem dúvida, foi um fator a ser considerado no cancelamento da visita.

http://tass.com/science/1039354

Como resultado da paralisação, significa que, na medida em que cada vez mais guardas prisionais não são pagos, controladores de tráfego aéreo invocam atestados médicos e, quando os benefícios alimentares acabam para os 44 milhões de americanos que dependem deles, o alarme de que o caos está chegando aos EUA é acionado.

Para os poucos consumidores remanescentes do Kool-Aid, que ainda acreditam que a paralisação do Governo dos EUA é para financiar um muro já financiado, gostaríamos de lembrá-los de que os EUA têm um déficit comercial acumulado de mais de US $ 11 trilhões e um déficit governamental de mais de US $ 11 trilhões. São US $ 22 trilhões mais  passivos não financiados de US $ 210 trilhões, contra um PIB de US $ 19 trilhões. Então, aquele que estiver ganhando US $ 19.000 por ano e tem dívidas de US $ 243.000, não seria conveniente declarar falência para não permanecer um escravo da dívida, decorrente de seu  empobrecimento, pelo resto de sua vida?

A Sociedade Dragão Branco/White Dragon Society (SDB/WDS) e seus aliados estão oferecendo uma alternativa à interminável escravidão por dívidas. Nossa proposta é, imediatamente, eliminar com um  evento singular toda  dívida do setor público e privado. Então, redistribuiríamos os bens roubados do povo pelos bancos centrais de propriedade privada  fraudulentos. Estimamos que isso significa um pagamento único, equivalente a US $ 400.000 para cada homem, mulher e criança nos EUA. Além disso, uma vez libertados da escravidão pela dívida, o povo americano poderia usar suas fazendas, recursos, pessoas, fábricas. , know-how e habilidades tecnológicas superiores para criar uma era de prosperidade sem precedentes.

No que diz respeito ao resto do mundo, uma vez que o Ocidente tenha nacionalizado seus bancos centrais e removido o elemento criminoso do sistema bancário, seria possível realizar uma campanha multimilionária para acabar com a pobreza e a destruição ambiental.  Isso poderia ser feito sem dívidas ou impostos, se uma estrutura de governança meritocrática adequada fosse implementada.

O projeto chinês “One Belt One Road”, 60 vezes maior que o Plano Marshall, é um exemplo do tipo de projeto que o Ocidente, também, precisa iniciar. Quando a elite da velha guarda se encontrar em sua bacanal de Davos, em 22 de Fevereiro, vamos ver se oferecem algo que chegue perto do plano da SDB, de gastar trilhões de dólares por ano para ajudar a salvar o planeta. Se não for, então é hora de tirá-la do controle do sistema financeiro. A humanidade precisa ser livre para criar um futuro ideal para nossos planos.


Autor: Benjamin Fulford 
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais artigos do Benjamim Fulford Aqui