background

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

ARCANJO GABRIEL - "UMA CARTA - DE VOCÊ PARA VOCÊ" - 12.02.2018



"O que sua carta poderá revelar?"

Muitos de vocês estão preocupados com aonde estão enfrentando bloqueios em suas vidas. Entendemos que se você tem sistemas de crença que não estão em consonância com o que você gostaria de criar, pode ser difícil identificá-los, pois eles geralmente são um condicionamento que você teve durante toda sua vida.
  
Eles parecem normais para você porque eles estiveram presentes por tanto tempo. Gostaríamos hoje de sugerir uma técnica para você que possa ajudá-lo a identificar onde você tem sistemas de crenças limitantes.

Quando você tiver algum tempo para você, recomendamos sentar e escrever uma carta descrevendo uma frustração em sua vida. Escreva de coração, permitindo que suas emoções fluam.

Não se preocupe com o idioma que você usa ou com sua ortografia ou gramática. Este é um exercício de apenas permitir que esses sentimentos e frustrações fluam de forma pura e descomprometida. Este é um ato de honrar a parte de você que está confusa e se sente impotente.

Então, sugerimos que você coloque a carta de lado e faça algo que o leve a um melhor espaço de alinhamento. Você pode querer caminhar na natureza, passar o tempo em uma atividade que você goste, medite, ore ou qualquer outra coisa que ajude você a se sentir bem.

Não há pressa, mas sempre que estiver em um espaço de bem estar, revise sua carta e a leia como se outra pessoa a tivesse escrito. Não se trata de julgar seus sentimentos ou sobre algo de errado em sua carta! Você não está lá para julgar a carta, mas sim para simplesmente examiná-la de uma perspectiva diferente.

Ao lê-la, pergunte-se se os sistemas de crença que são transmitidos são realmente verdadeiros.

Por que você se sentiu assim? Você ensinou coisas que não estão de acordo com o que você deseja criar? A parte de você que escreveu a carta a fez de forma empoderada ou com medo? Como você pode intervir e ajudar essa sua parte que está sentindo tanta frustração ou dor?

A linguagem pode indicar declarações limitantes sobre si mesmo ou contratos feitos por sua alma no passado. Pergunte a si mesmo se as declarações são verdadeiras. O universo sempre concordará com o que você declara ser verdade para você. As declarações que você escreveu são o que você quer que o universo diga "SIM"? Você pode mudar seu foco para onde deseja ir?

Quais novas abordagens você pode criar para honrar quem você é e o que deseja e merece experienciar? Como você pode reescrever os contratos antigos da alma (votos ou declarações que estão impedindo seu poder) em novas afirmações positivas que combinem melhor com o que realmente deseja?

Um exemplo disso pode estar em reescrever a declaração: "Eu nunca mais confiarei novamente" para uma muito mais capacitadora: "Eu confio sabiamente e com discernimento".

A maior parte de sua carta pode expressar a ideia de que você está separado de alguma forma e forçado a navegar na vida sozinho ou sem suporte? Como você pode mudar essa crença para aceitar o amor e o apoio da Fonte, e de todo um universo, que deseja ajudá-lo?

Você pode desejar examinar sua carta por vários dias. Preste atenção no que isso pode desencadear você. Realmente sinta em que e onde ela é mais, energeticamente, carregada.

Como você pode se apresentar para essa parte de você? Como você pode oferecer o amor, apoio e redirecionamento que você está precisando desesperadamente? De modo algum este exercício é uma desculpa para se martirizar. Esta é uma oportunidade maravilhosa para fazer novas descobertas sobre você, para que consiga se apoiar com mais amor e compreensão.

Depois de ter recolhido tudo o que puder da sua carta, e tendo apoiado essa sua parte com amor e compaixão, você pode fazer uma cerimônia de deixar a carta ir. Você pode querer queimá-la, ou qualquer outra forma que sinta como certa para você de liberar toda frustração e confusão escrita nela.

Percebe o que fez? Você escreveu uma carta do seu eu inferior para o seu eu superior, da parte de você que se experimenta como separada para a parte de você que está sempre conectada, para receber sua própria orientação divina. Você pode até querer escrever uma carta de volta de seu Eu Superior para o seu eu inferior.

Agradeça-se por ser tão corajoso e honesto, e por mostrar-se tão amoroso e com tanta compreensão e sabedoria, e, assim, você estará pronto para avançar de uma maneira muito mais capacitada, congruente e muito mais capaz de chegar onde você estava querendo ir o tempo todo. 

Arcanjo Gabriel


Canal: Shelley Young
Facebook: Trinity Esoterics
Twitter: @trinityesoteric
Veja mais mensagens do Arcanjo Gabriel Aqui

Poderá também gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...