background

terça-feira, 17 de julho de 2018

BENJAMIN FULFORD - "SERÁ QUE OS JUDEUS FINALMENTE SERÃO LIBERTADOS DA ESCRAVIDÃO DA MÁFIA KHAZARIANA COM A LIBERTAÇÃO DE ISRAEL?" - 16.07.2018



O mundo está caminhando para uma nova era e não para uma Nova Ordem Mundial. Como parte disso, o Povo Judeu - escravos de alto nível de gângsteres khazarianos, adoradores de Satanás - está prestes a ser libertado de milhares de anos de escravidão babilônica. É por isso que o estado pária de Israel está sob plena lei marcial, enquanto o governo controlado pelos khazarianos enfrenta um ultimato para se render e libertar seus reféns judeus e árabes, de acordo com fontes russas do FSB e do Pentágono.

https://www.debka.com/israel-announces-nationwide-military-drills-amid-war-preparedness-on-northern-and-gaza-fronts/

Um sinal claro de que o Povo Judeu, finalmente, está acordando, veio na semana passada, quando grupos de direitos humanos judeus pediram a seu governo que parasse de armar neonazistas. Agora, muitos estão acordando para o fato de que o Nazismo e o Sionismo sejam dois lados de uma mesma moeda. Realmente, estas são as pessoas a quem o Apocalipse 2: 9 na Bíblia se refere como “aqueles que falsamente afirmam ser judeus, mas que de fato são uma sinagoga de Satanás”.

https://www.haaretz.com/israel-news/rights-groups-demand-israel-stop-arming-neo-nazis-in-the-ukraine-1.6248727

Fontes do Pentágono, também, estão dizendo que a Monarquia Britânica, formalmente, se rendeu aos militares norte-americanos, em nome das famílias aristocráticas de linhagem Khazariana, na Europa. Durante a visita do Presidente dos EUA, Donald Trump, ao Reino Unido, “Quando Melania se recusou a fazer uma reverência, pareceu que a Rainha entregou o Império Britânico e a cabala para Trump e que, para livrar a cara, os príncipes Charles e William não compareceram, para evitar esta indignidade, explica uma fonte do Pentágono.

Agora, podemos afirmar que foram os europeus, incluindo o ramo britânico da família Rothschild, que estiveram por trás do Tsunami de Fukushima e do ataque nuclear de 11 de Março de 2011, ao Japão. É provável que isso seja revelado, assim que começarem as prisões dos cabalistas khazarianos europeus, de acordo com fontes da Sociedade Dragão Branco (SDB).

No entanto, fontes do MI6 dizem que, embora os Rothschilds, de fato, estivessem envolvidos em Fukushima (juntamente com a família P2 Agnelli, uma parte do comando espacial dos EUA e outros), a situação não é tão simples. Elas dizem que o ataque de Fukushima foi uma tentativa fracassada de manter os donos do grupo G7 no poder.

Dessa forma, elas afirmam que, o que realmente está acontecendo é que os líderes Ocidentais estão tentando chegar a uma frente unida nas negociações com as sociedades secretas asiáticas sobre a formação de um governo mundial. Por essa razão, o Comitê europeu de 300 membros da realeza (chefiado pela rainha Elizabeth) está disposto a ceder a administração cotidiana das negociações ao governo militar dos EUA, representado por Trump, dizem as fontes.

Em todo caso, o problema na reunião de cúpula da OTAN/NATO, na semana passada, entre Trump e outros líderes da OTAN foi outro sinal de que a ordem pós-guerra, controlada pelos khazarianos está entrando em colapso. Basicamente, Trump disse aos outros líderes para pagarem mais dinheiro de proteção e que eles responderam para ele cair fora.

https://www.yahoo.com/news/trump-tells-nato-leaders-military-spending-4-percent-155939755.html

https://www.bloomberg.com/news/articles/2018-07-12/leaders-hold-unplanned-emergency-session-nato-update

Talvez, a coisa mais interessante a resultar desse encontro seja a fotografia mostrada no link abaixo:

http://www.businessinsider.com/trump-nato-leaders-photo-reflects-tensions-2018-7

Esta foto mostra todos os líderes da OTAN olhando para um lado, enquanto Trump olha para o outro. Isso quase que certamente foi feito para enviar uma mensagem e mostrar que esses "líderes", incluindo Trump, na verdade recebem ordens de outros lugares.

Para qualquer observador racional, é óbvio que a OTAN não desempenha nenhuma função útil, exceto para fazer lobby com empresas de armamentos. Toda a estrutura de propaganda e das mentiras retratando a Rússia como um agressor e uma ameaça para a Europa é um duplo discurso khazariano, sem base na realidade. Os países europeus, agindo racionalmente, preferem gastar seu dinheiro em algo diferente de equipamentos industriais/militares de assassinato em massa. É por isso que numa recente pesquisa de opinião, mostrou que apenas 37% dos alemães querem que os militares dos EUA permaneçam em seu país.

Na realidade, o que realmente está acontecendo, é que já foi alcançado um acordo entre os EUA e a Rússia sobre a OTAN, a Ucrânia, a Síria e Israel, segundo fontes do Pentágono e do FSB. Enquanto este boletim está sendo posto online, Trump irá se reunir com o presidente russo Vladimir Putin, para discutirem esse assunto, confirmam fontes do Pentágono.

Independentemente de quais anúncios públicos sejam feitos após a reunião, fontes do FSB e do Pentágono dizem que o acordo entre os EUA e a Rússia envolve o reconhecimento dos Estados Unidos da anexação russa das províncias Orientais dominadas pela Rússia e da remoção do regime nazista khazariano. Além disso, os russos e iranianos (com o apoio implícito da China e dos militares dos EUA) forçarão o estado pária de Israel a cumprir as normas e acordos internacionais.

Como mencionamos anteriormente neste boletim informativo, já foi alcançado um acordo entre a Sociedade Dragão Branco e os Illuminati Gnósticos, que permite que a Rússia substitua os EUA na garantia de segurança da Europa Ocidental, com exceção da Inglaterra.


Além disso, neste outono, um agente russo da FSB chegará à Ásia para discutir um novo sistema financeiro com a SDB, o governo japonês, as forças armadas dos EUA e as sociedades secretas asiáticas, dizem as fontes da SDB. Os detalhes do novo sistema financeiro ainda precisam ser acertados, todavia, existe um consenso geral de que envolverá uma combinação de criptomoedas e ouro. Também, existe um acordo para que a Índia tenha um papel muito maior do que tem agora, dizem eles. Os EUA receberão mais financiamento em troca do compartilhamento de parte de sua alta tecnologia secreta com o resto do mundo, acrescentam.

No entanto, por enquanto, apesar deste acordo, Trump tem pedido aos europeus que comprem mais armas americanas (“aumento dos gastos da OTAN para 4% do PIB”) e petróleo (“não comprem dos russos - compre de nós porque protegemos vocês dos russos”), uma vez que os Estados Unidos ainda estão de fato falidos. Também, é por isso que Trump está impondo direitos de importação sobre os produtos chineses. Os EUA precisam de dinheiro para se manterem em atividade.

Quando os EUA eram controlados por oligarcas khazarianos (e que deveriam ser descritos “óleogarcas”), para eles, não importava que os EUA estivessem sendo empobrecidos por seu déficit comercial. Isso porque os chineses estavam usando os dólares que ganhavam com o superávit comercial dos EUA para comprar petróleo do Oriente Médio, a partir das reservas de petróleo lá existentes. Por sua vez, os óleogarcas usavam esse dinheiro para financiar a escravização da humanidade e a criação de um governo mundial controlado pelos khazarianos.

Essa é uma das razões pelas quais, após a reunião da OTAN, Trump disse à CBS que ele achava que a máfia khazariana, conhecida como UE, era a "inimiga". O que ele quis dizer é que esses mafiosos estão drenando a economia dos EUA , através, do comércio. Os americanos pagam por sua proteção, mesmo que estes estejam trabalhando contra os interesses dos EUA.

https://www.cbsnews.com/news/donald-trump-interview-cbs-news-european-union-is-a-foe-ahead-of-putin-meeting-in-helsinki-jeff-glor/

Uma nova evidência do plano Khazariano para escravizar a humanidade, surgiu na semana passada, quando um dos principais membros de uma sociedade secreta asiática disse a esse escritor que eles haviam recebido uma proposta dos khazarianos de usarem todos os japoneses como garantia de títulos. É por isso que o governo japonês tem tentado impor um sistema "Meu Número" aos seus cidadãos. Os asiáticos, sabendo que isso estenderia o sistema de escravidão de dívida babilônica do Ocidente para o Japão, declinaram da oferta.

Enquanto isso, nos EUA, a libertação desse país está se acelerando sob a liderança dos militares e agências. Nesta frente, uma fonte do Pentágono que nos disse na semana passada que Brett Kavanaugh não seria selecionado para a Suprema Corte, tendo a seguinte explicação do porquê de sua afirmação: “As coisas não são o que parecem, uma vez que Trump possa ter escolhido Brett Kavanaugh (BK) no último minuto, apesar de sua pesada bagagem de Bush e encobrimento do assassinato de Vince Foster, tenha sido para que os Democratas pudessem gastar seu capital político e o sabatinassem, caso desejassem”. Em outras palavras, BK é outro cavalo de Tróia que permitirá aos bons controlarem a Suprema Corte no Outono, mesmo quando os bandidos acham que ele ainda seja homem deles.

Fontes do Pentágono, também, estão dizendo que pode haver mais de 80 mil prisões nos EUA, depois de toda maquinaria legal estiver pronta para processar todos os mafiosos khazarianos que serão removidos. Só depois disso terminar, é que começarão a lidar com os europeus e com o governo escravo criminoso do Japão, dizem as fontes.

No Japão, a limpeza começará no ano que vem, depois de Abril, quando o novo Imperador ascender formalmente ao trono, segundo fontes da sociedade secreta asiática. Eles dizem que, também, será quando a unificação coreana e a possível unificação da Coréia com o Japão também começarão. O Japão, também, abrirá suas portas para a imigração em grande escala, a partir do próximo ano, acrescentam as fontes.

Enquanto isso, no México, o popular presidente eleito Andrés Manuel López Obrador (Amlo), também, começou a limpar a máfia khazariana em seu país. Fontes do Pentágono dizem que não vão interferir na limpeza mexicana, mas acrescentam que ele “foi advertido para não permitir que o México venha abrigar mísseis ou bases estrangeiras, vá se unir aos BRICS, cooperar com cartéis de drogas ou mexer com gringos”. Isso deve funcionar, com exceção da parte sobre os cartéis de drogas, que serão incorporados à economia legal do México, quer os americanos gostem ou não, dizem fontes do Vaticano ligadas à Amlo. Isso, porque legalizar e regular as drogas produz melhores resultados do que décadas de fracassada “guerra às drogas”, observam. Os EUA acabarão descobrindo isso.


Auxilie curtindo e compartilhando essa publicação no rodapé da postagem, para que ela possa alcançar cada vez mais Sementes! Gratidão! ❤

Autor: Benjamin Fulford 
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais artigos do Benjamim Fulford Aqui

Poderá também gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...