background

quinta-feira, 30 de agosto de 2018

VOCÊ DARIA A SUA VIDA POR VOCÊ?



Saudações, Amados Mestres!

Há tempos não escrevo algo aqui para regozijarmos em família!

Ao longo de nossa vida conhecemos inúmeros seres, lidamos como muitos em contextos diferentes, alguns em contexto simultâneos, outros nem chegamos a interagir diretamente. Há alguns que você doa seu foco, sua atenção, sua energia, por sentir-se grata pela energia, pela ressonância que sente de volta deste. Alguns seres, temos a oportunidade de conhecer mais afundo e sentir algo próximo ao que reverbera, genuinamente, dentro de seu coração. Quando isso ocorre, quando ressoamos com a energia calorosa e verdadeira que fui daquele coração, nós fazemos questão de que aquela chama nunca se apague, e alimentamos e apoiamos com toda nossa energia, os projetos, as intenções, as ideias daquele ser, pois você sabe que é verdadeiro o que vem de lá! Em muitos casos, você doaria até mesmo a sua vida por aquele ser, pois você enxerga o amor real que vem dele e você sabe que aquilo também faz parte de você.

Você já parou para olhar para você, genuinamente? Encontrar-se verdadeiramente com você, olhar-se nos olhos, conhecer as intenções puras do seu coração, dos desejos genuínos que provem de lá, estes sem filtros programáveis? Já parou para ver você mesmo como um grande exemplo de ser humano que você seguiria sem dúvidas, apoiaria, lutaria, trabalharia ao lado até o final da jornada. Um ser que você daria sua própria vida para apoiar seus projetos e criações, por sentir o calor da verdade amorosa que vem do Lar, através do seu próprio coração. Você já parou para saber se você apoiaria-se sob quaisquer circunstâncias? Já parou para ver se você pode contar com você mesmo? Já parou para conferir se você confia em si mesmo? Já parou para sentir, se você conforta-se em seu próprio abraço quando está com medo diante de um grande desafio? O quanto você passa segurança para você mesmo? O quanto você pode contar consigo mesmo? O quanto você pode dizer: “ Obrigado Deus, por eu ser eu! O quanto você se admira e se honra ao ponto de dar sua própria vida por seus propósitos?

Falar de nossos seres é demasiado conflitante, pois ao mesmo tempo que somos os personagens da história, somos também os escritores da mesma. Somos personagens tão grandes e criativos que o Escritor deixa em nossas mãos a caneta para escrevermos o que desejarmos, pois ele sabe do potencial criativo que temos, ele sabe o quanto podemos embelezar ainda mais a história, pois ele nos fez a partir se si mesmo, ele sabe o quanto pode fazer e apenas confia a caneta a si mesmo, através daqueles personagens. Queridos personagens, que também fazem parte da história, segurem gentilmente a sua caneta confiando que nunca podem errar em suas criações, pois vocês são o próprio escritor depositando tinta no papel. Queridos personagens, segurem as suas canetas e saibam que cada outro personagem também está segurando firme as suas próprias canetas e são tão criativos quanto você! E saiba mais, eles também estão criando com a mente do grande Criador da história, não se preocupem com os traçados que eles dão no papel, mesmo que estes sejam muito diferentes do que vocês estão acostumados a ver.

Crie sem medos, apoie-se, ame-se, honre-se inteiramente, em todas as suas criações e apoie aquela parte sua, expressa em outro ser, em todas as suas criações, pois somente unificados, concluirão a Grande História deste livro. 

E assim é!

Gratidão por reconhecerem suas Divindades!

Gratidão, amados Mestres, por suas intenções sempre positivas!

Melk Sales


Veja mais Melk Sales Clicando Aqui

----------------------------------------------------------------------------------------

VEJA MAIS CANALIZAÇÕES MINHAS CLICANDO AQUI

Amor e Bênçãos,

Gabriel RL 

Poderá também gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...