background

sábado, 15 de fevereiro de 2020

O COLETIVO DE LUZ - "UMA MENSAGEM AOS TRABALHADORES DA LUZ"


Nota da canalizadora: Mais uma orientação para os Trabalhadores da Luz de nossos amigos galácticos e os seres angélicos conhecidos como o Coletivo.

Saudações, amigos! Estamos muito satisfeitos por ter esse tempo para falar com vocês hoje.

Vemos vocês serem corajosos e querendo se sentir inspirados no dia a dia por meio do cumprimento de vários deveres profissionais e familiares, enquanto pagam contas e trabalham para serem saudáveis na mente, no corpo, nas emoções e no espírito.

Através de tudo vocês estão vendo o mundo em suas diversas formas - mantendo-se bem informados, mas não permitindo que nenhuma situação os irrite ou desanime completamente.

E estamos cientes de que, entre essas novas energias, cada vez mais vocês sentem uma outra forma de motivação, ao perceberem que podem, se desejarem, revisar toda a sua vida em linhas novas e mais elevadas.

A primeira pergunta que a pessoa moderna fará é: "Como?", E diríamos que depende de você, de acordo com as habilidades de imaginação e troca de energia que você prefere usar ou aprender agora.

Muitos estão descobrindo, em momentos de meditação, que estão entrando em uma nova visão de si mesmos que nunca haviam visto antes.

Às vezes, essa é uma lembrança da vida nos reinos mais elevados, na qual eles veem que são capazes de movimentar energias imaginando nuvens de cores ou de luz. 

Ou eles veem que são capazes de liberar interferências e densidades em suas energias, imaginando-as se dissolvendo em uma nuvem de Luz ou em uma chama brilhante.

Você está descobrindo que não precisa nomear cada interferência ou peso para liberá-los.

Você simplesmente tem que olhar para a situação externa e perceber: “Há densidade aqui. Eu quero dissolver isso em sua raiz”, mesmo que você não se lembre da intenção original que o colocou nessa circunstância.

Outros estão descobrindo uma nova conexão com a Natureza e um novo entendimento intrínseco de que a mesma energia que flui através das árvores, da grama ou da água também passa pela essência individual de cada um.

E estão percebendo que além dessa conexão, existe a Unidade que ainda não havia sido percebida antes.

Alguns de vocês estão parando por um momento, quando se lembram de algo infeliz do passado - algo que alguém disse ou fez que tornou a vida de vocês mais difícil na época - e sentindo que vocês preferem não julgar ou reter mais nada contra essa pessoa.

Não há apenas coisas melhores para focar, mas há um entendimento de que o que veio antes não precisa definir o momento presente, e que outros também têm pontos cegos e dores para curar e superar, que não têm nada a ver com vocês.

Essas energias estão capacitando muita compreensão interior agora, que no passado talvez visitariam apenas alguns mestres espirituais muito avançados.

Eles falavam de suas descobertas, soando bastante etéreas e elevadas, mas essas experiências não eram muito reais para aqueles que ainda não haviam entrado na vibração que esses entes queridos haviam assumido.

Nem a meditação sozinha leva vocês a ela, por mais inestimável que seja.

Manter um coração aberto e permanecer presente no coração é meditação, como vocês sabem - uma maneira poderosa de meditação.

Pois vocês vivem então em sua essência, no Presente, no Fluxo daquilo que atravessa todas as coisas.

E quando falamos de um coração aberto, queremos dizer mais do que uma vontade de amar de maneira consciente o que parece ser neutro ou positivo para a mente.

Queremos dizer um espírito de abertura, de Permissão, de Aceitação do que Já É, mesmo quando chegam a vocês de maneiras que parecem menos do que ideais.

Muitos estão decepcionados e descontentes com os eventos que estão ocorrendo em seu país atualmente, e não falamos apenas dos Estados Unidos.

Inúmeros países ao redor do mundo estão achando que seus líderes ou seus órgãos parlamentares estão, infelizmente, carentes de responsabilidade e que pouco compreendem das lutas diárias das pessoas que prometeram ajudar e apoiar.

Muitos estão alarmados com os incêndios fora de controle, os padrões climáticos extremos, a sensação de que algo grande está acontecendo - então "por que isto ainda não nasceu?"

Isso pode criar seu próprio sentimento de angústia, ou arrependimento em alguns dias, por ter decidido assumir outra vida na Terra.

Estamos entendendo inteiramente sua impaciência, por um lado, e sua crescente percepção de que alguma coisa nova e bonita pode nascer a partir dessas energias com as quais você está jogando agora.

Em uma mão, você têm a beleza do potencial quântico - tanto o seu playground quanto o seu local de trabalho – e, na outra mão, a fúria alta, embora cansada, de um antigo paradigma da Terra.

E diríamos que, embora a confusão e cansaço sejam compreensíveis, eles não o definem de maneira alguma.

Você ainda é uma rainha ou um rei, um conquistador de densidades, que já presenciou o nascimento de novos mundos, um alquimista com a intenção de tirar ouro de cada experimento.

Se, nos momentos mais densos, você conseguir se lembrar de que não há limites agora, como sua mente lhe disse uma vez, você se liberta de sentir que qualquer situação está presa ou imóvel, ou muito, muito lenta para mudar.

Se você se lembrar de que a música mais brilhante que você já cantou enquanto estava na Alegria dos reinos mais elevados nem se aproxima do poder da beleza da música da Nova Terra, você se liberta para se sentir mais empoderado do que enfraquecido pelo que quer que esteja acontecendo ao seu redor.

E se você puder se lembrar também, naqueles momentos em que a comida da Terra não parece atraente, o ar não parece puro o suficiente, as roupas que você está vestindo não são mais adequadas para este Novo Ser que você está se tornando

-se você puder se lembrar naqueles momentos que esse é um sinal bom e bonito, e não uma indicação de que você experimentará desconfortáveis dores de crescimento para sempre - você faz um grande favor a si mesmo e a um amor interior pela sua jornada.

Não os encheremos de banalidades sobre como "o sofrimento é bom para a alma".

Estamos cientes de que aqueles de vocês que são curadores (e isso é a maioria de vocês) entendem que o sofrimento não é mais um requisito para o aprendizado e o crescimento interno, se é que alguma vez foi.

Também não diremos: "Esse desconforto que você está sentindo é uma coisa boa!", porque o que é chamado de bom ou ruim também faz parte do paradigma que você está deixando para trás.

Diríamos apenas: Você veio aqui para libertar o velho e anunciar o Novo com alegria e entusiasmo.

E sim, alguns dias, você sentirá dores de parto. Porém, você estará fazendo isso.

Se você puder se abster do julgamento de que "a vida é dura" e permanecer neutro quanto a gostar ou não da sua vida no momento, esse é um grande passo à frente.

Nada pode derrotá-los, queridos, quando decidirem guardar suas energias emocionais e processos mentais com a consciência de mil bravos guerreiros angélicos.

Eles estão dentro de vocês, lutando por vocês e pelo direito quem vocês têm de se elevarem acima das circunstâncias, a todo momento.

Namastê, queridos! Estamos sempre com vocês.


Canal: Caroline Oceana Ryan
Tradução: Camila Borges / Sementes das Estrelas
Veja mais O Coletivo de Luz O Conselho Aqui