background

quinta-feira, 21 de maio de 2020

Saul - "É absolutamente essencial que vocês se amem e se honrem"



Estamos nos aproximando da conclusão ou do ponto final do processo de despertar da humanidade! Provavelmente, esse não parece ser o caso de suas perspectivas, pois uma vez que a mídia inunda as ondas de rádio e a Internet com informações erradas sobre a pandemia mundial, além de notícias dos dramas que se seguem. 

No entanto, a humanidade está caminhando em direção a uma nova maneira de viver que mudará totalmente a maneira como vocês se relacionam, na medida em que suas percepções do significado da vida como humanos evolui para a consciência espiritual do real objetivo de suas vidas. Humanos na forma. A memória de suas verdadeiras naturezas está retornando e, portanto, estão vendo suas vidas humanas sob uma LUZ completamente nova!

A Luz do Amor está surgindo em suas consciências, colocando em foco o real propósito de uma vida humana, a saber, reconhecer, honrar e expressar sua Verdadeira Natureza em todos os momentos. E, como todos sabem, sua verdadeira natureza é o Amor. 

E, quando começam a fazer isso, mesmo que a princípio se sintam relutantes em fazê-lo, se encontrarão conhecendo e interagindo com outras pessoas que também estarão fazendo isso. 

Para vocês, isso confirma que esta é a única maneira significativa de viver e lhes desperta a confiança - sempre lá, mas não confiável, devido à sensação de que a confiança em si mesmo é considerada insegura, insensata - e a coragem de definirem e colocar em prática a intenção de apenas amar a todo o momento e de permitir que o Amor guie seus pensamentos, palavras e ações em todos os momentos.

É isso que significa iluminação. Não significa estar fora deste mundo experimentando a intensa sensação sentida do campo infinito do Amor divino envolvendo e abraçando vocês, como relatado por muitos que tiveram Experiências de Quase Morte - que, é claro, é totalmente válido. 

Significa viver no mundo como humanos, em paz consigo mesmos, com o que quer que surja e não serem atraídos para o drama que outros criam a partir de seus fortes sentimentos de gostar ou não de pessoas, comida, atividades, organizações e as crenças e opiniões que eles atribuem para si. 

Um estado de estar livre de preocupações, ansiedade ou medo do que os outros possam pensar de você, porque sabe quem são, com grande sabedoria que escolheram ser antes de encarnarem para experimentar esta vida neste momento, a fim de aprenderem as lições com as quais ela lhes apresenta.

Lembrem-se, todo ser sensível, sem exceção, é divinamente criado no Amor e UM com a Fonte, de quem  nunca fica separado, nem por um instante. Despertar é saber disso e experimentar a Realidade de Si em todos os momentos. 

Sim, surgirão coisas confusas, desagradáveis e dolorosas, todavia, porque sabem quem realmente são e vivem essa verdade o tempo todo, nada que surgir os perturbará, na medida em que se tornam incapazes de lidarem com isso e, consequentemente, afundam em depressão ou vitimização. 

Em vez disso, surgirá como um desafio que aceitam, sabendo que essa é uma das lições que definiram no caminho da sua vida humana antes de encarnarem e, portanto, resolverão com entusiasmo e obterão um profundo sentimento de satisfação ao fazerem isso. 

São seres divinos tendo uma experiência temporária na forma, embora quando a vida pareça estar tratando-os de maneira injusta ou cruel, ela não pareça muito temporária. A vida simplesmente é, não é boa nem má, exceto em sua avaliação pessoal dela. A vida acontece, a vida se desenrola, momento a momento, enquanto vocês, em forma humana, a experimentam, enquanto jogam ou sonham o sonho que a vida na fisicalidade lhes apresenta. 

São momentos que podem parecer instantâneos - momentos de intensa alegria ou prazer - ou intermináveis quando estão sofrendo e/ou com dor. Um momento é apenas um momento, no entanto, a forma como os experimentam é devido às escolhas que fazem - naquele momento!

Todos vocês conhecem ou encontraram pessoas quase sempre otimistas, alegres e entusiasmadas com suas vidas, enquanto outras que nunca parecem felizes, sempre reclamando de algum aspecto ou de outra pessoa. 

Ambos os tipos estão vivendo as escolhas que fizeram por si mesmos. A razão de suas escolhas é baseada, principalmente, nas experiências de vida que encontraram, desde a infância até o presente momento e, definitivamente, aqueles que sofreram uma infinidade de eventos e relacionamentos desagradáveis ou severamente abusivos e prejudiciais precisam de sua compaixão e Amor, livres de julgamento ou vergonha. 

Como todos são UM, tudo o que pensam, dizem ou fazem afeta a si e, também, aqueles a quem direcionam seus pensamentos, palavras ou ações. Portanto, não fazem absolutamente nenhum sentido se envolverem em comportamentos desagradáveis de qualquer tipo - pensamentos, palavras ou ações - porque dessa maneira, então, se dedicam a direcioná-los para si.

Quando fazem a escolha consciente de se tratarem com Amor, justiça e compaixão, torna-se impossível para vocês tratarem os outros de maneira menos favorável. Portanto, é muito, muito importante, de fato, essencial que se amem e se honrem. 

Um grande número de pessoas carrega um fardo pesado de indignidade, falta de Amor e, isso, geralmente é expresso na desaprovação de outras pessoas que, na maioria das vezes, agem como espelhos para elas, porque, é claro, vocês são todos espelhos um dos outros e aquilo que veem nos outros é com muita frequência um reflexo do eu que estão apresentando a eles – experiência amorosa encontra o Amor, experiência de ódio, experimenta ou encontra o ódio. 

Sempre tem uma escolha de como vão pensar, falar ou agir, mas muitos desconhecem esse fato ou optam por ignorá-lo e permitem que suas emoções controlem suas reações ou respostas a situações em que se encontram. Aqueles que escolhem o Amor estão sempre muito mais felizes e em paz do que aqueles que escolhem o que não estão alinhados com o Amor.

Qualquer um que não é Amor está, de fato, chamando desesperadamente por Amor. No entanto, muitas vezes, essas pessoas são tão cheias de sentimentos de vergonha, indignidade ou ódio próprio, que são incapazes ou acham extremamente difícil aceitar o Amor quando lhes é oferecido. 

Obviamente, não podem sair deste estado sem ajuda, mas até que estejam dispostas a reconhecerem que seus problemas estão dentro delas e optam por procurar e aceitarem ajuda, a única coisa muito eficaz que podem fazer por elas é se manterem em silêncio, calmos e pacificamente em seus corações, enquanto lhes enviam Amor, sempre que você pensa,  ou se lembram delas.

Então, reiterando, existe apenas Amor, Mãe/Pai/Deus, Fonte, com quem todos os seres sencientes são UM. 

Portanto, enviar Amor a outro é enviá-Lo para si mesmos e é por isso que vocês, atualmente, estão encarnados como seres humanos, neste momento, no processo de despertar da humanidade. 

Sejam Amor, expressem Amor, compartilhem Amor e desfrutem da paz e do contentamento que isso lhes trará, se puder definir a intenção de fazê-lo incondicionalmente para, em seguida, realmente fazerem o que pretendem, colocando-o em prática. 

Muitas vezes, as pessoas estabelecem uma intenção, mas depois não conseguem implementá-la e, sem perceberem, se perguntam por que isso não é alcançado.

Confiem em si mesmos, confiem verdadeiramente em si mesmos, operem a partir da plenitude de suas integridades pessoais ao enviarem Amor a todos - sem exceção de qualquer tipo - e saibam que é por isso que atualmente estão encarnados, ajudando a levar a humanidade com sucesso e mais magnificamente através de seu coletivo o processo de despertar.

Com muito Amor, Saul.


Canal: John Smallman 
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge
Veja mais mensagens do Saul Aqui