background

quinta-feira, 10 de setembro de 2020

Jennifer Hoffman - "Limites de energia e assumindo o seu poder"

 


Não é interessante como continuamos avançando de uma semana para a outra? Mesmo se tivermos um ciclo de energia desafiador em uma semana, obtemos um alívio na próxima e  nos alinhamos, integramos, corrigimos o curso e seguimos em frente. Nesta semana, temos mais alguns grandes movimentos de energia, à medida que Marte fica retrógrado, Júpiter segue direto e parte do impasse que era o resultado de quase todos os planetas estarem retrógrados é rompido.

Nesta semana, iremos recuperar um pouco de nossa energia, mas apenas se trabalharmos em nossos limites de energia. Neste artigo eu compartilho a história do por que a dália me lembra os limites de energia e por que é importante ter e transmitir nossos limites de energia às pessoas em nossa vida.

Eu sempre penso em limites de energia quando vejo as dálias, porque elas me lembram de uma situação com um de meus filhos. Embora seja engraçada, também é um lembrete de como precisamos ter, manter e declarar os nossos limites de energia. Sem eles, não temos como definir nossos fluxos de energia e o nosso poder. Quando pensamos em perder o nosso poder, é uma questão de limite de energia, porque com limites de energia não temos este tipo de problema.

Os limites de energia não podem ser rompidos (veja a explicação abaixo), mas as linhas podem ser cruzadas e temos uma resposta apropriada, quando temos limites de energia fortes.

Os desafios dos limites de energia surgem quando temos:

1 - Sem limites de energia, então nossa energia (e nosso poder) ficam dispersos e sem intenção

2 - Muitos limites de energia porque tentamos fazer todos felizes e acomodar as necessidades de todos

3 - Limites de energia negociáveis ​​em que temos alguns limites de energia, mas os aumentamos e diminuímos para que possamos atender às necessidades dos outros.

Você vê um tema comum aqui? Precisamos definir nossos limites de energia e mantê-los para que tenhamos uma base de energia forte e um grande recipiente de energia. Nossos limites de energia fazem mais do que definir o fluxo de nossa energia e como mantemos nosso poder; eles também são como definimos a nossa frequência de energia e vibração para receber a energia.

Quanto mais forte for o limite de energia, quanto maior for o recipiente de energia, mais energia podemos receber. Quanto mais fortalecidos ficamos por nossos limites de energia,  mais elevada a nossa frequência de energia, e mais elevada a frequência de transmissões que podemos receber.

Quão grande você pode tornar o seu recipiente de energia? Quão fortes você pode tornar os seus limites de energia? Você pode ignorar aqueles que "cruzam a linha" e desafiam os seus limites de energia?


Autor: Jennifer Hoffman 
Facebook: Jennifer Hoffman
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Veja mais Jennifer Hoffman Aqui