background

terça-feira, 13 de outubro de 2020

Sarah Varcas - "Ainda tem muito jogo pela frente"



Mercúrio estaciona retrógrado no 12º grau de Escorpião em 14 de outubro. Ele retrograda em Libra em 28 de outubro e estaciona direto no 26º grau de Libra em 3 de novembro, finalmente retornando ao seu grau retrógrado original em Escorpião no dia 20 de novembro de 2020.

Todas as datas e horários estão em UTC

Mercúrio em Escorpião não descansa até que a verdadeira raiz de uma questão seja exposta. Ele nos desafia a procurar programações ocultas e fatos obscuros, resistindo às orientações enganosas lançadas por aqueles que preferem que nós (ou eles) permaneçam no escuro. Quando retrógrado, este Mercúrio persegue verdades tão profundamente obscurecidas, que precisam lutar até o último suspiro para sobreviver. Assim fazendo, ele desafia as maquinações de engano e propaganda, girando as rodas do medo neste mundo cada vez mais disfuncional.

Em oposição a Urano enquanto estaciona retrógrado, este Mercúrio promete algumas revelações interessantes e inesperadas nas próximas semanas. Fique atento a motivações ocultas reveladas, mentiras expostas e ao desfecho de suposições aparentemente sólidas, diante das novas informações que chegam à esfera pública. Como resposta, poderemos assistir a um movimento cada vez mais intenso de negação, manipulação e enganação por parte daqueles que prefeririam que tais informações permanecessem no escuro. Tente não ficar desanimado com isto. O fluxo e refluxo de revelação e reação continuará por algum tempo ainda, mas a cada onda que se quebre na praia da verdade, o engano subjacente se enfraquecerá em seu âmago.

Questione tudo. Fique alerta. Mantenha sua mente aberta e seu coração desperto para aquelas situações em que o amor é extremamente necessário para facilitar nossa passagem pelo cadinho da mudança. A nova Superlua em Libra, ocorrendo em 16 de outubro, nos lembra que a consciência de nossa interconexão deve formar o coração do que acontecerá a seguir. Não podemos agir sozinhos, pois mesmo o indivíduo mais aparentemente isolado faz parte da teia energética da qual todos surgimos. Cada pensamento e ação tem consequências, por isso devemos pensar e agir bem.

CONFLITO CORAGEM E COMPAIXÃO

Marte e Eris estarão em oposição ao Sol quando Mercúrio ficar retrógrado, portanto poderá ser difícil evitar algumas batalhas pela frente. Com tantas forças opostas neste mundo, o conflito se mescla no atual arco evolutivo. Nosso poder reside em como contribuímos com isso. Nós nos apresentamos com paciência e disposição para escutar, ou aos berros para abafar a voz da outra parte? Nós contribuímos para a polarização, ou procuramos um solo fértil em comum? Nós escolhemos cuidadosamente as nossas lutas, ou entramos em todas as contendas com nosso discurso preparado e nossa intenção de ganhar a discussão?

Com tantas forças de opressão terríveis, abertamente ativas em nosso mundo hoje, às vezes é difícil não se sentir desesperado com o modo que as coisas progridem a partir daqui. Mas a Superlua nova, em 16 de outubro, desperta o coração corajosamente compassivo, que abraça o mundo com um amor tão tenaz, que nada pode obstruir seu caminho. E quando Mercúrio retroagir para Libra em 28 de outubro, seu impacto direto em nossas relações pessoais e globais ficará cada vez mais claro, à medida que um número maior de pessoas passe a ser a mudança que elas próprias desejam ver, assumindo seus Eus Soberanos sem apresentar desculpas.
[NT: sobre a Superlua Nova, leia também “Amor Selvagem” em https://www.facebook.com/vera.lccorrea/posts/3002850616487255]

TOLERÂNCIA E PACIÊNCIA

O Símbolo Sabiano para o grau em que Mercúrio estaciona retrógrado é um “baile da embaixada”. Aqui vemos a elite global relaxando sob a proteção de acordos internacionais, segura em sua torre de marfim de privilégios. Que imagem interessante para estes tempos! À medida que Mercúrio ilumina este grau, aqueles que fazem mau uso desse poder são notificados de que seu tempo e influência estão se esgotando. A deferência da opinião popular está dando lugar ao auto-empoderamento e à rejeição da subserviência baseada no medo que sequestra nossa soberania inata.

Apesar disto, também precisaremos de tolerância e paciência, pois as recompensas desta temporada retrógrada não serão imediatamente aparentes. Na verdade, é possível que nós inicialmente percebamos o toque de Mercúrio como um contratempo, que nos desafia a confrontar os aspectos em que não estamos tão seguros, resolvidos ou informados quanto acreditávamos anteriormente. Esta passagem de Mercúrio é propícia ao questionamento de certezas do passado, em meio a uma necessidade crescente de nos libertarmos de perspectivas anteriores cada vez mais desalinhadas com o arco de desenvolvimento dos eventos recentes.  

Em outubro de 2020 veremos o desenvolvimento de uma percepção que se acentuará ao longo de novembro e dezembro, à medida que mais e mais pessoas despertem para um mundo que elas não conseguem reconhecer nem endossar. Durante os três meses finais deste ano, haverá um trabalho interno profundo e penetrante a ser feito, se quisermos capitalizar essas energias reveladoras e transformá-las em força para uma mudança positiva e focada na liberdade.

Assim sendo, o imprescindível neste momento é a honestidade – com nós mesmos e uns com os outros. Se pudermos reconhecer onde fomos enganados por uma falsa sensação de segurança, e entregamos o nosso poder ou aceitamos meias medidas como melhores do que nada, estaremos preparando as bases para a conjunção final de Júpiter e Plutão em 12 de novembro de 2020, quando as questões que surgiram pela primeira vez em março e abril deste ano atingirão um pico inicial, antes que a conjunção de Saturno e Júpiter em dezembro de 2020 desestabilize ainda mais suas fundações.

AINDA TEMOS MUITO JOGO PELA FRENTE!

Portanto, esta passagem de Mercúrio retrógrado não trará, ela própria, os resultados esperados; mas, em vez disso, registrará essa ordem no campo de potencialidades do qual surge o nosso futuro. Se neste ponto estivermos hesitantes, em dúvida se temos ou não o que é necessário para nos movermos na direção indicada pelo nosso coração, Mercúrio retrógrado nos lembrará que devemos estar preparados para cometer erros, a fim de fazer a jogada certa. Não conseguiremos fazer nada se exigirmos resultados garantidos e infalíveis. Não há garantias, mas temos muito pelo que jogar. A intenção é a chave. E todas as ações nascidas da sabedoria e do amor, mesmo que não acertem o alvo, ainda contribuem com uma energia de equilíbrio para a narrativa do medo que infantiliza e a tática de “dividir para dominar”, perpetuadas em nosso mundo hoje.

Com Saturno e Plutão novamente em seu curso direto, muitos que estão em posição de autoridade procurarão favorecer suas agendas de modo decisivo e prático. Esta passagem de Mercúrio retrógrado sinaliza uma oportunidade para refletirmos sobre como cada um de nós pode firmar o amor, a esperança e a sabedoria como blocos de construção do nosso futuro pessoal e coletivo para combater o medo, o controle e a manipulação tão abundantes atualmente.

Independentemente de como esta passagem de Mercúrio toque a sua vida, lembre-se que este é apenas o início de um trabalho mais profundo e complexo das atuais energias evolutivas. Ainda há muitas coisas que nós simplesmente não conseguimos enxergar do nosso atual ponto de vista. Mas as sementes plantadas no solo do nosso presente prometem produzir uma colheita abundante, se cuidarmos bem delas

Sarah Varcas


Autor: Sarah Varcas 
Tradução: Vera Corrêa - veracorrea46@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/AstroAwakenings
Veja mais Artigos Aqui