Atualização: A sinfonia cósmica e sintomas - Sementes das Estrelas

Atualização: A sinfonia cósmica e sintomas

Compartilhe esse artigo

Em 26 de agosto de 2021, uma forte explosão solar e ejeção de massa coronal ocorreu e está sendo chamada de “Tsunami Solar” por físicos de todo o mundo, como os da NASA. Os campos interno e externo da Terra / Gaia foram ativados e registrados em equipamentos. spaceweather.com

Sintomas

Não é incomum sentir um zumbido aumentado nos ouvidos (ouvir outras dimensões e flutuações gerais da energia cósmica), dores de cabeça (ajustes nas glândulas pineal e pituitária), tonturas (o vaso físico se esforçando para se ajustar ao fluxo planetário), dores musculares e articulares e dores (o físico tentando se adaptar ao processo de transformação da LUZ conforme recebe o DNA dentro de cada célula), dificuldade de dormir (tanta energia está trabalhando na mente, corpo e emoções que altera os padrões hormonais), ondas de calor com possivelmente sudorese (as moléculas estão girando mais rápido), ritmos cardíacos acelerados (aclimatação ao ritmo terreno mais rápido) e exaustão extrema (mente, as emoções e físico precisam se ajustar às transformações célulares).

Muitas pessoas sentem essas energias dias antes de sua chegada e, certamente, quando chegam à Terra / Gaia, a maioria das pessoas no planeta está sentindo a “Sinfonia Cósmica” em sua frequência crescente.

As pessoas sentirão a penetração da LUZ de várias maneiras – algumas muito potentes e outras apenas suavemente – de acordo com o quanto precisa ser apagado na memória celular, dentro de cada partícula subatômica.

Além disso, a energia particular de outros planetas, os fluxos de cometas, meteoritos, asteróides , todos acrescentam frequências musicais somando-se à nossa.

Tornar-se grande músico exige desejo e prática.

As pessoas entrarão no “Auditório Cósmico” em diferentes tempos conforme se elevam em consciência para se conectar com seus Eus Superiores.

Isso é tão necessário para lidar com os aspectos “3 D” das energias vibracionais inferiores que estão sendo removidos de nosso planeta ascendente.

Os próximos dias serão preenchidos com experiências de aclimatação devido ao “Tsunami Solar”, então é melhor autonutrir-se tanto quanto possível com praticas espirituais e naturais.

Seus tons e ritmos musicais nos abençoarão com regeneração, revitalização e renovação.

Na segunda-feira, 30 de agosto, inicia-se a “pré-sombra” do próximo Mercúrio Retrógrado, que vai de 27 de setembro a 18 de outubro, em que a energia do planeta é ampliada.

A “pós-sombra” de 19 de outubro a 6 de novembro. Esta sua “música” nos permitirá refletir, revisar, refazer e recriar – o foco será em questões de justiça mundial, relações humanas e equilíbrio em muitos níveis de consciência.

A mídia de notícias será preenchida a partir de agora ao longo das semanas restantes do verão e no outono (hemisfério norte) e primavera (hemisfério sul) com todos os tipos de informações relativas a revoluções, guerras, protestos, acusações sexuais, o vírus, as inoculações e muito mais.

Fique calmo. Centre-se na LUZ.

Verdades estão sendo reveladas.

Ouça a “SINFONIA DIVINA”.

“Toque” sua parte sagrada na “orquestra”.

Seja LUZ.

Resumo baseado em artigo de Dr. Schavi M Ali

https://www.disclosurenews.it/

Em 28 de agosto, o primeiro dos dois quadrados exatos entre Eris Plutão estará ocorrendo:

Influenciará para muitos protestos contra as restrições pelo ví.rus, e ataques para dominar os meios de comunicação.

É impossível prever como tudo isso se manifestará, mas entre agora e o final de outubro, um objeto do Cinturão de Kuiper chamado Altjira está em conjunção exata com Rigel, a estrela das forças das trevas de Orion:

http://markandrewholmes.com/altjira.html

Este é o momento de grande purificação das forças Rigelianas que invadiram o planeta Terra em 1996, e após esta purificação, em meados / final de outubro, será muito mais fácil manifestar os sonhos da Era de Aquário na superfície deste planeta.

O asteróide 148780, Altjira, um objeto do cinturão de Kuiper, foi descoberto em 20 de outubro de 2001 pela Deep Ecliptic Survey no Kitt Peak Observatory perto de Sells, Arizona. Ele faz um ciclo de 294 anos e 363 dias.

Foi nomeado Altjira, o Pai Celestial do ”Tempo do Sonho” na mitologia da tribo Arrernte de aborígenes australianos. Altjira criou a Terra e depois retirou-se para o céu, recusando-se a intervir nos assuntos terrenos.

Fonte: https://www.disclosurenews.it/
Tradução: Vilma Capuano

Compartilhe esse artigo

About Author

Neva (Gabriel RL)