segunda-feira, 4 de julho de 2016

Paulo de Tarso - "Biografia, outras encarnações, Ascensão e Filme"


Autorização para publicação exclusiva no Blog Sementes das Estrelas, do Gabriel Raio Lunar. Fonte: www.animamundhy.com.br Para autorização, entre escreva para contato@animamundhy.com.br


Homenageando o Patrono da cidade de São Paulo!

Aproximadamente no ano 10 da Era Cristã, em Tarso (capital da Cilícia, território atual da Turquia), nascia Sha'ul, descendente de uma família de judeus da diáspora (*).

(*) Diáspora: é um termo usado com muita frequência para fazer referência à dispersão do povo judaico no mundo antigo, a partir do exílio na Babilônia no século VI a.C. e, especialmente, depois da destruição de Jerusalém em 70 d.C.

Paulo de Todos os Povos!

Sha'ul, conhecido pelos gregos de Saulos, passa a usar um nome latino: “Paulus”, quando fez a sua primeira viagem missionária no mundo greco-romano. Na época, o chamavam de “Paulus, da cidade de Tarso”.

Sua história de vida é bastante interessante e está retratada no filme “Paulo de todos os Povos”, do diretor Roger Yong. (Veja o filme ao final desse texto).

Paulo de Tarso: primeiro Canal Espiritual de Jesus?

Reconstituição facial de Paulo feita pelos especialistas do LKA Renânia do Norte-Vestfália, Alemanha.

Paulo de Tarso - ou Saulo de Tarso -, é o único apóstolo de Jesus que nunca o conheceu pessoalmente e foi o maior divulgador das Suas ideias no mundo ocidental. 

Após uma revelação espiritual, Paulo de Tarso mudou sua visão a respeito dos seguidores do recém crucificado Jesus e sai em busca da Verdade a respeito dos Seus Ensinamentos, anotando relatos daqueles que presenciaram Sua vida.

Paulo de Tarso afirmava receber informações diretas de Jesus Ressuscitado, dando-nos a entender que foi o primeiro canal de Jesus que se tenha conhecimento.

Disseminou os Ensinamentos de Jesus para além da Palestina e atualmente é considerado o impulsionador do Cristianismo no mundo ocidental e a origem do catolicismo é atribuída a ele.

Paulo de Tarso: culto, letrado e escritor

Paulo de Tarso - Artista desconhecido 

Na época, a cidade de Tarso era um forte centro intelectual do oriente e acredita-se que a formação educacional de Paulo tenha sido influenciada por uma grande movimentação cultural ao seu redor.

Por volta dos 13 anos, Paulo foi enviado a Jerusalém para continuar seus estudos e aprender o ofício de “fazedor de tendas”, costume da época.

Foi educado por Gamaliel, um famoso e bem-conceituado instrutor da tradição farisaica e sua formação pode ser comparada com a atual educação universitária.


Numa época onde poucos sabiam ler e escrever, Paulo de Tarso aprendeu aramaico, hebraico, grego e latim. Foi considerado um influente escritor do cristianismo primitivo, cujas obras compõem “As Cartas de Paulo” do Novo Testamento. Durante aproximadamente 30 anos proferiu sermões por toda a Ásia Menor e Mediterrâneo, fato que deu-lhe a "fama" de um orador exímio em temas relacionados aos Ensinamentos de Jesus.

Paulo de Tarso e a Grande Fraternidade Branca


Posteriormente, encarnou como Santo Hilarion, sua última vida antes da Ascensão. Santo Hilarion, tornou-se um eremita, fez voto de silêncio e viveu no anonimato. Dedicava-se a arte da cura, tendo realizado diversos milagres ao longo de sua vida, os quais serviram para equilibrar seu carma e complementar a missão do apóstolo Paulo.

Ascensionou em 571 d.C., quando assumiu, na Grande Fraternidade Branca Universal, a coordenação do Raio Verde que irradia Verdade Absoluta, Equilíbrio e Cura.

Paulo de Tarso foi uma das encarnações do Mestre Ascensionado Hilarion, representante da Chama da Verdade na Terra - desde Atlântida.

Um fato que poucos sabem!

Debret. Vista geral da cidade de São Paulo - 1827

O povoado de São Paulo de Piratininga surgiu em 25 de janeiro de 1554 com a finalização Ode uma construção do colégio jesuíta, no alto de uma colina escarpada, entre os rios Anhangabaú e Tamanduateí.

O nome São Paulo foi escolhido porque o dia da fundação do colégio foi 25 de janeiro, mesmo dia no qual a Igreja Católica celebra a conversão de Paulo de Tarso.

Um fato que poucos sabem, é que entre 1782 e 2008 Santa Ana, mãe de Maria e avó de Jesus, foi a padroeira oficial da cidade de São Paulo, apesar do seu nome estar homenageando Paulo de Tarso.

Apenas em 2008, a Arquidiocese de São Paulo decreta o apóstolo Paulo (Saulo de Tarso ou Paulo de Tarso) como o padroeiro oficial da cidade, em homenagem aos 2 mil anos de sua conversão ao cristianismo.

Conheça mais. Assista ao filme: Paulo de Todos os Povos


Luz e Paz,

Tania Resende


Autor: Tania Resende
Fonte: Anima Mundhi
Veja mais Artigos Aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...