background

quarta-feira, 30 de maio de 2018

VOCÊ ESTÁ VIVENDO A VIDA ERRADA?



Quando fazemos escolhas baseadas nos critérios errados, distantes do nosso verdadeiro eu, de nosso dharma, nós nos afastamos de nossa vida. Isso gera uma crescente sensação de desarmonia e frustração. 

Você tem a sensação de que está tudo fora dos eixos? Que nada vai do jeito certo?

É possível que você esteja vivendo a vida errada. Veja aqui como isso acontece e como consertar.

Assista ao meu vídeo sobre este tema: https://www.youtube.com/watch?v=dSzSjGbRcOc

Quando fazemos escolhas baseadas nos critérios errados, distantes do nosso verdadeiro eu, de nosso dharma, nós nos afastando de nossa vida. Isso gera uma crescente sensação de desarmonia e frustração.

Você começa a sentir que tudo está dando errado. A mente fica agitada sempre, o sono fica ruim e a saúde precária. Pode surgir uma sensação de caos na vida ou um latente desespero por achar que não há saídas. 

O erro se constrói lentamente. Você começa escolhendo a faculdade errada, baseada naquilo que vai lhe trazer mais dinheiro, ou talvez que seus pais queriam que fizesse, ou que sua turma valorize. O certo seria ter escolhido com base em seu dharma vocacional, seu chamado para esta vida, sem se preocupar com dinheiro, status ou a opinião dos outros.

Com a formação errada, você escolhe um emprego errado. Ao invés de escolher um trabalho que tenha significado para você, que promova valores que são reais e importantes para você, você pega o que consegue, o que paga melhor, ou que é mais conveniente.

Com o emprego errado você acaba vivendo no lugar errado e tendo como amigos os colegas de trabalho que não tem tanto a ver com você.  Você sai com as pessoas erradas, fazendo atividades erradas que não vibram em seu coração. E talvez você case com a pessoa errada, baseando-se em critérios superficiais como beleza, poder ou dinheiro, ou medo e insegurança. Assim, é impossível ser feliz.

A solução é agora retomar o foco no que é real, no dharma, na alma, em que você realmente é. A solução é criar coragem e gradualmente ajustar sua vida, trazendo tudo mais perto de seu coração, de quem você realmente é.

Tire um tempo para se conhecer. Crie um espaço interno de contemplação e reflexão para ser amorosamente honesto consigo mesmo. Com gentileza, paciência e determinação, comece a desfazer os erros, e busque seus valores, seus propósitos, ou seja, seu dharma. 

Tenha a coragem de ser você!


Autor: Colunista do Site O Segredo
Fonte: https://osegredo.com.br/
Veja mais Artigos Aqui

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...