background

quarta-feira, 15 de abril de 2020

Afinal, para que estamos vivos?


Provavelmente, você já deve ter feito essa pergunta em alguma fase da sua vida.

Por que estou vivo? Para que isso tudo? Por que existem sofrimentos que tenho que passar? O que a vida quer me ensinar? Qual o sentido da vida ser assim comigo?

Essas inúmeras perguntas são feitas por muitos de nós. Arrisco dizer que 100% da população, em algum momento, já pensou ou pensará sobre alguma dessas perguntas.

Afinal, estamos vivos para quê? Existe um propósito?

Claro que existe!

Você está aqui para aprender o sentimento mais sublime de todo o Universo. Você encarnou no planeta Terra, que é a faculdade mais difícil de todo o sistema dual, para aprender sobre o AMOR. Sim, o Amor Crístico, aquele que o nosso grande Amigo, Irmão e Mestre Jeshua veio nos ensinar. Todas as suas pregações e ensinamentos vieram contribuir para a nossa evolução até atingirmos o nosso propósito.

Então, o objetivo de todos nós é o Amor Crístico? Sim. Esse é o fio que liga todas as criaturas desse mundo. É o cume da montanha que todos temos que escalar. Alguns com mais facilidade e rapidez; outros com mais cadência e cautela. Cada ser com a sua particularidade e velocidade de aprendizagem. Tudo dentro da perfeita Ordem respeitando a força do Livre-Arbítrio.

Jeshua não veio nos salvar, tampouco dizer o que é certo ou errado. Ele veio nos entregar ferramentas necessárias para despertar o poder de cada um de nós. Concedeu conselhos e sugestões para que cada um possa escalar a montanha da melhor maneira possível.

Os caminhos e possibilidades podem ser infinitos, mas o fim é um só: o Amor.

Não há outro motivo de estar vivo, senão sentir e viver o Amor Crístico na fisicalidade.

Já percebeu que, quando preenchemos alguns momentos de Amor, nossa vida se torna leve e tranquila? Sente também que pensamentos e ações baseadas no Amor mais puro são sempre satisfatórios e criam uma esfera de paz? É uma sensação de estar em casa, não concorda?

São nesses momentos em que você chega cada vez mais perto do propósito final da vida. Essas situações são apenas um pequeno vislumbre do grande Amor trazido por Jeshua. O nosso Irmão não criou esse tal Amor, apenas clareou, exemplificou e contou parábolas para que as pessoas pudessem compreendê-lo e acessá-lo dentro de seus corações. Ele não é exclusivo de nenhuma entidade elevada espiritualmente, pois está em cada um de nós.

Não há um ser encarnado no planeta Terra que não tenha uma fagulha do Amor Crístico em sua essência, em seu coração. Do mais trevoso ao mais iluminado ser, todos detêm essa lâmina de Amor. Alguns deixam esse raio de luz ir tomando conta do seu ser, outros ainda o mantém adormecido.

Todos somos filhos de Deus e temos a nossa Centelha Divina, pois viemos Dele.


Descemos para a fisicalidade para experienciar o distanciamento da Fonte e reaprender o Amor Crístico. Esse foi o jogo e o desafio que escolhemos. Não há outra alternativa, senão buscar o recurso mais poderoso que já existe dentro de nós.

Seja qual for o caminho que você venha trilhar, o Amor será sempre o seu objetivo. O que vale é se aventurar em todo lugar, do mais assombroso ao mais iluminado, porque pessoas e circunstâncias são oportunidades perfeitas para você vislumbrar  o Amor Crístico em sua plenitude. Abrace a vida e o seu caminho com toda a força!

É SIMPLES! Amar, amar e amar incondicionalmente.

No fim, a simplicidade em amar é o foco. Não há complexidade.

Apenas amar, permitir ser amado e ser um exemplo de Amor.

SEJA o Amor e VIVA o Amor!

Com muito Amor, verdade sincera e gratidão,

Igor Mocarzel


Autor: Igor Mocarzel (Equipe Sementes das Estrelas)
Facebook: https://www.facebook.com/mocarzel.igor
Youtube: Clique aqui
Revisão de texto: Solange Yabushita e Marilene P. Costa
Para mais Artigos como esse, Clique Aqui