background

terça-feira, 12 de maio de 2020

Igor Mocarzel - "O que devo fazer para ser virtuoso?"



Engana-se aquele indivíduo que, por arrogância ou ignorância, acha que o homem virtuoso é aquele que detém todos os conhecimentos da vida material e espiritual. O verdadeiro homem virtuoso é aquele que faz uso dos seus recursos atuais para semear o bem maior. É aquele que manifesta o Amor Crístico em todas as searas da vida, sejam elas na família, no trabalho ou até mesmo em ambientes não muito elevados vibracionalmente.

O ser que entende a dimensão da verdadeira virtude, não se preocupará em buscar mais conhecimentos técnicos ou informações sobre o outro lado da vida, pois compreende que a verdadeira virtude está em ter um coração amoroso, compassivo e cheio de gratidão.

O mundo externo não acrescenta nada ao coração do homem, mas sim o mundo interno. O que vem de fora são apenas projeções e desafios para que o homem entenda que ele deve se voltar para dentro. O mundo é um jogo de xadrez que o tempo inteiro nos convida a olhar para nós mesmos. Não há nada de misterioso lá fora, mas aí dentro, sim!

O mundo interno é a chave de todas as virtudes. Desde o indivíduo mais rico ao mais pobre, do mais letrado ao analfabeto. Todos detêm a virtude para irradiar o amor, compaixão e felicidade entre os povos.

Não há necessidade de fazer grandiosas obras para se tornar virtuoso e amado. O único pré-requisito é a verdade e o compromisso em se lapidar.

O homem virtuoso compreende que o jogo interior é o cadeado e a chave de toda a sua experiência terrana. Percebe que a virtude não vem dos livros, mas da sua experiência como humano. Entende que é vivendo a vida em sua plenitude que as suas virtudes submersas emergem, afloram. Não há lugar especial ou hora exata para aprender aquilo que já se sabe, aquilo que já vem dentro de cada indivíduo.

Ninguém é capaz de ensinar ao outro aquilo que ele mesmo tem que aprender através do seu próprio suor e vivência.

A figura do mestre é ideal para as almas que ainda não compreendem esse jogo da vida, especialmente para aquelas que buscam no externo a resposta de tudo em sua existência. O seu papel é relembrar, constantemente, que cada ser é um universo em si e todas as respostas estão dentro de cada um.

Sendo assim, não há a menor necessidade de poderes especiais ou conhecimentos da materialidade. Para se tornar um bom homem na Terra, um homem virtuoso, basta ter um compromisso diário com a sua própria alma.

Os maiores voos foram alçados por almas que olharam para dentro de si e perceberam a sua verdadeira força. Afinal, ninguém é menos especial ou mais especial que o outro. Viemos da mesma família, mesma origem e mesma energia.

O amor e o poder somos todos nós.

Com muito amor, gratidão e verdade sincera,

Igor Mocarzel


Autor: Igor Mocarzel (Equipe Sementes das Estrelas)
Facebook: https://www.facebook.com/mocarzel.igor
Revisão de texto: Solange Yabushita e Natália Faria
Para mais Artigos como esse, Clique Aqui