Lidja Ablamska – “Seja seu próprio remédio”

Compartilhe esse artigo
Olá, amor! Como você está se sentindo hoje? Tire um momento e sente-se quietamente com seus sentimentos – ouça a si mesmo. Todos eles importam. Todos são uma bela parte sua. Não importa o quão desconfortáveis eles sejam – deixe-os fluir…Tudo o que você está sentindo é perfeito. Simplesmente precisa ser dada uma voz ao sentimento. Ele deseja ser ouvido. Sentido. Entregue-se à suavidade de sua  presença divina…Você está com medo? Com raiva? Frustrado? Aborrecido?

Você sente seu coração machucado por seus entes queridos? Pelo mundo? Você tem vontade de ser mau? Você tem vontade de enfrentar aqueles que estão sendo maus? Você sente uma sensação de paz enquanto há uma notável corrente subterrânea de ansiedade? Você sente tudo e então nada?

Neste momento – Seja seu próprio remédio – PERMITA-SE SENTIR.

Pode ser mais confortável procurar uma comida para te acalmar, ficar com raiva de um ente querido, atacar alguém online, fechar-se com um travesseiro sob sua cabeça e um filme na tela…

…Mas, realmente – o que sua alma e seu coração estão querendo neste momento é SENTIR.

Abrace todo o seu ser.

Exatamente como você está neste momento.

Isto é medicina divina – virar-se em direção a si mesmo – abraçando tudo o que está vindo à superfície para ser visto, sentido e liberado…alquimizado – de serem suas emoções de sombra para se tornarem sua Luz e força. E você ganha novamente o poder precioso que tem esperado para ser descoberto há tanto tempo…Pode ser desconfortável ir em direção ao desconfortável. Porém o remédio de abraçar a si mesmo em seu desconforto é o caminho em direção à liberação da dor emocional e desconforto que você está enfrentando…Marque um encontro consigo mesmo! Acenda uma vela.

Coloque à sua frente uma flor ou um objeto que lhe traga conforto. Faça um diário. E escreva tudo. Coloque a música que fala com você agora – barulhenta ou nostálgica – e dance seus sentimentos…

Deixe-os fluir através e para fora de você. Pegue um cobertor confortável ou um brinquedo macio, abrace-os apertado e chore tudo. Grite tudo. Não existe sentimento errado ou feio. Tudo apenas é…

…Você tem o poder de transformar isto em uma doce medicina para você e para aqueles ao seu redor.

Antes que a intensidade que você está sentindo se transforme numa ação que machuque os outros, online ou pessoalmente, ou o coloque em um estado de estresse, marque um encontro consigo mesmo. PERMITA-SE SENTIR…Esta ação de autocuidado sagrado irá ondular como fios dourados da alma em expansão, reconhecendo, vendo, sentindo – em toda parte.

Iluminando seu coração, liberando seu corpo da contração, acalmando seu sistema nervoso, trazendo um senso de pensamento claro novamente…

Sinta e seja amável consigo. E com todos ao seu redor que também estão sentindo profundamente agora. Se houver um grupo online que você se sinta seguro em compartilhar, fale como você está se sentindo e seja ouvido.

Permita que os outros mostrem as suas verdades também. Peça ajuda se precisar…Todos nós precisamos disso agora. Este período de intensidade global de sentir profunda e intensamente – é um portal para nossa cura pessoal e coletiva. Honre esta jornada de libertação, aceitação e retorno à casa da compaixão por si mesmo e pelo mundo ao seu redor.

Com muito amor e abraço angélico,

Lidja Ablamska



Autor: Lidja Ablamska
Tradução: Roseli Giusti Zahm e Marco Iorio Júnior 
Veja mais Artigos Aqui
Compartilhe esse artigo

About Author

Neva (Gabriel RL)